Austrália indignada com casal que abandona bebé com síndrome de Down

Uma campanha online na Austrália já arrecadou o equivalente a mais de 140 mil euros para ajudar um bebé com síndrome de Down, que foi abandonado por um casal de australianos à sua mãe biológica, uma barriga de aluguer tailandesa.

A mãe biológica, a tailandesa Pattaramon Chanbua, de 21 anos, que teve duas crianças gémeas do casal australiano, garante que o casal rejeitou Gammy, o bebé com síndrome de Down, mas levou a irmã gémea.

Chanbua acrescenta que o casal lhe pagou 15 mil dólares (cerca de 11 mil euros) para que o filho fosse gerado e se recusou depois a levar o pequeno com deficiência, alegando terem mais de 50 anos e que, por isso, demasiado velhos para tratar de alguém com problemas.

O casal australiano e a mãe biológica tailandesa souberam da condição de Gammy no quarto mês da gravidez.

O casal pediu à mãe que fizesse um aborto, mas CHanbua recusou o procedimento por ser budista.

“Não sei o que fazer. Eu escolhi tê-lo. Eu amo-o, esteve nove meses na minha barriga”, disse a mãe, numa entrevista ao canal ABC.

O pequeno Gammy, de seis meses de idade, nasceu ainda com uma malformação congénita do coração e precisa de tratamento médico urgente.

A mãe biológica já tem duas crianças e afirma não ter dinheiro para arcar com os custos dos sofisticados cuidados de que o bebé precisa.

“Com esse dinheiro, posso educar as minhas crianças, podemos pagar as nossas dívidas”, disse à cadeia de TV australiana ABC.

O jornal tailandês Thairath publicou a história na semana passada e deu início a uma campanha de angariação de fundos com o objetivo de recolher 200 mil dólares australianos (cerca de 140 mil euros) para o bebé.

A campanha, Hope for Gammy (Esperança para Gammy), continua a recolher fundos através de crowdfunding.

Casal australiano recusa acusações

O casal australiano acusado de ter deixado na Tailândia o filho com síndrome de Down negou as acusações, em declarações à cadeia ABC.

O pai da criança, que pediu que a sua identidade não fosse revelada, explicou que os médicos apenas referiram um bebé e não duas crianças, e que tiveram problemas com a agência – que atualmente já nem existe – que procurou a barriga de aluguer.

As autoridades tailandesas frisaram que o acordo entre as duas partes feriu as leis que regem a contratação de mães de aluguer na Tailândia.

“É possível contratar barrigas de aluguer na Tailândia, mas isso tem que ocorrer dentro da lei”, disse um porta-voz das autoridades de saúde tailandesas, Tares Krassanairawiwong.

“A mãe de aluguer tem que ser parente dos pais adotivos e não pode haver dinheiro envolvido.”

O caso está a gerar polémica na Austrália, onde as autoridades intensificaram a luta para o encerramento de agências que procuram barrigas de aluguer na Tailândia.

O ministério dos Negócios Estrangeiros da Austrália revelou que está em consultas com o país do Sudeste Asiático sobre o tema.

Entretanto, o primeiro-ministro Tony Abbott considerou “muito triste” a notícia de abandono do bebé e lamentou que alguém possa abandonar um recém-nascido desta forma.

As autoridades estimam em cerca de 200 os casais australianos que estão à espera de filhos gerados por barrigas de aluguer.

ZAP / BBC / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Os olhos são (mesmo) o espelho da alma. Estudo revela que experiências traumáticas afetam as pupilas

Uma nova investigação acaba de revelar que as pupilas podem revelar se uma pessoa sofreu uma experiência traumática no passado. Recentemente, uma equipa de investigadores da Universidade de Swansea, no Reino Unido, descobriu que as pupilas …

No Japão, é possível contratar um agente privado para sabotar a sua própria relação

Na Terra do Sol Nascente, é possível contratar um agente privado para sabotar a sua própria relação (sem ter de arcar com as culpas). De acordo com a BBC, estes agentes privados chamam-se "wakaresaseya" e têm …

Arqueologia estelar revela restos de antigo enxame globular. É o "último do seu género"

Uma equipa de astrónomos, incluindo Ting Li e Alexander Ji do Instituto Carnegie, descobriu uma corrente estelar composta pelos restos de um antigo enxame globular que foi dilacerado pela gravidade da Via Láctea, há 2 …

Petição para Reino Unido incluir Portugal no corredor aéreo com quase 30 mil assinaturas

O jornal em língua inglesa com maior circulação em Portugal lançou uma petição pela Internet a pedir ao Governo britânico para reconsiderar e incluir Portugal no corredor aéreo com o Reino Unido, já assinada por …

eBussy é o novo elétrico modular que se transforma em 10 carros diferentes

10 em 1. O eBussy, um veículo elétrico projetado pela alemã ElectricBrands, permite variar a carroçaria numa dezena de configurações diferentes. A fabricante alemã ElectricBrands revelou o seu mais recente carro-conceito: o eBussy, um elétrico modular capaz …

República Dominicana nega que Juan Carlos tenha entrado no país

A imprensa espanhola noticiou, esta terça-feira, que o rei emérito de Espanha estaria na República Dominicana, depois de ter anunciado que ia viver para fora. Mas as autoridades deste país negam essa informação. De acordo com …

Fome causada pelo coronavírus mata 10 mil crianças todos os meses

A cada mês que passa, 10 mil crianças morrem devido à fome causada pela pandemia do novo coronavírus. Há ainda 500 mil crianças malnutridas todos os meses. A pandemia do novo coronavírus está a intensificar problemas …

Lava Jato usou os mesmos métodos de espionagem clandestina que o FBI

A operação Lava Jato usou os mesmos métodos de espionagem utilizados por John Edgar Hoover, o temível líder do FBI durante quase 50 anos. Durante quase 50 anos, John Edgar Hoover liderou o FBI, ficando conhecido …

Por três dólares, já é possível comer refeições de avião em casa

A empresa Tamam Kitchen, líder na produção de alimentos para várias companhias aéreas de Israel, decidiu vender ao público e a baixo custo as refeições que habitualmente vende a empresas de aviação e que depois …

Ministério Público está a investigar acidente com Alfa Pendular em Soure

O Ministério Público está a investigar o descarrilamento do comboio Alfa Pendular, em Soure, que, na última sexta-feira, provocou dois mortos, oito feridos graves e 36 feridos ligeiros. Questionada na sexta-feira pela agência Lusa, a Procuradoria-Geral …