Antidepressivo comum ajudou a inibir o crescimento de cancro em cobaias

O antidepressivo sertralina ajudou a inibir o crescimento de células cancerígenas em culturas de células e animais de laboratório (cobaias), concluiu uma nova investigação da Universidade de Leuven, na Bélgica.

De acordo com o novo estudo, cujos resultados foram publicados recentemente na revista científica American Association for Cancer Research, esta substância atua sobre um vício metabólico que permite o crescimento de diferentes tipos de cancro.

Utilizado para aliviar sintomas de ansiedade, este é um antidepressivo comum e comercializado em vários países, como é o caso Portugal, sendo também um dos mais prescritos nos Estados Unidos, frisa o portal IFL Science.

Em comunicado citado pelo portal Eureka Alert, os cientistas explicam que as células cancerígenas utilizam diferentes mecanismos biológicos para estimular o seu crescimento.

Em determinados tipos de cancro da mama, leucemia, cancro da pele, tumores cerebrais e de pulmão, entre outros, as células malignas produzem grandes quantidades dos aminoácidos serina e glicina para crescerem.

Esta produção estimula o crescimento das células cancerígenas ao ponto de estas se tornarem viciadas nestes dois aminoácidos – e é neste “vício” que o antidepressivo sertralina demonstrou atuar nos testes realizados com animais em laboratório.

“Este mecanismo é um alvo interessante porque as células cancerígenas são muito dependentes dele”, explicou o professor Kim De Keersmaecker, chefe do Laboratório de Mecanismos de Doenças do Cancro (LDMC), citado na mesma nota.

“As células saudáveis ​​usam este mecanismo em menor grau e também absorvem a serina e a glicina dos alimentos. Isso não é suficiente para as células cancerosas, no entanto, o que significa que estas começam a produzir mais. Se conseguirmos interromper esta produção, seremos capazes de combater o cancro sem afetar as células saudáveis”.

Cientistas acreditam no potencial da descoberta

Recorrendo a um banco de dados de medicamentos existentes, os cientistas analisaram várias substâncias e descobriram que o antidepressivo sertralina era o mais eficaz

“Outros estudos indicavam já que a sertralina tinha certa uma atividade anti-cancerígena, mas ainda não havia explicação para isso”, escreveram os autores no novo estudo.

“Neste estudo, pudemos demonstrar que a sertralina inibe a produção de serina e glicina, causando a diminuição do crescimento das células cancerígenas. Também descobrimos que esta substância é mais eficaz quando combinada com outros agentes terapêuticos. Em estudos com cobaias, constatamos que a sertralina em combinação com outra terapia inibe fortemente o crescimento de células do cancro da mama”.

Apesar de os resultados serem ainda fruto de procedimentos experimentais, a equipa acredita no potencial da descoberta. “Agora que conseguimos identificar este mecanismo para o cancro da mama, podemos começar a analisar outros tipos de cancro que também são dependentes da síntese de serina e glicina”, explicou ainda De Keersmaecker.

“Este é o caso, por exemplo, da leucemia de células T, mas também de certos tipos de cancro do cérebro, pulmão e pele. Quanto mais tumores pudermos identificar que são sensíveis à sertralina, melhores serão as perspetivas para ajudar os pacientes no futuro”.

E rematou: “Este são, obviamente, resultados de investigações experimentais, e não de estudos clínicos, mas podemos estar otimistas sobre o seu potencial. A segurança do uso da sertralina em humanos já está bem descrita, o que é uma grande vantagem”.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …

Luxemburgo torna-se o primeiro país da Europa a legalizar o cultivo e consumo de canábis

O Governo luxemburguês anunciou, esta sexta-feira, que o país será a primeira nação do Velho Continente a legalizar o cultivo e o consumo de canábis. De acordo com a nova legislação, explica o jornal The …

Prisão preventiva para suspeitos da morte de jovem no metro das Laranjeiras

Os quatro suspeitos da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, ficaram em prisão preventiva, depois de presentes a primeiro interrogatório judicial. Os quatro arguidos, com idades entre os …

Cristiano vs. Salah: Klopp não queria comparar mas comparou

Treinador do Liverpool não acredita que vai encontrar um adversário debilitado: "Eles são capazes de fazer coisas incríveis". É o grande jogo de futebol no Reino Unido e um dos mais aguardados em todos os países: …

Bastonário dos Médicos considera direção executiva do SNS "um disparate"

O bastonário da Ordem dos Médicos considera que a criação da direção executiva do Serviço Nacional de Saúde, proposta no Estatuto do SNS aprovado esta quinta-feira, é "um disparate" e que há estruturas que podem …

João Leão no Parlamento: "A alternativa é um Orçamento apresentado pelo PSD"

O ministro das Finanças afirmou, esta sexta-feira, na Assembleia da República, que a alternativa à viabilização à esquerda da proposta de Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) é um Orçamento feito pelo PSD. "A alternativa que …

Mais de 30 mil mulheres polacas recorreram a métodos de aborto ilegais ou no estrangeiro desde a alteração na lei

Proibição à interrupção voluntária da gravidez entrou em vigor no início deste ano e as  exceções só se aplicam a casos de violações, incestos ou quando a saúde da mãe está em risco. Pelo menos 34 …

Fenprof anuncia nova greve no dia 12 e concentração em frente ao Parlamento

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou, esta sexta-feira, a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de novembro e a adesão à greve nacional da Administração Pública marcada …

Luis Díaz será a prioridade do Newcastle

Valor de mercado será agora inacessível para os clubes italianos, escreve-se... em Itália. O novo Newcastle deverá atacar o mercado do futebol com estrondo, possivelmente já daqui a pouco mais de dois meses, e a prioridade …