Associação de Pedrógão Grande vai lançar ação coletiva contra o Estado

António Cotrim / Lusa

A presidente da Associação de Apoio às Vítimas de Pedrógão Grande disse este sábado que a estratégia judicial já está montada, mas não avançou mais pormenores, no dia em que houve a eleição dos órgãos da associação.

“Relativamente às questões judiciais, permitam-me que não partilhe estratégias da associação. É uma coisa muito nossa e faz parte do segredo. A estratégia judicial já está montada, só posso avançar isso”, disse Nádia Piazza, no final de uma reunião que decorreu no auditório da Câmara de Castanheira de Pera, no distrito de Leiria.

A recém-eleita presidente da direção sublinhou que, a partir desta eleição para os órgãos diretivos, a mesa da assembleia e o conselho fiscal estão a funcionar com plenos poderes.

A associação fez saber, recentemente, que pondera uma ação coletiva contra o Estado e pretende constituir-se como assistente no inquérito que investiga as causas e os culpados do fogo que começou naquele concelho, em junho. E adiantou que os esforços da associação serão sempre no sentido do apuramento de responsabilidades de culpados do incêndio.

“Vamos investir no apuramento de responsabilidades. Temos feito, até aqui, um trabalho junto das populações, nas questões de saúde e sociais. Para nós, o mais importante é o apuramento de responsabilidades, até para evitar futuras tragédias”, frisou.

Nádia Piazza sublinhou ainda, em relação às conclusões dos relatórios, que não esperam por grandes conclusões.

Os relatórios são todos parcelares. Estamos à espera que saiam todos, naturalmente, da Comissão Técnica Independente. Esse não vai ser o último. O último vai ser o da Polícia Judiciária, sendo certo que o da PJ tem um peso fulcral no âmbito do inquérito”, disse.

A responsável frisou, no entanto, que o relatório da PJ, que tem um peso fulcral, já foi anunciado para o final do ano.

Para a presidente da Associação de Apoio às Vítimas de Pedrógão Grande, os prazos são razoáveis, dada a complexidade de todo o processo: “Nós temos calma”, disse.

PARTILHAR

RESPONDER

Ângelo Rodrigues já fez a primeira cirurgia de reconstrução da perna

O ator Ângelo Rodrigues está internado no Hospital Garcia de Orta devido a uma infeção provocada por uma bactéria. Realizou uma cirurgia de reconstrução de parte da perna esquerda e está "em plena recuperação". Ângelo Rodrigues …

Guaidó questiona novo diálogo com o regime e alerta que crise se intensificará

O presidente da Assembleia Nacional diz que “nunca houve diálogo” entre o Governo de Nicolás Maduro e a oposição porque ao regime “não lhe interessava solucionar”. O líder político opositor Juan Guaidó questionou esta segunda-feira …

150 tigres foram resgatados de um templo na Tailândia. Mais de metade não sobreviveu

Mais de metade dos 150 tigres resgatados há três anos num templo budista em Kanchanaburi, no oeste da Tailândia, morreram, segundo os media locais. Em causa estiveram problemas relacionados com a consanguinidade, uma vez que foram …

Holanda. Mudanças na legislação fiscal sobre empresas para corrigir imagem de paraíso fiscal

O governo holandês deve apresentar esta terça-feira, no reinício dos trabalhos parlamentares, uma modificação da lei sobre a taxação dos lucros das multinacionais, com o intuito de corrigir a imagem de paraíso fiscal para os …

ISEP acaba com venda de garrafas de água de plástico

O Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) vai, a partir desta segunda-feira, “acabar com a venda de garrafas de água de plástico de 33 centilitros” no campus, uma vez que, anualmente, são consumidas quase …

Procuradores de Nova Iorque querem a declaração de impostos de Donald Trump

É a primeira vez, em quase 40 anos, que um Presidente dos Estados Unidos (EUA) não exibe a declaração de impostos. Donald Trump negou-o durante a campanha presidencial de 2016 mas agora procuradores de Nova …

Políticos de PS e PSD envolvidos no negócio milionário da canábis

Os ex-ministros Jaime Gama, do PS, e Ângelo Correia, do PSD, têm ligações a empresas que obtiveram licença para a produção em Portugal de canábis para fins medicinais. Um negócio milionário que já é conhecido …

Diretor da PJ vai ganhar mais com o fim do teto máximo dos juízes

O salário de diretor da Polícia Judiciária, equiparado ao dos juízes dos Tribunais da Relação com cinco anos de serviço, vai beneficiar do fim do teto salarial que impedia os magistrados de receberem mais do …

Tribunal Constitucional perdeu caixa com assinaturas do RIR de Tino de Rans

Vitorino Silva ou Tino de Rans, como é mais conhecido, apanhou um valente susto quando descobriu que o Tribunal Constitucional perdeu uma caixa com assinaturas para a legalização do seu partido, o RIR. Depois de …

Administrador nomeado pelo Estado demitiu-se da Fundação Coleção Berardo. Já há substituto

João Neves apresentou à tutela a sua demissão de administrador da Fundação de Arte Moderna e Contemporânea – Coleção Berardo (FAMC) na passada quinta-feira, devido ao processo de guarda do arresto das cerca das mil …