Apresentadora da Fox compara Fauci a Mengele, o “Anjo da Morte” de Auschwitz

2

niaid / Flickr

Um dos principais peritos em doenças infecciosas da Casa Branca, Anthony Fauci

O Memorial de Auschwitz condenou as declarações de Lara Logan, que comparou Anthony Fauci a Josef Mengele.

Lara Logan, apresentadora da Fox News, comparou o diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, Anthony Fauci, com Josef Mengele, médico nazi que fez experiências com prisioneiros em Auschwitz-Birkenau durante a Segunda Guerra Mundial.

“Isto é o que as pessoas me dizem, que ele não representa a ciência para elas. Ele representa Joseph Mengele, o médico nazi que fez experiências com judeus durante a Segunda Guerra Mundial e nos campos de concentração. E digo que pessoas de todo o mundo estão a dizer isto”, disse a jornalista.

Anthony Fauci é o mais conhecido rosto do combate à pandemia de covid-19 nos Estados Unidos, sendo conselheiro de Saúde da Casa Branca.

Mengele é o infame médico nazi que realizou experiências em Auschwitz, focando-se principalmente em gémeos. As experiências científicas não tinham qualquer respeito pela saúde ou segurança das vítimas.

Logan criticou os mandatos de vacinação e disse que a resposta à covid-19 foi exagerada.

“Agora a sério, não há justificação para tirar as pessoas dos seus empregos ou forçar a administração de vacinas para uma doença que, em última análise, é muito tratável”, disse Logan, comparando a mortalidade por covid-19 à da gripe.

Inseminação forçada, amputação desnecessária de membros, remoção de órgãos sem anestesia, esterilização e eutanásia são algumas das atrocidade cometidas pelo médico conhecido por “Anjo da Morte”.

Em reação o Memorial de Auschwitz condenou as declarações da comentadora da Fox News.

“Explorar a tragédia de pessoas que se tornaram vítimas de experiências pseudo-médicas criminosas em Auschwitz num debate sobre vacinas, pandemia e pessoas que lutam para salvar vidas humanas é vergonhoso”, escreveu o Memorial de Auschwitz na sua página oficial de Twitter.

“É desrespeitoso para com as vítimas e um triste sintoma de declínio moral e intelectual”, lê-se ainda no tweet.

  Daniel Costa, ZAP //

2 Comments

  1. Tem toda a razão
    Os emails de fauci para a OMS e o CDC, revelados publicamente por decisão judicial ao abrigo do FOIA ( os EUA são o único país do mundo onde é lei obriga a divulgar estas correspondências, conprovam que Fauci mentiu descaramento nas conferências de imprensa, sabia só vírus antes de aparecer nos EUA, sabia que tinha sido fabricado num laboratório chinês, sabia que a hidroxicloroquina é eficaz mas dizia que não em público, recebeu subornos e o CDC se farmacêutica…. etc..
    Tudo isso se sabe nos EUA

    Acho a comparação perfeitamente adequada..
    As PROVAS são irrefutáveis.
    Claro, há quem esteja cego com as mentiras e intoxicações dos grandes media, e ignoram a realidade devido ao analfabetismo

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.