Bastonária dos Enfermeiros aumentou salários na Ordem à “socapa” (e com retroativos)

Inácio Rosa / Lusa

Ana Rita Cavaco disse receber mensalmente 2800 euros,  “um valor justo” para a função

A Bastonária dos Enfermeiros, Ana Rita Cavaco, está a ser acusada por antigos responsáveis da Ordem e outros profissionais de saúde de aprovado “à socapa” um subsídio de função, que a beneficia financeiramente, bem como todos os membros que lhe são próximos. 

Em maio deste ano, conta o Jornal de Notícias que avança com a notícia nesta sexta-feira na sua edição impressa, durante uma assembleia geral da Ordem, que se realizou no Funchal, Ana Rita Cavaco, levou a discussão um projeto, que acabou por ser aprovado, para a criação de um subsídio de função – as chamadas “ajudas de custo“.

Este subsídio proposto pela Bastonária destinava-se aos membros dos órgãos nacionais e regionais da Ordem e incluíam dois anos de retroativos.

De acordo com o diário, Ana Rita Cavaco está agora a ser acusada por antigos responsáveis da Ordem e outros profissionais de saúde de ter aprovado “à socapa” um subsídio que a beneficia financeiramente e todos os membros que lhe são próximos.

“Numa altura em que os enfermeiros lutam para conseguir aumentar uns euros no salário, a senhora Bastonária fez aprovar em assembleia-geral aumentos para quem trabalha com ela”, afirmou um enfermeiro especialista em declarações ao JN.

O matutino aponta ainda que as “ajudas de custo” em questão foram aprovadas numa assembleia que contou com pouca participação – do universo de 72 mil enfermeiros ligados à Ordem, só 100 estiveram presentes no Funchal.

“Não vejo qualquer coerência em realizar a assembleia numa região que só tem 3% dos enfermeiros que exercem em Portugal”, disse Germano Couto, Bastonário da Ordem dos Enfermeiros, entre 2012 e 2015, ao Jornal de Notícias.

Ana Rita Cavaco, questionada pelo jornal, disse receber mensalmente 2800 euros, “um valor justo”, referente ao vencimento-base que receberia se estivesse a trabalhar como enfermeira num centro de saúde e o subsídio da função agora criado.

“Os antigos Bastonários da Ordem sempre receberam ajudas de custo. A única diferença é que não passavam recibo nem faziam descontos. Sou a primeira Bastonária dentro da legalidade”, rematou.

Ana Rita Cavaco é Bastonária da Ordem dos Enfermeiros desde 2016.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Eu acho muito bem. Ela não é dirigente sindical ? Faz-me lembrar os sindicatos que quando apanham os “clientes” servidos, dão por encerrada “a luta” !

  2. Estamos na república das bananas. Os grandes ou equiparados fazem o que lhes apetece. Já os pobres têm de bater a bola abaixo de zero

  3. Normal, até porque esta “artista” tem um historial de vigarices e pouco ou nada tem de enfermeria – é mais uma “política” da JSD!

  4. Que povinho tao caricato…
    Abundam noticias como a do casal Juiz e Procuradora que mentem descaradamente para entalar a policia que só cumpriu com as suas funcoes. Esta criatura da bastonarias mal poe o “pé no poleiro logo bota mao ao galinheiro”.
    Os casos sao inumeros mas o n/ povinho acha mais interessante opor-se ás touradas…
    Grandes critrérios os deste ZéZinho Tuga

  5. Touradas?!
    Esse teu povinho é realmente muito estranho…
    Felizmente a maioria da população ficou bem mais preocupada com as “cenas” do juiz bandido (ou até com esta “enfermeira politica”) do que com as touradas!…

RESPONDER

Caçadores da Torre Bela não tinham de comunicar transporte de animais abatidos para Espanha

Os caçadores espanhóis não tinham de comunicar à Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) o transporte das carcaças para Espanha, nem era obrigatória a presença de um veterinário na Herdade. Segundo a TSF, o esclarecimento …

Morreu Bunny Wailer, derradeiro ícone do reggae

O cantor e percussionista jamaicano Bunny Wailer, uma lenda do reggae, morreu esta terça-feira, aos 73 anos, no Andrew’s Memorial Hospital de Kingston, o que marca o fim de uma época para este movimento musical. A …

Exilados sauditas sentem-se em perigo após dissidente desaparecer no Canadá

Exilados sauditas no Canadá temem que o dissidente que está de volta ao país de origem tenha sido forçado a revelar informações sobre a comunidade exilada. De acordo com o jornal Público, os exilados sauditas no …

Internamentos voltam a diminuir. Há mais 979 casos e 41 mortes

Portugal registou esta quarta-feira 979 novos casos de infeção por covid-19 e mais 41 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Festas ilegais aumentaram nos últimos 15 dias. PSP já deixa avisos para a Páscoa

Numa altura em que a população já está confinada há mais de um mês, a tendência é cada vez mais para sair de casa e procurar algum contacto social. Por isso mesmo, a PSP já …

Pediatras pedem reabertura urgente das escolas. Professores querem ser consultados na elaboração do plano

A Sociedade Portuguesa de Pediatria defende a reabertura urgente das escolas especialmente o ensino pré-escolar e nos 1º e 2º ciclos do ensino básico, chamando a atenção para as consequências do fecho no desenvolvimento das …

Ventura propõe tirar subvenções a políticos condenados a mais de três anos de prisão

O deputado único do Chega entregou esta terça-feira no parlamento um projeto de lei para retirar, incluindo retroativamente, as subvenções vitalícias a ex-titulares de cargos políticos condenados por crimes "com pena de prisão superior a …

PGR analisa carta que culpa o Governo por "borla fiscal" à EDP na venda de barragens

O Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) está a analisar uma carta do Movimento Terra de Miranda que questiona a autorização dada pelo Governo à venda de seis barragens transmontanas por parte da …

Biden prevê vacinas para todos os adultos antes do fim de maio

Joe Biden assegura que até maio o país terá vacinas suficientes contra o covid para todos os adultos do país, dois meses antes do previsto. O presidente do EUA anunciou que até ao final de maio …

Pandemia não é “uma competição ou um concurso de beleza entre países”

O presidente da Aliança Global para as Vacinas (GAVI), Durão Barroso, defende que o processo de vacinação mundial contra a covid-19 não deve ser “uma competição ou um concurso de beleza entre países” e lança …