Após terramotos e deslizamentos, a “cidade moribunda” de Itália ainda resiste no topo de uma montanha

Chamar-se a si mesmo de “Cidade Moribunda” pode não parecer a melhor forma de atrair turistas, mas Civita, em Itália, aprendeu a viver com o facto de estar a morrer.

Há vários séculos, a cidade italiana de Civita era muito maior e ligada por estradas a outros assentamentos. Porém, de acordo com a agência Reuters, deslizamentos de terra, terramotos, fendas e erosão reduziram o seu tamanho e deixaram-na isolada no topo de um contraforte.

“Durante três milénios, a erosão regressiva praticamente reduziu Civita a um núcleo, deixando a praça e algumas ruas ao redor”, disse Luca Costantini, geólogo de 49 anos, que faz parte do projeto para monitorizar e desacelerar a erosão.

Em cavernas subterrâneas escavadas em rocha vulcânica mole conhecida como tufo, barras de aço mantêm as paredes unidas. “O nosso lema é resiliência porque Civita foi fundada pelos etruscos, passou pela era romana e por todo o período medieval até aos dias atuais”, disse Luca Profili, presidente da câmara de Bagnoregio, da qual Civita faz parte. “Este lugar é tão frágil”.

Esta fragilidade é medida em parte por um “extensómetro”, uma haste telescópica externa que deteta movimento.

Civita que resta até hoje é principalmente do período medieval e mede cerca de 152 por 91 metros – menos de dois campos de futebol. A sua praça principal tem o tamanho de um campo de basquetebol.

Antigamente, espalhava-se numa colina e tinha cerca de três vezes o tamanho atual. Ao longo dos séculos, bairros inteiros desabaram em deslizamentos de terra. Hoje é apenas acessível através de uma rampa longa e íngreme para pedestres ou carrinhos de golfe.

O número de residentes permanentes oscila entre 10 a 14, dependendo da temporada.

Antes da pandemia, Civita atraía turistas que viajavam entre Roma e Florença.

Stefano Lucarini, de 29 anos, comprou um restaurante em Civita em março de 2020, poucos dias antes do primeiro confinamento. “O timing não foi bom”, brincou, acrescentando estar otimista de que, após a pandemia, a cidade possa recuperar. “O risco ambiental é preocupante, [mas) esperamos que todos possam desfrutar da cidade durante muitos anos”.

Depois de resistir à morte durante tanto tempo, Itália decidiu propor, em janeiro, a cidade e a área circundante de penhascos e vales escarpados, conhecidos como “terras ermas”, como Património Mundial da UNESCO. Segundo o porta-voz do presidente da câmara, Roberto Pomi, o país espera que a organização tome uma decisão em junho de 2022.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Jet pack da Marinha britânica. Fuzileiros navais testam macacão Gravity em exercício de embarque

Quem melhor do que as organizações militares para testar e usufruir dos jet packs? A Marinha Real Britânica e os Fuzileiros Navais reais testaram um macacão a jato, desenvolvido pela empresa Gravity Industries. Esta semana, a …

Marés de Júpiter podem ajudar a perceber a história do Sistema Solar

Uma equipa de investigadores detetou uma pequena perturbação gravitacional em Júpiter. A descoberta pode ajudar a investigar o interior do planeta e perceber melhor a história do Sistema Solar. "Se você tentasse mergulhar em Júpiter, nunca …

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …

SOS Rio Paiva pede que se limite o número de visitantes à ponte e Passadiços do Paiva

A associação SOS Rio Paiva manifestou-se preocupada com o aumento da pressão turística e com a poluição, na sequência da inauguração da ponte suspensa em Arouca, e pediu que se limite o número de visitantes. A …

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo, caso este ainda esteja associado a contas em sites ou redes sociais. Embora milhões de números de telemóvel sejam desconectados todos os anos, um novo …

Ataque à bomba contra escola feminina em Cabul faz 30 mortos e 79 feridos

A explosão de uma bomba junto a uma escola secundária para raparigas na zona ocidental de Cabul fez hoje pelo menos 30 mortos e 79 feridos, segundo um novo balanço feito pelas autoridades afegãs. “O número …