Havia anedotas “picantes” escondidas no Diário de Anne Frank

smiteme / Flickr

Anne Frank tentou esconder duas páginas do seu diário, que continham piadas “picantes” de “referência sexual”, ao colocar papel castanho sobre as páginas do seu caderno vermelho e branco.

Especialistas revelaram o texto escondido com a utilização de novas tecnologias, anunciaram a Casa de Anne Frank e duas outras instituições culturais holandesas na terça-feira, de acordo com o New York Times.

A adolescente judia, que viveu dois anos escondida dos nazis num anexo durante a II Guerra Mundial, terá camuflado as duas páginas por conterem conteúdo lascivo que a adolescente não quereria que o pai descobrisse.

“Às vezes imagino que alguém poderia vir até mim e pedir-me que o ensinasse sobre matérias sexuais”, escreveu Frank. “Como é que eu o faria?”. A adolescente tenta depois dar uma resposta à pergunta colocada, dirigindo-se a um ouvinte imaginário num tom sublime, usando frases como “movimentos ritmados” para descrever sexo, e “medicamentos internos” para se referir à contraceção.

Anne Frank aborda também a menstruação, que considera um sinal de que “está madura”, e a prostituição: “Em Paris, eles têm grandes casas para isso”.

Peter de Bruijn, um dos investigadores que fez a descoberta, diz que as páginas não são importantes pelo seu conteúdo sexual, uma vez que a adolescente explora matérias semelhantes noutras parte do diário, por vezes até com termos mais explícitos. Por outro lado, esta é uma descoberta importante porque mostra a primeira tentativa de Frank de escrever num tom mais literário.

“Ela começa com uma pessoa imaginária com quem fala sobre sexo, por isso, a adolescente está a criar um ambiente literário para escrever sobre um tema com o qual ela não estará muito à vontade”, disse o investigador.

Ronald Leopold, o diretor da Casa de Anne Frank, diz que esta é uma descoberta “muito interessante que acrescenta significado ao diário”.

Às páginas onde a adolescente escreveu sobre educação sexual, Anne Frank acrescentou-lhe ainda as quatro piadas picantes que conhecia. “Sabem porque é que as meninas das Forças Armadas Nazis estão na Holanda? Para servirem de colchões aos soldados”, era uma delas.

As entradas do diário foram escritas a 28 de setembro de 1942, pouco tempo depois de Anne se ter escondido com a família. “Vou usar esta página estragada para escrever anedotas picantes“, escreveu, então com 13 anos, na página que contém ainda algumas frases riscadas.

Sobre a decisão de publicar páginas que a adolescente judia claramente quezapria manter escondidas, a Casa de Anne Frank, em Amesterdão, disse que o seu diário, classificado pela UNESCO como património da humanidade, tem um significativo interesse académico.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Polícias de elite da PSP convocados para trabalhar nas obras

Operacionais da Unidade Especial de Polícia (UEP) da PSP estão a ser chamados para colaborarem como voluntários nas obras de remodelação da messe localizada na Quinta das Águas Livres, em Belas, Sintra. Segundo o Correio da …

Portugueses são dos que menos gastam em viagens turísticas

Os portugueses são dos cidadãos europeus que menos gastam em deslocações de turismo, ao desembolsar em média 136 euros por viagem turística, menos de metade da média da União Europeia, de 336 euros, revelam dados …

Ex-diretor da CIA admite recorrer à Justiça contra Donald Trump

O ex-diretor da CIA John Brennan admitiu neste domingo recorrer à Justiça, depois de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lhe ter cancelado o acesso a informação confidencial e à Casa Branca. “Se esse é …

Trabalhadores da CGD em greve contra a perda de privilégios

O novo Acordo de Empresa que a Administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) pretende implementar está a gerar revolta entre os trabalhadores e já levou à convocação de uma greve para sexta-feira, 24 de …

Asia Argento terá pago a jovem ator que a acusou de assédio sexual

A atriz e realizadora italiana terá pago 380 mil dólares para silenciar um jovem ator e músico que a acusa de assédio sexual quando tinha apenas 17 anos. Asia Argento foi uma das primeiras mulheres da …

Governo está a preparar descida dos impostos e aumento das pensões

São cinco as prioridades do Governo para o próximo Orçamento do Estado, segundo revela Marques Mendes no seu habitual espaço de comentário na SIC, nomeando o aumento das pensões, o alívio no IRS, a descida …

Bomba que matou 40 crianças no Iémen foi vendida pelos EUA em 2015

A bomba que matou de 40 crianças num autocarro escolar no Iémen, a 9 de agosto, foi fabricada pelos Estados Unidos e vendida à Arábia Saudita em 2015. De acordo com a CNN, que avança …

GNR "desfalcada" devido à transferência de mil militares para os incêndios

Nos últimos meses, mais de mil militares da GNR foram "reconvertidos" em bombeiros especialistas, membros do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS), que atuam no combate a incêndios. Com esta alocação, a situação …

Em 17 anos, o número de inspetores na educação caiu 41%

Entre 2001 e 2017, o número de inspetores a Inspeção-Geral da Educação e Ciência (IGEC) passou de 304 funcionários a exercer essas funções para 179, registando assim uma queda de 41%. O Sindicato dos Inspetores da …

Mais de 400 mortos nas inundações em Kerala, no sul da Índia

Mais de 400 pessoas morreram na sequência das inundações que atingiram Kerala, na Índia, as mais graves em 100 anos naquele estado do sul do país, de acordo com um balanço feito nesta segunda-feira pelas …