Bolsonaro diz não querer filha grávida aos 10 anos e apoia abstinência sexual juvenil

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, afirmou na quarta-feira não querer que a sua filha engravide aos 10 anos, colocando-se a favor de uma campanha lançada pelo seu Governo pela abstinência sexual entre jovens.

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH) do Brasil, Damares Alves, lançou este mês uma campanha com o intuito de atrasar a idade média com que os jovens brasileiros iniciam a atividade sexual, medida que tem sido bastante criticada.

“Quando ela [ministra Damares] fala em abstinência sexual, esculhambam [criticam]. Eu tenho uma filha de 9 anos. Você acha que eu quero a minha filha grávida no ano que vem? Não tem cabimento. É essa a campanha que a ministra faz”, disse Bolsonaro aos jornalistas ao sair do Palácio da Alvorada, residência oficial em Brasília, citado pela agência Lusa.

O Presidente responsabilizou os governos anteriores do Partido dos Trabalhadores (PT), liderados por Lula da Silva e Dilma Rousseff, pela “depravação total” que o país atingiu.

“Essa liberdade que pregaram ao longo de todo (o Governo) do PT, de que vale tudo, glamoriza-se certos comportamentos que um chefe de família não concorda, chega a esse ponto, uma depravação total. Nem na sala de aula se respeita mais”, considerou.

Em causa está a campanha denominada “Adolescência primeiro, gravidez depois – tudo tem o seu tempo”, lançada na segunda-feira, cuja proposta tem o objetivo de reduzir os elevados índices de gestação na adolescência que, no Brasil, estão 50% acima da média mundial, de acordo com o MMFDH.

Em entrevista à agência Lusa na semana passada, em Brasília, Damares Alves defendeu que, apesar de o seu ministério ser umas das pastas com menor orçamento, irá lutar para atrasar a iniciação sexual dos adolescentes e, consequentemente, diminuir o índice de gravidez precoce no país.

Valter Campanato / ABr

Ministra de Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves

“Os meninos começam a ter relações sexuais no Brasil, em média, com 12 anos, e as meninas com 13. O Código Penal brasileiro diz que é considerada violação a relação sexual com menores de 14. Como eles têm sexo com 12 e 13 anos, alguém vai ter de alterar o Código Penal para ajustar as idades, o que, de certa forma, levaria a uma alteração na legislação criminal, praticamente autorizando a pedofilia”, disse a ministra.

“Precisam mesmo de ter sexo com 12 anos? Uma menina de 12 anos está com o corpo pronto para ser possuída duas ou três vezes por semana?”, questionou a ministra, acrescentando que pretende levar a cabo uma conversa sobre “biologia e anatomia”.

A campanha de Damares Alves tem causado bastante polémica no país, especialmente por especialistas, que veem riscos na sua proposta.

Entre as organizações que se opõem à campanha do MMFDH está a Rede Feminista de Ginecologistas e Obstetras, que emitiu um comunicado frisando que “pregar a abstinência, e deixar de fornecer informação adequada sobre saúde reprodutiva e sexual, não fará com que os adolescentes deixem de fazer sexo”.

Ainda ao defender a campanha a favor da abstinência sexual entre os jovens, Bolsonaro falou de doenças sexualmente transmissíveis, afirmando que os portadores do vírus VIH, transmissor da sida (síndrome da imunodeficiência adquirida), são “uma despesa para todos no Brasil”, além de um “problema sério” para o próprio infetado.

O Ministério da Saúde brasileiro informou em novembro passado que cerca de 135 mil pessoas vivem com VIH no país e não sabem, o que levou o Governo a lançar uma campanha de prevenção.

ZAP Lusa //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Destes anormais já se espera tudo e mais alguma coisa. Em portugal já se começa a verificar a poluição de alucinados Evangélicos, que tentam vender o mesmo veneno cá !

RESPONDER

Comer muitas refeições takeaway pode aumentar a probabilidade de morte

Comer demasiadas vezes refeições takeaway pode afetar negativamente a saúde das pessoas. Isto porque, muitas vezes, a comida em causa é fast food. A pandemia de covid-19 veio intensificar a adoração das pessoas pelas refeições takeaway. …

Fezes de morcego ajudam a decifrar o passado da humanidade

Uma equipa de investigadores australianos usou fezes de morcego para ajudar a entender uma parte do passado dos nossos ancestrais. Para perceber melhor como é que artefactos antigos são alterados pelo sedimento em que estão enterrados …

"É como fogo". Dezenas de pessoas morreram na República Dominicana após ingestão de álcool ilegal

Depois de dezenas de pessoas morreram por intoxicação nas últimas semanas, as autoridades da República Dominicana acabaram por fechar várias lojas de bebidas alcoólicas. As lojas de bebidas clandestinas situavam-se sobretudo na capital, Santo Domingo, mas …

Eis AlphaDog, a resposta da China para o cão-robô norte-americano Spot

A empresa de tecnologia Weilan, sediada em Nanjing, na China, desenvolveu o AlphaDog, um cão-robô que usa sensores e inteligência artificial (IA) para realizar uma série de aplicações, incluindo entrega de encomendas e orientação para …

E se a vacina contra a covid-19 se chamasse Trumpcine? O "sir" sugeriu e Donald Trump gostou

No fim de semana passado, durante um encontro do Comité Nacional Republicano, o ex-Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que alguém sugeriu que as vacinas disponíveis contra a covid-19 deveriam receber o seu nome. …

O custo da paz mundial é bastante inferior ao custo da guerra

Um recente relatório do Instituto de Economia e Paz (IEP) conclui que o custo dos países com a violência é bem superior ao custo com a paz mundial. O Instituto de Economia e Paz estima que, …

Malta vai pagar aos turistas que visitarem a ilha durante o verão

Numa altura em que pandemia não tem dado tréguas ao setor do turismo, Malta anunciou um conjunto de medidas com o objetivo de encorajar os viajantes a visitarem o país e a ficarem hospedados nos …

Pentágono confirma que filmagens de OVNI em forma de pirâmide são autênticas

Uma nova série de imagens e vídeos de OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) filmados pela Marinha dos Estados Unidos foi agora confirmada como autêntica pelo Pentágono. Enquanto muitas pessoas geralmente se referem a avistamentos misteriosos …

Irão vai aumentar produção de urânio enriquecido em resposta ao “terrorismo nuclear” de Israel

O Irão justificou esta quarta-feira a decisão de enriquecer urânio a 60% como resposta ao “terrorismo nuclear” e à “maldade” israelita, referindo-se ao alegado ataque contra a central de Natanz, no domingo. “A decisão de enriquecer …

Possibilidade de ser reinfetado baixa 84% para quem já teve covid-19

Um novo estudo indica que a infeção prévia por SARS-CoV-2 protege a maioria dos indivíduos contra a reinfecção durante uma média de sete meses As probabilidades de reinfeção não descem até zero, mas um novo estudo, …