Afinal, astronauta japonês só cresceu 2 centímetros no Espaço

nasahqphoto / Flickr

O astronauta japonês Norishige Kanai

O japonês Norishige Kanai tinha anunciado que cresceu nove centímetros durante a sua estadia na Estação Espacial Internacional (EEI). Afinal, não passou de um erro (só cresceu apenas dois).

“Hoje tenho uma notícia importante. Passei no exame médico com medição dos parâmetros físicos e acontece que a minha estatura aumentou nove centímetros. Assim cresci em três semanas”, escreveu Norishige Kanai, que chegou à EEI a 19 de dezembro a bordo da nave pilotada russa Soyuz, no Twitter.

O astronauta japonês, de 41 anos, lembrou que não crescia desta forma desde a fase da sua adolescência. “Isto não acontecia desde os tempos do ensino secundário. Agora estou preocupado porque não sei se vou caber no assento da nave espacial Soyuz“, acrescentou, citado pela agência russa TASS.

Porém, esta quarta-feira, Kanai revelou na mesma rede social que afinal terá havido um erro de medição e que só cresceu apenas dois centímetros, valor considerado normal. “Peço desculpa por ter publicado uma notícia falsa”, escreveu ainda o astronauta.

O cirurgião russo Vladimir Joroshev tinha dito à RIA Novosti que a drástica mudança da estatura “é fácil de explicar”. “O tecido cartilaginoso modifica-se em condições de falta de peso. A nossa coluna espinhal é composta não só por vértebras, que são um tecido ósseo, mas também pelos discos intervertebrais, que são tecido cartilaginoso”, explicou.

Esse tecido cartilaginoso é muito flexível e suscetível a sofrer mudanças, ao contrário dos ossos, que permanecem impassíveis em condições de imponderabilidade.

“Quando a carga sobre a coluna vertebral se reduz em dezenas de vezes em condições de falta de gravidade, o tecido cartilaginoso dos discos intervertebrais se alarga, o que leva ao aumento do comprimento do corpo”, concluiu Joroshev.

Kanai, engenheiro a bordo da sua primeira missão espacial, chegou à Estação Espacial Internacional na companhia do russo Anton Shkaplerov e do norte-americano Scott Tingle.

Os três astronautas, que vão continuar no Espaço cerca de meio ano, juntaram-se ao russo Alexandr Misurkin e aos norte-americanos Mark Vande Hei e Joseph Acaba, que se encontram na EEI desde setembro.

A EEI, um projeto de mais de 150 mil milhões de dólares, no qual participam 16 nações, está atualmente integrada por 14 módulos permanentes e orbita a uma velocidade de mais de 27 mil quilómetros por hora a uma distância de 400 quilómetros da Terra.

Atualização (10/01/2018, 11h30):
Notícia atualizada com as novas informações do astronauta.

ZAP // EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Jorge Jesus renova com o Flamengo por mais uma época

O treinador português anunciou, esta quarta-feira, que vai ficar mais uma época nos brasileiros do Flamengo, até junho de 2021. "Digam à nação que fico!". É esta a frase que acompanha a fotografia publicada, esta quarta-feira, …

Governo deixa cair lay-off simplificado. Novo apoio vai variar em função da quebra de faturação

O apoio às empresas em lay-off que retomarem a atividade será diferenciado em função da quebra de faturação, com vista a direcionar as ajudas públicas “a quem mais precisa”, afirmou esta terça-feira a ministra do …

Grupo de precários da Casa da Música dispensado de serviço via e-mail "meia hora depois" de uma vigília de protesto

Cerca de 13 trabalhadores "precários" da Casa da Música, no Porto, foram dispensados dos concertos que tinham alocados para o mês de junho. Em declarações à Lusa, Hugo Veludo, um dos 13 assistentes de sala …

Sete detidos em operação na Quinta da Fonte ficam em prisão preventiva

Os sete homens que foram detidos numa operação policial no bairro da Quinta da Fonte, em Loures, na segunda-feira, ficaram em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, revelou à agência Lusa a Polícia …

O parasita da malária tem o seu próprio relógio interno

Um novo estudo acaba de revelar que, mesmo quando cultivados fora do corpo, os parasitas da malária conseguem manter o seu ritmo. Quando uma pessoa contrai malária, acontece uma dança rítmica dentro do corpo. Os sinais …

Maduro e Guaidó juntam-se na luta contra a pandemia. EUA acusam país de impedir voos humanitários

O governo do Presidente venezuelano e o líder da oposição Juan Guaidó acordaram procurar conjuntamente fundos para combater a pandemia da covid-19 na Venezuela, de acordo com um documento divulgado esta terça-feira na televisão oficial. No …

Marítimo "aplaude" Costa no espectáculo de Bruno Nogueira e pede adeptos nos Estádios

Com recurso a fotografias de António Costa no Campo Pequeno, a assistir ao espectáculo "Deixem o pimba em paz" de Bruno Nogueira, o Marítimo "aplaude" o gesto do primeiro-ministro e apela a que o futebol …

Sexta extinção em massa cada vez mais próxima. Mais de 500 vertebrados estão em risco

Uma sexta extinção em massa está cada vez mais perto, alertam os cientistas. Mais de 500 espécies de vertebrados estão sob ameaça de extinção devido aos seres humanos. Em 2015, o biólogo da Universidade de Stanford …

O Oumuamua pode ser um icebergue de hidrogénio (e um dos objetos mais raros do Universo)

Uma equipa de astrónomos da Universidade de Yale e da Universidade de Chicago propôs uma nova descrição para o Oumuamua, o primeiro objeto interestelar a passar pelo nosso Sistema Solar. De acordo com a nova teoria …

A Via Láctea pode ter sido esmagada por campos magnéticos quando ainda era um "bebé cósmico"

Nos primeiros dias do Universo, quando a Via Láctea ainda era apenas um bebé cósmico, campos magnéticos poderosos podem tê-la esmagado e ter tido um grande impacto no seu crescimento. Em entrevista ao NewScientist, astrofísicos da …