Até os antigos egípcios faziam trabalhos de casa

Um trabalho de casa, escrito por uma criança do Antigo Egito, ficou preservada desde o segundo século a.C – e as palavras podem parecer familiares até nos dias de hoje.

Uma lição antiga preservada numa laje de cera montada em madeira diz: “Deves aceitar conselhos apenas de um homem sábio” e “Não podes confiar em todos os teus amigos”.

Adquirido pela British Library em 1892, o objeto não é exibido publicamente desde a década de 1970. A obra será apresentada numa exposição da British Library chamada “Writing: Making Your Mark”, que traça a evolução da escrita em mais de cinco mil anos de história humana, afirmaram representantes de bibliotecas em comunicado.

O trabalho de casa é uma lição de duas partes em grego que mostra a vida quotidiana de um aluno que frequenta a escola primária no Egipto há cerca de 1.800 anos, explicou o co-curador Peter Toth.

Uma parte da tarefa foi um exercício de escrita. A laje exibe o exemplo escrito de um professor na primeira linha, e as próximas duas linhas contêm as mesmas palavras copiadas “desajeitadamente” pelo aluno, assim como os alunos primários copiam linhas escritas pelos seus professores. O resto do trabalho de casa incluía uma tabela de multiplicação e exercícios de leitura.

Embora o nome e o sexo do proprietário do trabalho sejam desconhecidos, a criança provavelmente era um menino de uma família rica, já que a educação formal no antigo Egpito era tipicamente reservada para homens de privilégio, de acordo com o Royal Ontario Museum.

As linhas copiadas por este estudante não serviram apenas para praticar caligrafia – também tinham a intenção de transmitir lições morais. “Não são apenas as mãos e os dedos, mas também a mente que está a ser instruída aqui”, disse Toth.

Lajes de trabalho de casa como esta eram feitas ao derramar cera derretida e escura numa depressão retangular no centro de uma tábua de madeira. Quando a cera arrefecia, professores e alunos podiam usar uma caneta de metal para riscar letras que pareciam mais claras contra o fundo escuro.

A cera normalmente parte na presença de humidade, por isso o clima seco da região provavelmente ajudou a  preservar o achado arqueológico.

A exposição, que abre portas em agosto, reúne mais de 100 artefactos, exemplos de escrita de civilizações antigas a culturas modernas, incluindo monumentos de pedra com hieróglifos egípcios, uma cópia do clássico literário “Ulisses”, notas musicais escritas por Mozart e instrumentos de tatuagem contemporâneos.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Turista danifica escultura do século XIX enquanto posa para fotografia (e é apanhado pelas câmaras de vigilância)

A polícia italiana identificou um austríaco de 50 anos que danificou uma estátua do século XIX num museu em Itália, enquanto posava para uma fotografia. O incidente ocorreu no passado dia 31 de junho, segundo …

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …

Virgin Galactic quer desenvolver avião comercial supersónico (que promete superar a velocidade do som)

A Virgin Galactic vai aliar-se à Rolls-Royce para criar um avião comercial supersónico, ainda mais rápido do que o mítico Concorde. A empresa de turismo espacial Virgin Galactic anunciou uma parceria com a Rolls-Royce para desenvolver …

PayPal resiste à pandemia. Volume de pagamentos cresce 30% no segundo trimestre

O volume de pagamentos através do PayPal cresceu 30% no segundo trimestre. A empresa parece resistir à pandemia de covid-19, que abalou o setor das viagens, cujos pagamentos estão muitas vezes associados a meios eletrónicos. …

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de beberem desinfetante para as mãos

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de ingerirem desinfetante para as mãos à base de álcool, revelou um relatório do Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) do país esta quarta-feira publicado. De …

Jim Hackett deixa a Ford após três anos de liderança

Ao fim de três anos como CEO da Ford, Jim Hackett será substituído por Jim Farley. Um mandato que fica marcado por problemas financeiros, de produção e pela morte dos três volumes e utilitários. O mandato …

Covid-19: Portugal tem mais 186 casos e quatro pessoas morreram desde sexta-feira

Portugal regista hoje mais quatro mortos e 186 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sexta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o relatório da DGS sobre a situação …

Versão americana da Eurovisão chega em 2021

O Festival Eurovisão da Canção — o maior espetáculo de entretenimento televisivo do mundo — vai chegar aos Estados Unidos no final do próximo ano. A novidade foi divulgada, esta sexta-feira (7), em comunicado oficial. A …

Contratações na TVI após apoios financeiros "suscitam preocupação"

O professor universitário e ex-ministro Miguel Poiares Maduro manifestou "preocupação" relativamente às contratações na TVI, da Media Capital, grupo que beneficia do apoio do Estado, através da compra antecipada de publicidade institucional. Em entrevista à Lusa, …