Barba existe para absorver o golpe de levar um soco na cara, sugere estudo

Um novo estudo sugere que a barba existe para absorver o golpe de levar um murro na cara. Os testes feitos em laboratório revelaram que uma barba grande oferece mais proteção à cara.

No passado, Charles Darwin teorizou que a juba de um leão ajuda a proteger a garganta de ataques de machos rivais. Numa curiosa nova investigação, uma equipa de cientistas sugere agora que a barba dos humanos existe para absorver o golpe de levar um soco na cara, abafando o impacto do punho.

Outros estudos já tinham sugerido que várias coisas, desde o formato dos nossos punhos aos contornos da nossa cara, podem ter sido idealizadas para lutas. Como tal, os autores deste novo estudo decidiram investigar se os pelos faciais podem transmitir algum tipo de benefício real ao combate.

Os cientistas recriaram um queixo humano, que cobriram com pele de ovelha, para servir de alvo. Amostras peludas conseguiram absorver mais 37% de energia do que aquelas sem pelos. Apenas em 45% dos testes, os modelos com pelos foram quebrados, enquanto que os que não tinham pelos rachavam quase todas as vezes, escreve o IFLScience.

O pelo, para além de fazer com que o impacto seja absorvido mais lentamente, ajuda a que a força do golpe seja distribuída por uma área de superfície maior, sugere o novo estudo publicado em abril na revista científica Integrative Organismal Biology.

“O pelo é realmente capaz de reduzir significativamente a força do impacto de um golpe contundente e absorver energia”, escrevem os autores. No entanto, os cientistas realçam que o os resultados do seu estudo “não fornecem evidências de que as barbas oferecem proteção contra knockouts“.

Isto porque um estudo anterior demonstrou que lutadores barbudos de Artes Marciais Mistas (MMA) não eram estatisticamente melhores do que adversários de barba feita.

“Em vez disso, presume-se que os nossos resultados sejam mais relevantes para lacerações da pele e fraturas de ossos da cara”, explicam ainda os especialistas.

Todavia, os autores alertam que as barbas também devem ter alguma desvantagem evolutiva, caso contrário as mulheres também as teriam.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma Noticia “burlesca” . Sinceramente, a ser verdade que “cientistas”, (o que duvido serem), são remunerados para tais fantochadas, mais inquietante é !….. A Ciência por definição, deve ser uma área de Investigação orientada para matérias “serias”. No mínimo, em termos de “Ciência” não merece tal titulo. Devem ser alguns “artistas”, que se auto intitulam de “Cientistas”, que trabalham não se sabe em que Laboratório, Instituto ou Departamento . Talvez na cave das suas residências !

RESPONDER

Atletas que sorriem durante as corridas gastam menos oxigénio

Os atletas que sorriem gastam menos oxigénio, trabalham de forma mais económica e têm um nível de esforço menor, refere um estudo realizado pelas universidades de Ulster e Swansea, divulgado esta terça-feira. Os investigadores pediram a …

OMS analisa possíveis primeiros casos de infeção de animais para o homem

A Organização Mundial de Saúde (OMS) admite que pelo menos três infeções por Covid-19 nos Países Baixos possam ser os primeiros casos conhecidos de transmissão do novo coronavírus dos animais para o homem, tendo martas …

Na Suíça, é possível estar em teletrabalho e a empresa pagar parte da renda

O Tribunal Federal da Suíça condenou uma empresa de contabilidade a pagar parte da renda de casa a um funcionário que se encontrava em teletrabalho. Segundo revelou na segunda-feira o swissinfo e o Tages-Anzeiger, citados pelo …

Governo negoceia até mais 35 milhões em apoios para agricultura

A ministra da Agricultura disse hoje que está em curso a negociação de medidas adicionais para apoiar o setor agrícola, face ao impacto da covid-19, através do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR), que podem mobilizar …

Moro não assinou exoneração de ex-diretor da Polícia, admite Presidência do Brasil

A Secretaria-Geral da Presidência brasileira admitiu na segunda-feira que o agora ex-ministro da Justiça Sergio Moro não assinou o decreto de exoneração de Maurício Valeixo da direção-geral da Polícia Federal, confirmando a versão original do …

Norte foi região que mais contribuiu para aumentar produtividade do trabalho no país

O Norte foi a região que mais contribuiu para aumentar a produtividade laboral entre 2000 e 2017, crescendo 20% quando a Área Metropolitana de Lisboa subiu 3,3%, revelou na segunda-feira a Comissão de Coordenação e …

Vai nascer uma praia fluvial nas margens do Alqueva em 2021

Uma nova praia fluvial começou a ser construída nas margens do Alqueva, devendo começar a funcionar no verão do próximo ano. Uma nova praia fluvial começou a ser construída nas margens do Alqueva, junto à aldeia …

Câmara de Bragança vai ajudar com até 100 euros a pagar renda

As famílias mais vulneráveis do concelho de Bragança vão poder contar com um apoio financeiro até 100 euros mensais para pagar a renda. A Câmara de Bragança vai ajudar as famílias do concelho em situação vulnerável …

Parlamento chumba lay-off para sócios-gerentes, mas acaba com teto de faturação ao apoio

A Comissão de Economia chumbou, esta terça-feira, o alargamento do lay-off simplificado aos sócios-gerentes. Por outro lado, aprovou o fim do teto de faturação para aceder ao apoio a estes portugueses. A proposta do PSD, BE …

Comissão Europeia admite que Portugal fica "em desvantagem" nas ajudas estatais

Margrethe Vestager, vice-presidente executiva da Comissão Europeia, admite que países como Portugal, com menor capacidade orçamental do que Estados-membros como Alemanha ou França, fiquem “em desvantagem” nas ajudas estatais em altura de crise gerada pela …