A automatização pode acabar com 800 milhões de empregos em cerca de 15 anos

Uma análise do Bank of America Merrill Lynch revelou que cerca de 800 milhões de empregos podem desaparecer em todo o mundo até 2035. Esse resultado deve-se à diminuição do custo de automatização.

Segundo noticiou o Inverse, houve uma redução de 27% no custo de automatização entre 2005 e 2014, algo que prevêem diminuir mais 22% até 2025.

De acordo com os analistas, os robôs estão a executar cada vez melhor determinadas tarefas, o que também potencia crescimento da automatização. Indicaram igualmente que as “tarefas de escritório e do setor de serviços” serão cada vez mais automatizadas.

Contudo, existem questões geopolíticas que devem ser consideradas, sublinharam, afirmando que a China está preparada para superar os Estados Unidos (EUA) nessa área.

“Acreditamos que a atual guerra comercial passará para uma guerra tecnológica na década de 2020, que verá uma nova disputa entre os EUA e a China para alcançar superioridade nacional em tecnologia a longo prazo no que diz respeito à computação quântica, ‘big data’, 5G, inteligência artificial, veículos elétricos, robótica e cibersegurança”, escreveram.

Este não é o primeiro relatório a prever o perda de emprego em prol das máquinas. Em 2017, um estudo do McKinsey Global Institute mostrou que 800 milhões de empregos poderiam ser perdidos até 2030. O relatório indicava que mais de 70 milhões de empregos poderiam ser perdidos somente nos EUA.

Embora seja importante prestar atenção a esse tipo de previsão, também é importante lembrar que, geralmente, estão erradas, frisou o Inverse. “A automatização terá um grande impacto nas economias de todo o mundo, mas não saberemos exatamente quão grande será o impacto até que este ocorra”, lê-se ainda no artigo.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mais um estudo encomendado e nada como o alarmismo. Claro que milhões de empregos vão ser substituidos pelos automatos mas ao certo quantos empregos vão ser perdidos é que ninguém sabe até porque até lá as pessoas vão trabalhar apenas dois dias da semana.

RESPONDER

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …

Restrições a turistas suavizadas. Finlândia tenta salvar a Lapónia (e a época de inverno)

A Finlândia, que vê o turismo estrangeiro em perigo na Lapónia, permite a partir de hoje a entrada de turistas de cerca de vinte países sem terem de fazer quarentena. As medidas surgem numa altura em …

"Foi uma vergonha". PS em choque com saída de Jamila e com o poder de Temido

A saída de Jamila Madeira do cargo de secretária de Estado Adjunta e da Saúde, a pedido da ministra Marta Temido, deixou alguns socialistas "arrepiados" e há um desconforto interno com a situação. É mais …

Mãe de bebé deixado no Cacém entregou-se no hospital e foi constituída arguida

A mãe do bebé deixado na terça-feira junto ao Centro Social Baptista, no Cacém, Sintra, entregou-se hoje no Hospital Amadora-Sintra e, depois de ter sido transportada para a esquadra, foi constituída arguida, disse à Lusa …