Arqueólogos descobrem gigantesca câmara escondida na Grande Pirâmide de Queops

Um grupo internacional de cientistas descobriu uma nova estrutura no interior da Grande Pirâmide de Quéops, em Gizé, no Egipto, segundo revela um estudo publicado hoje pela revista “Nature”.

A investigação, liderada por especialistas do Japão, França e Egipto, levou à descoberta de uma grande câmara vazia na maior das pirâmides de Gizé e poderá ajudar a explicar como este espetacular monumento foi erguido.

A Grande Pirâmide, a mais importante construção do Reino Antigo, foi construída durante o reinado de Khufu (2550 a.C. a 2527 a.C.), segundo faraó da 4ª Dinastia, a quem Heródoto chamou de Quéops, mas os especialistas ainda desconhecem as técnicas usadas na construção.

Para descobrir os mistérios que ainda estão escondidos no seu interior, os cientistas analisaram as imagens geradas por uma partícula cósmica conhecida como muão, que é ativada quando partículas subatómicas procedentes do espaço exterior entram em contacto com a atmosfera terrestre.

A partícula muão apresenta diferentes trajetórias quando penetra a pedra ou atravessa o ar, o que permite aos cientistas detetar cavidades em estruturas sólidas, como na Grande Pirâmide.

Esta grande câmara vazia estima-se que tem cerca de 30 metros de comprimento e apresenta uma secção transversal similar à da Grande Galeria, que se localiza justamente debaixo da nova cavidade.

Não se sabe ainda qual é a sua estrutura exata ou função, mas os especialistas acreditam que o seu estudo pode levar a saber mais sobre o processo de construção da maior pirâmide de Gizé.

A cavidade, batizada como “ScanPyramids Big Void“, foi observada pela primeira vez através do uso de “filmes de emulsão nuclear instalada na Câmara da Rainha”, que foram examinadas na Universidade de Nagoia do Japão, explicaram os autores no texto publicado pela “Nature”.

Depois, especialistas da Organização de Investigação do Acelerador de Alta Energia KEK, em Tsukuba (Japão), confirmaram a sua existência com um detetor de raios cósmicos ou “hodoscópio”, também instalado na Câmara da Rainha.

ScanPyramids

A câmara descoberta na pirâmide tem o tamanho de um avião

Por último, referendaram a descoberta da “ScanPyramids Big Void” com “detetores de gases instalados no exterior da pirâmide” pela Comissão Francesa de Energia Atómica (CEA) da Universidade Paris Saclay (França).

“Em consequência, esta grande cavidade foi detetada com um alto grau de confiabilidade por três tecnologias de (partículas cósmicas) muão diferentes e três análises independentes”, destacaram os autores.

Os resultados representam um “grande avanço” para conhecer mais detalhes sobre a Grande Pirâmide e sobre “a sua estrutura interna”, acrescentaram os cientistas.

“Embora não haja informação sobre a função desta cavidade, as descobertas demonstram que a física de partículas moderna pode trazer alguma luz sobre o património arqueológico mundial”, ressaltaram os especialistas.

Egipto acusa especialistas de se precipitarem ao anunciarem descoberta em pirâmide

O Ministério de Antiguidades do Egito acusou os especialistas do projeto Scanpyramids de se precipitarem e usarem termos propagandistas ao anunciarem na revista Nature a descoberta de uma nova câmara dentro da Grande Pirâmide de Quéops.

“O Ministério de Antiguidades considera que a equipa de investigadores não se deveria ter precipitado nem dirigido à opinião pública neste momento utilizando termos propagandistas sobre o projeto como a ‘descoberta’ de uma câmara ou espaço do tamanho de um avião dentro da Grande Pirâmide”, informa o governo egípcio em comunicado.

Na nota, a pasta declara que os arqueólogos já sabiam da existência de “várias câmaras” no interior das três pirâmides de Gizé.

Em declarações ao portal “Ahram Online”, o arqueólogo egípcio e ex-ministro de Antiguidades Zahi Hawass afirmou que o artigo publicado “não se trata de uma nova descoberta”.

“Acho que temos de ter cuidado com o uso da palavra ‘câmara’, porque a grande pirâmide está cheia de câmaras”, disse Hawas, presidente do comité de especialistas que supervisiona os trabalhos de ScanPyramids.

A grande expectativa e o interesse criados pelas descobertas arqueológicas relacionadas com as dinastias faraónicas costuma provocar controvérsias e polémicas.

O caso mais recente ocorreu em 2015, quando o egiptólogo britânico Nicholas Reeves formulou a hipótese de que atrás da parede norte da tumba de Tutankhamon há uma câmara funerária na qual estaria enterrada a rainha Nefertiti, o que ainda não pôde ser comprovado e que as autoridades arqueológicas egípcias negam.

// EFE / EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Há cada vez mais cidades chinesas com cortes de energia — e isso poderá ter consequências globais

Embora o problema já se tenha começado a sentir em julho, na última semana deixou de atingir apenas as zonas industriais para se estender aos bairros residenciais. População foi desaconselhada a não usar dispositivos com …

Barack Obama: "Taxem os ricos, como eu," para financiar proposta de Biden

Apelo está relacionado com a aprovação de um grande plano legislativo proposto por Joe Biden e que deverá ser negociado nas duas câmaras do Congresso norte-americano ao longo das próximas semanas. Numa semana decisiva da governação …

As origens dos antigos Etruscos foram finalmente reveladas

Vestígios de ADN encerraram, finalmente, o debate sobre a origem dos Etruscos,  uma antiga civilização cujos restos mortais foram encontrados em Itália. De acordo com quase dois mil anos de dados genómicos, recolhidos de 12 locais …

Rússia acusa Navalny e aliados de extremismo em novo processo

A Rússia intensificou a campanha contra o opositor do governo Alexei Navalny, abrindo esta terça-feira um novo processo judicial, que poderá levá-lo a cumprir uma pena de prisão de mais uma década. Navalny cumpre dois anos …

Governo demite Chefe do Estado-Maior da Armada. Gouveia e Melo provável sucessor

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, vai propor ao Presidente da República a demissão do Chefe do Estado-Maior da Armada, confirmaram hoje à Lusa fontes ligadas à Defesa. O Governo propôs ao Presidente da …

Borussia Dortmund 1-0 Sporting | Um Mal(en) que veio só… e foi suficiente

O “bicho papão Haaland não jogou, mas nem assim os “leões” conseguiram contrariar o maior poderio germânico. O Sporting saiu de Dortmund com uma derrota, apesar da excelente réplica no Signal Iduna Park, e muito por …

FC Porto 1-5 Liverpool | Dragão atropelado em casa

O Liverpool é uma espécie de “besta” em tons de “red” para o FC Porto. Em nove jogos oficiais, os “azuis-e-brancos” nunca venceram, somando 3 empates e 6 derrotas, a mais recente foi pesadíssima e …

China desenvolve arma invisível capaz de destruir redes de comunicação em dez segundos

Uma equipa de cientistas chineses está a desenvolver uma arma sónica, que gera um intenso pulso eletromagnético, capaz de destruir redes de comunicação e de fornecimento de energia elétrica. A arma poderá ter um alcance …

Dezenas de mulheres abusadas por funcionários da OMS na República Democrática do Congo

Dezenas de mulheres e meninas foram abusadas sexualmente por voluntários da Organização Mundial de Saúde (OMS) destacados para enfrentar o Ébola na República Democrática do Congo (RDC), entre 2018 e 2020, concluiu um inquérito independente …

Evolução de parasita está a tornar mais difícil detetar e tratar a malária

Uma mutação do parasita que causa a malária está a "camuflar" as proteínas que são identificadas nos testes rápidos, tornando mais difícil detetar e tratar a doença. De forma semelhante aos testes à covid-19, baratos e …