Benfica reúne provas contra o FC Porto no caso dos e-mails

António Pedro Santos / Lusa

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira

O SL Benfica está a reunir provas contra o FC Porto no caso da divulgação dos e-mails do emblema da Luz. Os benfiquistas querem garantir uma indemnização de 17,7 milhões de euros.

O SL Benfica está focado em garantir a condenação do FC Porto no processo cível relativo à divulgação do correio eletrónico dos “encarnados”. Uma das provas recolhidas pelo Benfica são imagens do discurso de agradecimento de Francisco J. Marques na gala dos Dragões de Ouro, na qual recebeu o prémio de funcionário do ano.

Segundo o CM, nesse discurso, o responsável pela comunicação dos “dragões” agradeceu o voto de confiança dado pelo presidente do FC Porto, Pinto da Costa, e da administração portista, por terem acreditado que era “uma luta que valia a pena travar“.

Sem nunca referir os e-mails durante o seu discurso, fica implícito que Francisco J. Marques falava sobre a divulgação dos e-mails do Benfica. Isto depois do diretor de comunicação do FC Porto ter negado qualquer conhecimento da SAD do clube anteriormente à divulgação pública do correio eletrónico das “águias”.

Esta foi também a posição defendida em julgamento por Diogo Faria, que negou o envolvimento da administração do clube nortenho. O colaborador da comunicação do FC Porto afirmou ainda que, juntamente e apenas com Francisco J. Marques, tinha acesso a uma sala fechada, com um computador privado, onde eram analisados os e-mails do Benfica.

“O nosso objetivo era analisar as caixas de correio para ver se existiria informação do interesse público e confirmar as suspeitas que já existiam no futebol português”, afirmou o funcionário do FC Porto.

O vídeo recolhido pelo Benfica da gala portista acaba por mostrar uma realidade oposto à referida pelos dois elementos da comunicação do clube. No seu discurso, Francisco J. Marques dá a entender que o presidente e a SAD tinham conhecimento e apoiaram a divulgação dos e-mails.

Ligações entre Rui Pinto e Francisco J. Marques

O Correio da Manhã dá ainda conta de uma ligação entre Rui Pinto e Francisco J. Marques. Diogo Faria, co-autor do livro “O Polvo Encarnado” e antigo colega de universidade de Rui Pinto, é o elo que une o hacker e o diretor de comunicação do FC Porto. Contudo, o colaborador do clube portista nega que haja uma relação de amizade com Rui Pinto.

Não temos círculos de amigos em comum. Não vejo o Rui Pinto desde que deixámos de frequentar a faculdade há cinco, seis anos. Não tenho qualquer contacto com ele desde essa altura. Era um mero colega das turmas que tinham mais de 100 elementos. Nunca fomos amigos”, disse Diogo Faria à CMTV.

O Correio da Manhã alega que algumas das declarações de Diogo Faria são contraditórias. Nomeadamente, o facto de não ter círculos de amigos em comum com o pirata informático, apesar de uma foto de 2013 mostrar Rui Pinto à beira de um jovem que também é amigo de Diogo Faria.

Além disso, uma viagem do colaborador do departamento de comunicação dos “dragões” a Budapeste — já depois de ter sido revelada a identidade do pirata informático — levanta ainda mais suspeitas quanto ao seu envolvimento com o clube no caso dos e-mails.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados rebatizar dezenas de genes humanos por causa do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é parecida com fogo florestal, não com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …

Fair-play financeiro. UEFA mantém restrições ao FC Porto

A UEFA informou, esta sexta-feira, que o FC Porto "cumpriu parcialmente as metas estabelecidas para a época 2019/20" a nível do fair-play financeiro e que vai manter as restrições impostas ao clube azul e branco. "O …

Procuradora-geral de Nova Iorque quer dissolver NRA após investigação de fraude

A procuradora-geral de Nova Iorque anunciou, esta quinta-feira, ter movido um processo judicial contra a National Rifle Association (NRA), depois de uma investigação que mostra que os seus dirigentes desviaram milhões de dólares para benefício …

MP abre inquérito sobre surto em lar de Reguengos de Monsaraz

O Ministério Público (MP) instaurou um inquérito sobre o surto de covid-19 num lar em Reguengos de Monsaraz, no distrito de Évora, que já provocou 18 mortos. Questionada pela agência Lusa, a Procuradoria-Geral da República (PGR) …