“Assassino do Twitter” assume ter matado 8 mulheres que partilharam pensamentos suicidas

(h) Masato Yamashita / JIJI Press

Takahiro Shiraishi durante o julgamento

O caso está a chocar o Japão. Perante o Tribunal de Tóquio, Takahiro Shiraishi declarou-se culpado, após ter assassinado e esquartejado oito mulheres e um homem em 2017. O assassino conheceu as vítimas através da rede social Twitter.

O homem de 29 anos admitiu ao Tribunal que entrou em contacto com as mulheres através do Twitter depois destas expressarem, nas redes sociais, pensamentos suicidas. Após encontrar-se com as vítimas, Takahiro Shiraishi levou-as para o seu apartamento em Zama – a cerca de 40 km a sudoeste de Tóquio – onde as agrediu sexualmente, e depois as roubou e matou.

Os crimes levaram as autoridades japonesas a reprimir sites nos quais muitas pessoas partilham a vontade de cometer suicídio. Perante o sucedido, o Twitter também introduziu novas regras contra a promoção de suicídio e auto mutilação.

A vítima do sexo masculino era namorado de uma das mulheres, e dirigiu-se ao apartamento de Shiraishi para obter informações sobre o seu paradeiro, acabando também por ser morto, revela o The Guardian.

Os advogados de Takahiro Shiraishi argumentam que as acusações de assassinato deveriam ser reduzidas porque as vítimas, que tinham idades entre 15 e 27 anos, mostraram vontade de morrer.

Caso seja condenado, o jovem japonês corre o risco de ser executado. No Japão, os autores de assassinatos múltiplos, ou de violações, são geralmente condenados à pena de morte – que acontece por enforcamento.

Shiraishi foi preso em outubro de 2017, quando o irmão de uma das vítimas encontrou mensagens suspeitas na sua conta do Twitter. O rapaz usou uma amiga como isco, pedindo-lhe que entrasse em contacto com Shiraishi marcando um encontro, sendo assim mais fácil ajudar a polícia a localizar o assassino.

A polícia fez várias buscas no apartamento de Shiraishi, e encontrou o corpo da jovem desaparecida no frigorífico, bem como partes de corpos de todas as nove vítimas em caixas térmicas, e outros recipientes de armazenamento.

O assassino acabou por assumir à polícia que matou as nove vítimas e que “esquartejou os corpos para esconder as provas”, revela a emissora pública NHK.

Shiraishi mudou-se de Tóquio para uma cidade mais pequena com o objetivo de recrutar mulheres para trabalhar na indústria do sexo em Kabukichō.

De acordo com as autoridades, o japonês criou uma conta no Twitter em março de 2017  “para entrar em contacto com mulheres que pensavam em suicídio, e que ele via como alvos fáceis”.

O julgamento de Shiraishi está marcado para 15 de dezembro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cristina Rodrigues deu a mão ao Governo para fazer passar o OE (mas ainda tem mais 14 reivindicações)

A dois dias da votação do Orçamento de Estado para 2021 na fase da generalidade, a deputada não-inscrita Cristina Rodrigues deu a mão ao Governo para fazer passar o documento. No entanto, ainda tem - …

Costa diz que estado de emergência é "prematuro" e põe de lado o recolhimento obrigatório

Numa altura em que o número de infetados não pára de subir em Portugal, o Governo prefere manter a situação de calamidade para dar resposta à pandemia, o que permite tomar medidas como o confinamento …

22-0: a soma de dois jogos, no mesmo dia

Com claro destaque para o que aconteceu nos Países Baixos: 13-0, vitória do Ajax. Recorde no campeonato holandês, cinco golos de um jogador, um guarda-redes a querer marcar uma grande penalidade... O que aconteceu no sábado, …

Aminoácido produzido no cérebro pode prevenir ataques epiléticos

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Florida descobriu que um aminoácido produzido pelo cérebro pode desempenhar um papel crucial na prevenção de um tipo de ataque epilético. As crises epiléticas do …

Ir à escola, viajar e assistir a espetáculos. As exceções à proibição de circulação entre concelhos

No final do último Conselho de Ministros, na semana passada, o Governo anunciou a proibição de circulação entre concelhos entre as 0h de 30 de outubro e as 6h de 3 de novembro, englobando o …

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …