As aves são capazes de ver uma cor que os humanos não conseguem

Os pássaros veem o mundo de uma forma muito diferente da dos humanos. Agora, podemos finalmente ter uma ideia de como é o “mundo das aves”, graças a uma câmara especialmente projetada que simula a sua visão.

A bióloga Cynthia Tedore iniciou este projeto com o objetivo de procurar padrões na natureza observada pelas aves, mas a finalidade acabou por ser outra. A equipa de cientistas escolheu, em vez disso, explorar a visão das aves, dado que os pássaros se orientam visualmente e, ao contrário dos olhos humanos, conseguem detetar uma quarta cor além do vermelho, azul e verde.

Nós humanos temos três tipos de recetores de cor – ou cones – que são sensíveis às frequências de luz vermelha, azul e verde. As aves têm um quarto recetor, que varia entre as espécies no tipo de frequência que pode detetar.

Alguns pássaros, como os honeyeaters australianos, têm o quarto recetor de cor sensível à luz violeta; já os papagaios conseguem detetar a luz na parte ultravioleta (UV) do espectro.

Para descobrir de que forma esses cones sensíveis à luz violeta e UV se traduzem visualmente, os cientistas fotografaram um denso habitat de uma floresta usando uma câmara multiespectral com filtros especialmente projetados para imitar o que um pássaro consegue ver.

(dr) Cynthia Tedore

Uma fotografia normal à esquerda e uma fotografia que inclui luz verde e cores UV

As imagens multiespectrais mostram claramente como a sensibilidade UV deteta um maior contraste entre as superfícies superior e inferior das folhas, fazendo com que a posição e orientação de cada folha se destaque de uma forma 3D muito clara.

“Na verdade, o que parece ser uma confusão verde para os seres humanos, são folhas claramente distinguíveis para as aves”, disse o biólogo Dan-Eric Nilsson, da Lund University.

Tedore explicou ao Science Alert que a visão UV “ajuda os pássaros a voar através da densa folhagem com uma maior agilidade”. “Muitas aves procuram insetos e aranhas que se escondem nas superfícies inferiores das folhas, e poder identificar rapidamente essas superfícies deve aumentar sua eficiência”.

Através de um modelo computacional, os cientistas também conseguiram descobrir que o contraste máximo de folhas é observado em comprimentos de onda UV curtos em folhas bem iluminadas e em comprimentos de onda UV mais longos em coberturas com iluminação mais baixa. Isto pode explicas o motivo pelo qual a quarta cor detetada pelas aves varia de espécie para espécie.

Como as aves têm quatro classes de recetores de luz (vermelho, verde, azul e UV) e nós só temos três (vermelho, verde e azul), só conseguimos observar três canais de cada vez, explica a cientista. Desta forma, “é impossível para nós gerar uma representação realista do que a visão com quatro canais cónicos pode parecer.”

No entanto, apesar de ser incrível, “ver em quatro cores” pode também trazer algumas desvantagens, indicam os cientistas no artigo científico publicado recentemente na Nature Communications.

“Uma das desvantagens de ter uma quarta classe de cone é que ocupa espaço na retina que poderia ter sido ocupado por mais uma das outras três classes de recetores de luz”, diz Tedore. “Isso pode ter efeitos prejudiciais na resolução e na sensibilidade sob condições de pouca luminosidade.”

PARTILHAR

RESPONDER

OE2021. Bloco prepara voto contra. PSD só salva proposta se Costa pedir desculpa

O Bloco de Esquerda prepara-se para votar contra o Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, avança este sábado o semanário Expresso. Governo e Bloco de Esquerda tem negociado nos últimos dias a proposta de …

Inscrição perdida contém a chave para o enigma dos esqueletos de Almaçã

Uma inscrição de pedra desaparecida esconde a chave para o mistério dos esqueletos de Almaçã, enterrados debaixo de uma muralha medieval. Em Almaçã, Espanha, onze corpos foram enterrados debaixo de uma enorme muralha de uma vila …

Espanha prepara-se para decretar estado de alerta

O Governo espanhol prepara-se para decretar estado de alerta em todo o território, depois de ter colocado a região de Madrid neste nível de alerta. A notícia é avançada este sábado pelo jornal espanhol El País, …

Jerónimo de Sousa deve ser reconduzido na liderança do PCP

O atual secretário-geral do PCP deve ser reconduzido no cargo no congresso que está agendado para o final de novembro, avança este sábado o jornal Público. De acordo com o matutino, as atuais regras sanitárias …

Elixir oral (e outros produtos domésticos) poderá ajudar a neutralizar o SARS-CoV–2

Alguns produtos domésticos, como é o caso do elixir oral e produtos para a descongestionar as vias nasais, mostraram-se eficazes em neutralizar um tipo coronavírus num estudo científico levado a cabo com células humanas. A …

Presidente da Polónia com teste positivo de covid-19

O Presidente da Polónia, Andrzej Duda, testou positivo para o novo coronavírus, anunciou este sábado o porta-voz do chefe de Estado. "Como se esperava, o Presidente @AndrzejDuda foi ontem [sexta-feira] submetido a um teste para detetar …

"Com o futebol acabei com a Guerra do Iraque". Jorvan Vieira, o treinador português que é Deus no mundo árabe

Jorvan Vieira é um nome que pouco deve dizer à maioria dos adeptos de futebol. Filho de portugueses emigrados no Brasil, fez grande parte da sua carreira no Médio Oriente, onde é acarinhado por milhões. …

Capacidade de cuidados intensivos na Europa vai chegar ao limite, alerta OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou esta sexta-feira que muitas unidades de cuidados intensivos na Europa vão chegar ao limite da sua capacidade nas próximas semanas. "Há uma situação muito preocupante a acontecer na Europa. …

Geólogos "ressuscitam" placa tectónica desaparecida

A existência da placa tectónica Ressurreição nunca foi consensual: alguns geólogos argumentam que nunca foi real e outros alegam que a placa sofreu um processo de subducção no manto da Terra, em algum lugar da …

Não se esqueça: muda a hora este domingo

Os relógios vão atrasar 60 minutos na madrugada do próximo domingo em Portugal para dar início ao horário de inverno. Em Portugal Continental e na Região Autónoma da Madeira, os relógios deverão ser atrasados uma hora …