Belenenses vende ações de que é titular na Belenenses SAD

O Belenenses vai alienar as 101.324 ações de que é titular na Belenenses SAD, com o valor nominal de 4,99 euros, através de um processo organizado de recolha de propostas de aquisição, anunciado esta sexta-feira pelos azuis.

“O Clube de Futebol ‘Os Belenenses’ decidiu desfazer-se das ações, ou seja, da participação social que detém na Belenenses SAD, cortando o único vínculo legítimo que ainda o liga à Belenenses SAD”, refere em comunicado, acrescentando que está aberto a propostas de aquisição.

O Belenenses justifica esta decisão com o facto de a Belenenses SAD, detida maioritariamente pela Codecity, desrespeitar o clube e desenvolver “uma prática institucional, desportiva e empresarial incompatível com a história, o património material e imaterial, os símbolos, os valores, os sócios, os adeptos, os atletas e os membros dos órgãos sociais”.

O clube alega ainda, entre as várias razões que aponta para a venda das ações, que com o fim do protocolo que o ligava à SAD (em 30 de junho de 2018, por recusa em renegociar os seus termos) “a Belenenses SAD deixou de ter qualquer título legítimo para ter a sua atividade ‘associada’ à atividade do Belenenses”.

O que inclui “poder utilizar diversos elementos patrimoniais do Belenenses, nomeadamente, a história, as instalações desportivas (incluindo o Estádio do Restelo), os símbolos, os sinais distintivos e a marca Belenenses”.

Não obstante, refere o comunicado, “e de decisões judiciais eficazes proibindo esse comportamento”, a Belenenses SAD “vem usando e usurpando os símbolos e as marcas” do Belenenses.

“O comportamento da Belenenses SAD não é objetivamente indiferente e as práticas da Belenenses SAD estão especialmente focadas em atingir negativamente os valores e os princípios de Os Belenenses e em depreciar o seu património”, denuncia.

Daí que, “a participação que o Belenenses detém na Belenenses SAD (de cerca de 10,1%, dado que possui 101.324 das 999.594 ações) comporta, hoje, um penoso encargo reputacional, materialmente relevante e insustentável” e o clube não quer “ser detentor de uma quota parte do capital da Belenenses SAD, que já em nada representa o clube“.

Na assembleia geral de 3 de fevereiro de 2018, o clube aprovou, por uma maioria de 98%, promover a cessação das relações jurídicas ainda eventualmente existentes com a Belenenses SAD e/ou a Codecity, e na de 29 de julho de 2018 aprovou, por maioria de 94%, legitimar a direção para vender as ações.

Ainda de acordo com o comunicado do Belenenses, “este anúncio não constitui uma oferta, convite, proposta ou recomendação para a compra das ações ou para a realização de um investimento na Belenenses SAD” e tão pouco pode ser interpretado como uma análise à qualidade das suas ações ou atividade.

O ‘divórcio’ entre o clube e a SAD levou a que uma nova equipa de futebol fosse criada pelo Belenenses no final da época 2017/18, desde o escalão mais baixo dos Distritais, e a adoção do Estádio Nacional como nova casa da Belenenses SAD, que disputa a I Liga.

PARTILHAR

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …