Tomar aspirina diariamente tem riscos para a saúde dos mais velhos

Uma nova e importante pesquisa realizada nos Estados Unidos e na Austrália sugere que os idosos em boas condições de saúde não devem tomar uma aspirina por dia, como já indicaram outros estudos.

Há benefícios comprovados do uso diário da aspirina para as pessoas que sofreram um ataque cardíaco ou derrame, porque a droga ajuda a diluir o sangue, evitando assim um novo ataque.

Algumas pessoas completamente saudáveis optam por tomar aspirina para diminuir as hipóteses de ataque cardíaco ou derrame e há pesquisas contínuas sobre o uso deste medicamento para reduzir o risco de cancro.

Mas, o novo estudo não encontrou benefícios para pessoas saudáveis ​​com mais de 70 anos tomarem diariamente aspirina – pelo contrário, o medicamento aumentou o risco de hemorragias, os sangramentos internos que podem levar à morte.

A maioria das investigações sobre os benefícios da aspirina é realizada em pessoas na meia-idade e há evidências crescentes de que os perigos aumentam à medida que envelhecemos.

O estudo, que foi apresentado num artigo publicado na semana passada na revista científica New England Journal of Medicine, foi feito com 19.114 pessoas nos Estados Unidos e na Austrália.

Os entrevistados têm mais de 70 anos, boas condições de saúde e não possuem histórico de problemas cardíacos. Metade dos participantes recebeu uma dose diária de aspirina em baixa dose durante cinco anos.

Três relatórios diferentes, publicados New England Journal of Medicine, mostraram que as pílulas não reduziram o risco de problemas cardíacos ou proporcionaram algum outro benefício para quem as tomou. A pesquisa aponta que nestas pessoas o uso da aspirina aumentou o número de grandes hemorragias estomacais.

“Isso significa que milhões de idosos saudáveis ​​em todo o mundo que estão a tomar aspirina em doses baixas sem qualquer razão médica podem estar a fazê-lo desnecessariamente, porque o estudo não mostrou nenhum benefício geral para compensar o risco de sangramento”, disse o investigador John McNeil, da Universidade Monash.

“Essas descobertas ajudarão a informar os médicos que prescrevem há muito tempo esta droga para que saibam se devem recomendar a aspirina a pacientes saudáveis.”

O estudo descobriu também um aumento nas mortes por cancro, embora os investigadores achem que este crescimento precise de uma investigação mais aprofundada, já que vai contra as descobertas atuais nesta área.

O professor Peter Rothwell, da Universidade de Oxford, que estuda esta medicação há muito tempo, disse que as descobertas são definitivas.

“Tomar aspirina se não estiver saudável e com mais de 70 anos e se não teve um ataque cardíaco prévio ou acidente vascular cerebral é algo realmente muito pouco benéfico. Portanto, a auto-medicação com aspirina, na ausência de uma indicação médica definitiva, não é aconselhável“, diz.

As descobertas não se aplicam a pessoas que tomam aspirina devido a um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral – estas devem continuar a seguir os conselhos de seus médicos.

Cibéria // BBC / The Independent

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Marques Mendes elogia "voz independente" de Medina (e diz que a TAP pode ser um crematório político)

Luís Marques Mendes elogiou neste domingo as críticas que o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, fez ao combate à pandemia, considerando ainda que a resolução da TAP, que culminou na saída de David …

O “Grenadier” já não vai ser português. Fabricante automóvel Ineos desiste de fábrica em Estarreja

A INEOS Automotive, empresa do ramo automóvel, transmitiu à Câmara de Estarreja que vai suspender o investimento de 300 milhões de euros numa fábrica no concelho, revelou este domingo fonte municipal. "A empresa transmitiu à Câmara …

Grécia e Austrália recuam na abertura de fronteiras. Marrocos isola cidade após recorde de casos

Grécia e Austrália anunciaram neste fim-de-semana um recuo na abertura das suas fronteiras, enquanto que Marrocos isolou uma cidade após um número recorde de novas infeções de covid-19 registadas em 24 horas. A Grécia anunciou …

Dinheiro dos pobres usado para "vida de luxo". Presidente, mulher e filha da Mão Amiga acusados

O presidente da Associação Mão Amiga, em Gulpilhares, Vila Nova de Gaia, a mulher e a filha foram acusados pelo Ministério Público (MP) de usarem o dinheiro da instituição para pagarem uma "vida de luxo". …

Fisco tem por cobrar 15 mil milhões de euros em impostos

O Jornal Económico escreve esta segunda-feira que a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) tem por cobrar 14.919 milhões de euros em impostos. De acordo com o diário de economia, mais de metade da dívida dos contribuintes está …

"Armada espanhola" assegura 70% do mercado das obras públicas em Portugal

As empresas espanholas estão a assegurar 70% do mercado das obras públicas em Portugal, escreve esta segunda-feira o jornal Público, citando uma análise ao Portal Base, às obras públicas acima de sete milhões de euros No …

"Oitavos" da Liga dos Campeões não vão ser jogados em Portugal

A UEFA cedeu à pressão dos clubes e decidiu que os encontros da segunda mão dos oitavos-de-final vão ser disputadas nos respetivos estádios dos clubes. Os encontros por jogar relativos aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões …

Turmas repartidas e aulas ao sábado. O que muda no novo normal do Ensino Superior

Para o regresso às aulas do Ensino Superior no próximo ano letivo, as universidades estão a preparar medidas que permitam cumprir as regras sanitárias e zelar pela aprendizagem dos seus alunos. Se tudo correr como planeado, …

Presidente do Barcelona afasta interessados em Messi e desfaz mito

Rumores sugeriam que Lionel Messi estava decidido a sair do Barcelona. Não tardou a aparecerem interessados no argentino, mas o presidente do Barça já veio deixar um recado. Na semana passada, o mundo do futebol foi …

Doze jovens infetados após festa na Guarda. Politécnico suspende exames presenciais

Doze jovens, oito dos quais alunos do Instituto Politécnico da Guarda (IPG), testaram este fim de semana positivo para o novo coronavírus (covid-19). De acordo com a SIC Notícias, as infeções deram-se na sequência de uma …