Bancos estão a “castigar” clientes que não aderem às contas pacote

Ao mesmo tempo que “encolhem” as margens no crédito, os bancos continuam a agravar os valores a pagar pelos clientes, particularmente os com menores rendimentos.

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) decidiu agravar o custo das transferências online em 60%, a partir de maio para os clientes que não subscreveram as contas pacote, as Caixa S, M e L, com custo mensal fixo. O valor a pagar sobe a 1 de maio de 52 cêntimos, já com imposto de selo (IS), para 83,20 cêntimos.

Mas o agravamento de custos no banco público liderado por Paulo Macedo não se fica por aqui. Os clientes com a conta pacote mais barata, a Caixa S, vão ver o custo mensal subir, a partir de 15 de maio, de 2,60 euros para 2,91 euros, com IS, um agravamento de 12%.

Entre outros aumentos, destaca-se ainda o agravamento dos levantamentos de dinheiro ao balcão, com a caderneta, que vê o custo disparar de 1,04 euros com IS para 2,86 euros, com IS. Este aumento, de 175%, acontece um ano depois da criação da comissão.

A estratégia chegou também às aplicações para telemóveis criadas pelos próprios bancos, e que permitem fazer pagamentos ou transferências de dinheiro. Assim, o BPI vai cobrar, a partir de maio, 1,20 euros (1,248 euros com IS) aos clientes que não usem a app BPI ou a BPI Net, e não tenham a Conta Valor. Fora deste universo, a cobrança de 1,20 euros será feita mesmo que as transferências sejam realizadas dentro do banco.

Também o Millennium BCP anunciou que vai passar a cobrar 52 cêntimos (incluindo IS) aos clientes que utilizem a aplicação própria do banco, e 1,248 euros aos que utilizarem a app MB Way, criada pela SIBS, a gestora do Multibanco e comum a todos os bancos. Esta atualização entra em vigor a 17 de junho e deixa de fora parte dos clientes, como os que têm contas Programa Prestige, Programa Prestige Direto, Portugal Prestige, Cliente Frequente ou Millennium GO!. Os clientes até 23 anos também ficam isentos.

Os restantes bancos já têm inscrito nos preçários valores para cobrar pelas transferências MB Way, só ainda não acionaram o custo. Pelas suas características, a aplicação para telemóveis tem registado uma forte adesão, particularmente entre os mais jovens.

Entre os bancos que já estão preparados para monetizar estas operações está a CGD, com um valor inscrito de 20 cêntimos que poderá ser aplicado em movimentos internos, ou seja dinheiro movimentado entre contas da Caixa, mas também para contas de outros bancos.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Há 50 anos atrás seria certamente impensável que um dia nós para termos dinheiro no Banco ainda teríamos de pagar , onde chegou a pouca vergonha do sistema bancário e tudo lhes é permitido.

RESPONDER

"Continua a pairar perigosamente". Relógio do Juízo final mantém-se a 100 segundos do Apocalipse

A Humanidade nunca esteve tão perto do Apocalipse, alertam os cientistas responsáveis pelo "Relógio do Juízo Final", que decidiram mantê-lo na mesma posição do ano passado, a 100 segundos da meia-noite. O relógio, que é uma …

A primeira bateria doméstica de hidrogénio armazena três vezes mais energia do que uma da Tesla

Para usar energia solar doméstica, é preciso gerar energia quando o Sol brilha e armazená-la quando não aparece. Para isto, as pessoas usam normalmente sistemas de bateria de lítio. Porém, a empresa australiana Lavo construiu …

Um oásis LGBTQ, Budapeste é posto à prova pelo populismo e pela pandemia

Budapeste é um oásis para a comunidade LGBTQ, mas a cena drag da capital húngara vê-se ameaçada pela pandemia de covid-19 e pelas políticas conservadoras e populistas de Viktor Orbán. Durante muitos anos, Budapeste desfrutou a …

Coreia do Sul "ressuscitou" voz de uma superestrela. Chovem preocupações éticas

Pela primeira vez em 25 anos, a distinta voz da superestrela sul-coreana Kim Kwang-seok será ouvida na televisão nacional. O famoso cantor folk morreu em 1996. De acordo com a CNN, a emissora nacional da Coreia …

Maioria dos países africanos só terá vacinação em massa a partir de 2023

A maioria dos países africanos só terá imunização em massa a partir de 2023, segundo previsão da The Economist Intelligence Unit, que admite que, com o evoluir da pandemia, muitos dos países mais frágeis possam …

Mulher que "morreu" com covid-19 aparece viva 10 dias após funeral

Uma mulher de 85 anos ficou infetada com covid-19 num lar na Galiza, em Espanha. A 13 de janeiro a família de Rogelia Blanco recebeu a informação do lar de que a mulher tinha falecido. …

Familiares de vítimas na China pressionadas a não falar com OMS

As autoridades chinesas estão a pressionar as famílias das primeiras vítimas da covid-19 para que não entrem em contacto com os investigadores da Organização Mundial da Saúde (OMS) em Wuhan, segundo familiares dos falecidos. Mais de …

Falsas vacinas à venda na Internet são grande risco para a saúde

Embora milhões de pessoas tenham sido já vacinadas contra a covid-19 nos países ricos, proliferam as fraudes na Internet com fármacos falsos que representam um grande risco para a saúde, alertaram peritos das Nações Unidas. As …

Voto prévio no Senado aponta para absolvição de Trump

Na terça-feira, 45 dos 50 republicanos no Senado votaram contra a continuidade do julgamento ao ex-Presidente Donald Trump, considerando inconstitucional que um chefe de Estado que já terminou o mandato seja julgado no Congresso. De acordo …

Estudo revela que um terço dos inquiridos foi vítima de violência doméstica pela primeira vez na pandemia

Quinze por cento dos inquiridos num estudo sobre violência doméstica em tempos de covid-19 reportou a ocorrência deste crime na sua casa e um terço das vítimas disse ter sido agredida pela primeira vez durante …