Apresentado primeiro álbum composto por inteligência artificial

“Break Free” é o primeiro single lançado do novo álbum da cantora norte-americana Taryn Southern.  A música, ou melhor, o álbum inteiro, apresenta um artista conhecido como Amper como colaborador, mas o que parece uma colaboração típica entre dois artistas é, na verdade, muito mais do que isso.

Taryn não é uma estranha na indústria da música e do entretenimento. A artista acumulou mais de 500 milhões de visualizações no YouTube e tem mais de 450 mil assinantes.  Amper, em contrapartida, está a fazer a sua estreia.

A questão é que Amper não é uma pessoa.

Amper é um compositor, produtor e artista artificialmente inteligente. A IA foi desenvolvida por uma equipa de músicos profissionais e especialistas em tecnologia, e é a primeira IA a compor e produzir um álbum de música inteiro. O álbum é chamado I AM AI, e o single destacado será lançado a 21 de agosto de 2017.

Amper não exectua o seu trabalho por conta própria, mas foi projetada especificamente para trabalhar em colaboração com músicos humanos, explica o compositor de filmes Drew Silverstein, um dos criadores da Amper, ao TechCrunch.

“Uma das nossas principais convicções como empresa é essa. O futuro da música será baseado na colaboração entre humanos e inteligência artificial. Queremos que este tipo de experiência colaborativa impulsione o processo criativo”, diz Silverstein.

Dito isto, a equipe observa que, ao contrário de outras músicas que foram lançadas por compositores artificiais, as estruturas de acordes e a instrumentação de “Break Free” são inteiramente obra de Amper.

Em última análise, Amper afasta-se do modelo seguido dos atuais IAs de música. Geralmente, o trabalho original feito pela IA é amplamente reinterpretado pelos seres humanos. Isso significa que os humanos estão na realidade a fazer a maior parte do trabalho.

Como a equipe observa em comunicado para a imprensa, “o processo de criação de música por IA envolve seres humanos a fazer mudanças manuais significativas – incluindo alterações em acordes e melodias”.

Esse não é o caso de Amper. As estruturas de acordes e instrumentação são puramente Amper. Só há entradas manuais do artista humano quando se trata de estilo e ritmo geral. E mais notavelmente, Amper pode criar música através de aprendizagemmáquina em apenas alguns segundos.

Aqui está um exemplo de uma música feita por Amper e re-organizada por Taryn.

Apesar de I AM AI ser o primeiro álbum totalmente composto e produzido por uma IA, não é a primeira vez que um IA mostra criatividade na música. Por exemplo, Aiva foi ensinada a compor música clássica, DeepBach foi projetado para criar música inspirada em Johann Sebastian Bach, e FlowMachines escreveu uma música inspirada nos Beatles.

Mas I AM AI é provavelmente o primeiro passo para uma nova era, uma era em que os seres humanos irão partilhar arte, e talvez até competir de forma criativa, com criaturas de Inteligência Artificial.

PARTILHAR

RESPONDER

Presidente da Samsung morre aos 78 anos

O presidente da Samsung Electronics, Lee Kun-hee, morreu este domingo aos 78 anos, disse o grupo sul-coreano em comunicado. Lee, que transformou o grupo num gigante global das telecomunicações, estava acamado desde um ataque cardíaco em …

Chuva de críticas à F1 em Portimão. Organização promete expulsar quem não cumprir distanciamento

Fotografias das bancadas da Fórmula 1 em Portimão começaram a correr este sábado nas redes sociais, gerando alguma polémica e descansando uma série de críticas, uma vez que as bancadas pareciam ter mais público do …

Ordem dos Médicos alerta para “grave sobrecarga” nas urgências pela Linha SNS 24

A Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) alertou que a atuação da Linha SNS 24, no âmbito da covid-19, causa uma “grave sobrecarga” nas urgências, pelo que defende alterações na referenciação dos …

"Votei num tipo chamado Trump". Presidente dos EUA votou antecipadamente na Florida

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, votou este sábado antecipadamente em West Palm Beach, na Florida, para as eleições presidenciais, juntando-se aos quase 55 milhões de americanos que também já o fizeram. Donald Trump …

Chegou o camião autónomo que não precisa de motorista para se deslocar

No ano passado foi lançado o T-pod, um protótipo de um camião elétrico autónomo e sem cabine. Agora, o seu fabricante, a empresa sueca Einride, revelou a última geração do veículo, que vai passar a …

"O medo não é a vacina". Centenas de pessoas contestam medidas do Governo em Lisboa

Centenas de pessoas contestaram este sábado as medidas impostas pelo Governo para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19, com gritos pela “liberdade” e pela “verdade”, numa manifestação realizada na praça do Rossio, em Lisboa. A …

Os humanos estão a pôr em causa a alimentação dos animais predadores

Os animais predadores que vivem perto de humanos estão a obter metade dos alimentos supostos e isso pode ser muito prejudicial, referem investigadores americanos. De acordo com um novo estudo publicado no jornal Proceedings of the …

Plataformas de streaming passam a ter de pagar 1% do seu lucro ao Estado

As plataformas de streaming passam a pagar uma taxa, após a proposta de lei ser aprovada esta sexta-feira, na Assembleia da República. Serviços como a Netflix, a HBO Portugal ou a Disney +, passam a …

Porto 1-0 Gil Vicente | Dupla Shoya-Evanilson embala “dragão”

Difícil, mas justo. O FC Porto recebeu o Gil Vicente numa noite chuvosa no Dragão, dominou claramente até aos 75 minutos – altura em que Zaidu foi expulso – e venceu por 1-0. Um resultado …

O novo recurso da Google encontra qualquer música. Basta cantarolar, assobiar ou cantar

Na semana passada, a gigante tecnológica da Google lançou uma versão atualizada da aplicação que ajuda a encontrar qualquer música que esteja presa na sua cabeça - mas que não saiba o nome. Com a nova …