/

Banksy ou não, eis a questão. Vila inglesa invadida por obras de arte de autor mistério

DR

Game Changer, obra de Banksy

Vila inglesa que começou a ser palco das expressões artísticas candidatou-se recentemente a Capital da Cultura do Reino Unido para 2025.

A opção de Banksy de nunca se mostrar em público e manter a sua identidade em segredo tem aumentado o mistério em volta da sua pessoa, mas também gerado confusão entre apreciadores da sua obra, com muitos a colocarem em causa a verdadeira autoria.

Recentemente, um conjunto de demonstrações artísticas foram avistadas em três vilas da costa leste de Inglaterra, com muitos a atribuírem-nas ao artista britânico. No entanto, este não se manifestou nas redes sociais nem através dos seus representantes, canais frequentemente usados por Banksy para chamar a si a autoria das peças.

Como sugere o Expresso, estes episódios podem não ser coincidência, já que as três vilas em questão, Lowestock, Gorleston e Great Yarmouth, apresentaram recentemente uma candidatura conjunta para serem Capital da Cultura do Reino Unido em 2025. Segundo a BBC, é a primeira vez que esse tipo de candidaturas (com vilas vizinhas) é permitida.

A responsável do conselho municipal de Yarmouth garante não saber se existe uma relação entre as obras de arte e a candidatura — “o conselho não está por trás disto”, afirmou —, mas elogia a qualidade das obras. “Seria ótimo pensae que são de Banksy mas realmente não sabemos”, disse. De momento, as autoridades competentes também ainda não sabem qual o destino que vai ser dado às obras.

  ARM, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE