Belenenses vs Benfica | “Pastel” de Nathan trava águia

O Benfica empatou em Belém e desperdiçou a oportunidade de assumir provisoriamente a liderança da Liga NOS.

No dérbi do Restelo frente ao Belenenses, as “águias” falharam várias ocasiões de golo, incluindo uma grande penalidade, estiveram a perder mercê de um tento de um estreante e apenas conseguiram o empate 1-1 no último lance da partida, aos 7 minutos para lá dos noventa.

O Jogo explicado em Números

  • Óptimo início de jogo por parte do Belenenses, que aos dez minutos registava 55% de posse e o único remate (e enquadrado) da partida. O Benfica, por seu turno, destacava-se na certeza do passe, com 90% de eficácia nas entregas.
  • As “águias” equilibraram as operações e já apresentavam 51% de posse por volta dos 20 minutos, bem como três remates, embora todos sem a melhor direcção. Os 92% de posse continuavam a impressionar, embora fossem os homens do Restelo a apresentar mais competência nos duelos individuais (60%) ganhos.
  • Pressão intensa dos “azuis” sobre o portador da bola, a complicar muito a tarefa benfiquista que, à passagem da meia-hora, já tinha perdido o domínio territorial, com apenas 45% de posse, quatro remates, mas nenhum enquadrado e sem uma única ocasião flagrante criada.
  • Bom jogo de Diogo Viana nesta fase, com o melhor rating da partida – 6.0 – a totalidade dos seus 17 passes certos, dois passes para finalização e ainda três desarmes.

Primeiro tempo controlado pelo Belenenses, autoritário e personalizado, a não dar espaços de manobra a um Benfica sem capacidade de luta a meio-campo. Mais duelos ganhos (53%), mais posse de bola (56%), apenas menos um remate (7-8), os mesmos enquadrados (1-1).

O Benfica teve, porém, a única ocasião flagrante da partida, desperdiçada por Jonas e criada por Franco Cervi. O argentino foi o melhor em campo na primeira parte, com um GoalPoint Rating de 6.0, fruto dessa ocasião flagrante criada, em dois passes para finalização, e a dois desarmes.

  • O Benfica reentrou na partida mais agressivo e perigoso, chegando à hora de jogo com 52% de posse de bola referentes aos primeiros 15 minutos do segundo tempo. Para além disso, as “águias” somaram neste período cinco remates, dois deles enquadrados, contra apenas um (sem boa direcção) dos homens da casa.
  • O domínio “encarnado” era total, com 55% de posse por volta dos 70 minutos, e aos 71, o árbitro assinalou falta de Gonçalo Silva sobre Cervi na grande área e apontou para a marca de penálti. Na conversão, Jonas (72′) permitiu a defesa (e que defesa) de Filipe Mendes e somava a segunda ocasião flagrante perdida no encontro.
  • Aos 76 minutos, Cervi isolou-se e, perante o guarda-redes, o argentino atirou muito por alto. A mancha maior numa exibição até então muito bem conseguida do extremo. Nesta altura, Ljubomir Fejsa havia falhado apenas um passe em 37 e era o melhor das “águias”, com um rating de 6.3.
  • Por volta dos 80 minutos o Benfica registava menos posse (48%), mas 17 remates contra nove (1-5 em enquadrados) e três ocasiões flagrantes desperdiçadas, contra nenhuma do Belenenses. A falta de competência benfiquista no ataque reflectia-se no resultado.
  • E como quem não marca arrisca-se a sofrer, o Belenenses fez golo aos 86 minutos. O brasileiro Nathan enquadrou-se com a baliza de Bruno Varela e rematou colocado de fora da área para o 1-0 – ao décimo remate do Belenenses, terceiro na segunda parte, o segundo enquadrado em toda a partida.
  • E quando se esperava pelo final da partida, já no minuto 97, Jonas empatou, na superior conversão de um livre directo.

O Homem do Jogo

Noite para recordar do guarda-redes do Belenenses, Filipe Mendes. O jogador, de 32 anos, até teve uma primeira parte tranquila, pois o Benfica apenas enquadrou um remate dos oito que realizou.

Porém, no segundo tempo, o guardião teve trabalho extra para travar os seis disparos enquadrados dos benfiquistas, um deles uma excelente estirada na sequência de uma grande penalidade apontada por Jonas.

No final, Filipe Mendes terminou com um GoalPoint Rating de 6.9, graças a seis defesas, cinco delas a disparos dentro da sua grande área.

Jogadores em foco

  • Filipe Chaby 6.7 – Óptimo jogo do outro Filipe do Belenenses, o segundo melhor em campo. O médio rematou quatro vezes, enquadrou duas delas, fez dois passes para finalização e ainda realizou sete acções defensivas.
  • Ljubomir Fejsa 6.4 – O melhor jogador do Benfica esta segunda-feira. O “trinco” terminou a partida com impressionantes 97% de eficácia de passe (apenas falhou um de 39), ganhou oito de 15 duelos e realizou sete desarmes, o máximo da partida.
  • Nathan de Souza  6.3 – O jovem brasileiro de 21 anos foi emprestado ao Belenenses neste mercado de Inverno e precisou apenas de cinco minutos para marcar um golo. Uma estreia auspiciosa.
  • Franco Cervi 6.1 – O argentino estava a realizar uma excelente partida, com quatro passes para finalização e uma ocasião flagrante criada. Mas, aos 76 minutos, apenas com Filipe Mendes pela frente, o extremo atirou por cima, desperdiçando uma ocasião flagrante.
  • Jonas 5.7 – Nono jogo consecutivo de Jonas a marcar na Liga NOS. Porém, o brasileiro terminou com um rating modesto, pois apesar dos cinco remates, quatro dos quais enquadrados, desperdiçou duas ocasiões flagrantes, uma delas uma grande penalidade. E podia ter sido pior, não fosse o excelente livre directo que cobrou, minorando o estrago para um Benfica que podia ter assumido a liderança da prova e pode ver agora os rivais distanciarem-se.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

"Queremos justiça", exigem famílias de vítimas do ataque em Cabul. CIA alertou para a presença de civis

A família das 10 vítimas mortais do ataque com drone dos EUA a um veículo em Cabul exigem que os operadores sejam julgados em tribunal. A CIA terá alertado para a presença de civis segundos …

Rio abre o jogo sobre o futuro do PSD. Não se recandidata se fizer "igual, pior ou muito pouquinho melhor"

Líder social-democrata deu a conhecer o que é, para o próprio, um bom resultado nas próximas autárquicas, recusou-se a falar sobre as movimentações internas no PSD, expôs o papel do partido na votação do OE …

Corpo encontrado em parque natural será de Gabby Petito

Este domingo foi encontrado um corpo no parque nacional de Wyoming, nos Estados Unidos, que corresponde ao da jovem Gabrielle Petito, que se encontrava desaparecida, anunciou a polícia federal norte-americana (FBI). "No início do dia de …

Nuno Espírito Santo admite que "muita coisa correu mal", mas não escapa às críticas

O Tottenham saiu derrotado por 3-0 do embate com o Chelsea. Nuno Espírito Santo reconheceu os problemas na equipa, que foi duramente criticada por Roy Keane. O Chelsea manteve-se no comboio dos líderes da Liga inglesa, …

Críticas às novas tabelas da ADSE em várias áreas da Saúde

A nova tabela da ADSE, que entrou em vigor a 01 de setembro, tem enfrentado críticas de vários setores da Saúde, desde dentistas a nutricionistas, principalmente pelos valores atribuídos a alguns atos, exclusões e restrições. A …

Cuba é o primeiro país a vacinar crianças a partir dos dois anos

Depois de um drástico aumento de casos e mortes em crianças, a estratégia de vacinação em Cuba mudou. Com o objetivo de ter mais de 90% dos 11 milhões de habitantes imunizados até Dezembro, as autoridades …

Penálti que deu vitória ao Sporting devia ter sido repetido

Um penálti convertido por Pedro Porro deu a vitória, este domingo, ao Sporting. Especialistas entendem que a grande penalidade devia ter sido repetida. O Sporting CP conquistou uma vitória sofrida, este domingo, após derrotar o Estoril …

Marques Mendes: Governo vai abrir discotecas e acabar com limite à lotação no comércio e restaurantes

Marques Mendes considera também que a task force para a vacinação deve ser extinta em Outubro e que em Dezembro deve ser decidida uma terceira dose para os cidadãos acima de 65 anos. No seu habitual …

OE2022: Governo negocia englobamento obrigatório de rendimentos no IRS

O englobamento obrigatório de rendimentos no IRS é uma medida que está incluída no programa do Governo e é um dos temas de grande interesse no núcleo comunista. O assunto está a ser negociado no …

Falcao marcou mas o protagonista foi o árbitro: "Já nem sei quem viu amarelo"

Falhas na comunicação com os outros árbitros e confusão numa suposta expulsão, após 13 cartões amarelos: um jogo que Cordero Vega não vai esquecer. Radamel Falcao estreou-se neste sábado pelo Rayo Vallecano e já terá reunido …