As constipações preferem os narizes frios

O vírus que causa a comum constipação dá-se melhor num nariz frio, de acordo com um estudo desenvolvido por investigadores da Universidade de Yale, nos Estados Unidos.

O estudo mostrou que o sistema imunológico humano fica mais fraco a temperaturas mais baixas, o que permite a disseminação do vírus.

Os investigadores sugerem que quem estiver constipado mantenha o nariz quente e evite o ar frio.

Os rinovírus, um tipo de vírus altamente resistente, da família dos picornavirus, são um dos principais grupos de vírus que deixam os nossos narizes a pingar e nos fazem espirrar.

A equipa da Universidade de Yale testou o rinovírus a uma temperatura nasal de 33º C e temperatura corporal normal de 37° C.

“Sabemos há 50 anos que este vírus se reproduz com mais facilidade no nariz, mas o mecanismo nunca foi claramente definido”, disse à BBC a investigadora Akiko Iwasaki, da Faculdade de Medicina da Universidade de Yale.

Kike Calvo / yale.edu

A investigadora Akiko Iwasaki

A investigadora Akiko Iwasaki

Segundo Iwasaki, o sistema imunológico tornou-se mais fraco com nariz frio e deu ao vírus mais oportunidades para se reproduzir.

Duas ferramentas importantes – um conjunto de sensores que detectam a infecção e os químicos que coordenam a resposta imunológica – foram menos eficazes com temperaturas mais frias.

“Em geral, quanto menor a temperatura, mais baixa é a resposta imune inata ao vírus”, diz Iwasaki.

Temperatura

A cientista afirma que a descoberta poderia ajudar a explicar por que é que as constipações são mais comuns nos meses de inverno.

Mas Iwasaki adverte que é “muito mais complicado” do que apenas a temperatura ambiente.

Outros factores, incluindo mudanças de comportamento no inverno em comparação com o verão, também podem ajudar a explicar as constipações de inverno.

Iwasaki sugere algumas formas de combater uma constipação. “Se não puder migrar para um clima tropical quente durante o inverno, bem, tente impedir que a sua cavidade nasal seja exposta a ar muito frio.”

Jonathan Ball, professor de virologia da Universidade de Nottingham, diz que a descoberta pode explicar porque é que o rinovírus infecta o nariz em vez de atingir partes mais quentes do corpo, como os pulmões.

“Sabemos que a temperatura das células que revestem o nariz é mais baixa do que a de outras partes menos expostas do corpo”, diz Ball.

“Isso pode explicar porque o rinovírus causa as constipações comuns mas tem menor capacidade de causar infecções pulmonares mais graves, como o vírus da gripe faz”, acrescenta o cientista.

    ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Novo relatório aponta possível causa para número anormal de doenças causadas pelo vaping

Um novo relatório vem confirmar que o acetato de vitamina E encontrado em muitos produtos utilizados pelos vapers pode ser o responsável pelos problemas de saúde. O ano de 2019 ficou marcado por várias doenças e …

Morreu Rogério "Pipi", histórico jogador do Benfica

O ex-futebolista internacional português, que se evidenciou ao serviço do Benfica nas décadas de 40 e 50 do século passado, morreu este domingo, um dia depois de completar 97 anos. "Foi com profunda tristeza e pesar …

Milhares de manifestantes voltam às ruas de Hong Kong

A polícia de Hong Kong deteve, este domingo, onze pessoas e apreendeu várias armas, incluindo uma pistola, pouco antes do início de uma manifestação convocada para a cidade, para a qual se espera uma forte …

Irão e Estados Unidos trocam prisioneiros

Irão e Estados Unidos realizaram, este sábado, uma troca de prisioneiros que envolveu a troca de um investigador sino-americano por um cientista iraniano detido pelos EUA, num avanço diplomático que surge após meses de tensão …

Coreia do Norte anuncia "teste muito importante" em local de lançamento de mísseis

A Coreia do Norte anunciou ter realizado um "teste muito importante" no local de lançamento de mísseis de longo alcance, defendendo que terá um efeito fundamental na futura posição estratégica do país. A Agência Central de …

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …