“Vou apertar com Rangel para ver se ele resolve aquela merda”. Escutas comprometem Vieira na Operação Lex

António Pedro Santos / Lusa

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira

Novas escutas reveladas comprometem o presidente benfiquista na Operação Lex. “Vou apertar com Rangel para ver se ele resolve aquela merda”, disse Luís Filipe Vieira.

A revista Visão relevou as conversas telefónicas, ouvidas durante quase um ano, que comprometem o presidente do SL Benfica. Luís Filipe Vieira sempre desmentiu os crimes que lhe são imputados no âmbito da Operação Lex, mas estas novas gravações podem comprometer o líder ‘encarnado’.

As escutas foram colocadas nos telemóveis do então juiz desembargador Rui Rangel e do advogado que em 2012 integrou a lista de Vieira à presidência, Jorge Barroso.

Luís Filipe Vieira já teria por diversas vezes revelado que precisaria da ajuda do juiz, então no Tribunal da Relação de Lisboa, para resolver um processo pendente no Tribunal Administrativo e Fiscal de Sintra. O pedido era referente a 1,6 milhões de euros de um imposto sobre mais-valias taxado a uma empresa em que o seu filho, Tiago Vieira, era administrador, explica o Observador.

“Vou apertar com Rangel para ver se ele resolve aquela merda”, disse Luís Filipe Vieira numa das conversas com Jorge Barroso, em maio de 2017. Um mês depois, o presidente benfiquista voltou a falar com o advogado sobre este tema, reiterando que era um assunto “urgente”, que não podia “ter o dinheiro parado” e que iria “pressionar” o juiz.

Jorge Barroso terá aconselhado Vieira a tratar ele próprio do assunto, já que Rangel seria “um baldas”.

“É uma acusação profundamente injusta, pois assenta em factos que não são verdadeiros e em intenções que o Sr. Luís Filipe Vieira nunca teve. E se os factos não são verdadeiros, as intenções são fruto de imaginação”, disse o presidente das ‘águias’ em comunicado.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Um oásis LGBTQ, Budapeste é posto à prova pelo populismo e pela pandemia

Budapeste é um oásis para a comunidade LGBTQ, mas a cena drag da capital húngara vê-se ameaçada pela pandemia de covid-19 e pelas políticas conservadoras e populistas de Viktor Orbán. Durante muitos anos, Budapeste desfrutou a …

Coreia do Sul "ressuscitou" voz de uma superestrela. Chovem preocupações éticas

Pela primeira vez em 25 anos, a distinta voz da superestrela sul-coreana Kim Kwang-seok será ouvida na televisão nacional. O famoso cantor folk morreu em 1996. De acordo com a CNN, a emissora nacional da Coreia …

Maioria dos países africanos só terá vacinação em massa a partir de 2023

A maioria dos países africanos só terá imunização em massa a partir de 2023, segundo previsão da The Economist Intelligence Unit, que admite que, com o evoluir da pandemia, muitos dos países mais frágeis possam …

Mulher que "morreu" com covid-19 aparece viva 10 dias após funeral

Uma mulher de 85 anos ficou infetada com covid-19 num lar na Galiza, em Espanha. A 13 de janeiro a família de Rogelia Blanco recebeu a informação do lar de que a mulher tinha falecido. …

Familiares de vítimas na China pressionadas a não falar com OMS

As autoridades chinesas estão a pressionar as famílias das primeiras vítimas da covid-19 para que não entrem em contacto com os investigadores da Organização Mundial da Saúde (OMS) em Wuhan, segundo familiares dos falecidos. Mais de …

Falsas vacinas à venda na Internet são grande risco para a saúde

Embora milhões de pessoas tenham sido já vacinadas contra a covid-19 nos países ricos, proliferam as fraudes na Internet com fármacos falsos que representam um grande risco para a saúde, alertaram peritos das Nações Unidas. As …

Voto prévio no Senado aponta para absolvição de Trump

Na terça-feira, 45 dos 50 republicanos no Senado votaram contra a continuidade do julgamento ao ex-Presidente Donald Trump, considerando inconstitucional que um chefe de Estado que já terminou o mandato seja julgado no Congresso. De acordo …

Estudo revela que um terço dos inquiridos foi vítima de violência doméstica pela primeira vez na pandemia

Quinze por cento dos inquiridos num estudo sobre violência doméstica em tempos de covid-19 reportou a ocorrência deste crime na sua casa e um terço das vítimas disse ter sido agredida pela primeira vez durante …

Portugal regista valor mais baixo de nascimentos desde 2015

Cerca de 85.500 bebés nasceram em Portugal em 2020, o valor mais baixo desde 2015, ano em que foram realizados 85.056 “testes do pezinho”, revelam dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge …

Polícia francesa acusada de usar critérios racistas em verificações de identidade

Seis organizações não-governamentais avançaram com um processo judicial contra a França por alegada discriminação racial por parte da polícia nas ações de verificação de identidade. As organizações, incluindo a Human Rights Watch e a Amnistia Internacional, …