Havia anedotas “picantes” escondidas no Diário de Anne Frank

smiteme / Flickr

Anne Frank tentou esconder duas páginas do seu diário, que continham piadas “picantes” de “referência sexual”, ao colocar papel castanho sobre as páginas do seu caderno vermelho e branco.

Especialistas revelaram o texto escondido com a utilização de novas tecnologias, anunciaram a Casa de Anne Frank e duas outras instituições culturais holandesas na terça-feira, de acordo com o New York Times.

A adolescente judia, que viveu dois anos escondida dos nazis num anexo durante a II Guerra Mundial, terá camuflado as duas páginas por conterem conteúdo lascivo que a adolescente não quereria que o pai descobrisse.

“Às vezes imagino que alguém poderia vir até mim e pedir-me que o ensinasse sobre matérias sexuais”, escreveu Frank. “Como é que eu o faria?”. A adolescente tenta depois dar uma resposta à pergunta colocada, dirigindo-se a um ouvinte imaginário num tom sublime, usando frases como “movimentos ritmados” para descrever sexo, e “medicamentos internos” para se referir à contraceção.

Anne Frank aborda também a menstruação, que considera um sinal de que “está madura”, e a prostituição: “Em Paris, eles têm grandes casas para isso”.

Peter de Bruijn, um dos investigadores que fez a descoberta, diz que as páginas não são importantes pelo seu conteúdo sexual, uma vez que a adolescente explora matérias semelhantes noutras parte do diário, por vezes até com termos mais explícitos. Por outro lado, esta é uma descoberta importante porque mostra a primeira tentativa de Frank de escrever num tom mais literário.

“Ela começa com uma pessoa imaginária com quem fala sobre sexo, por isso, a adolescente está a criar um ambiente literário para escrever sobre um tema com o qual ela não estará muito à vontade”, disse o investigador.

Ronald Leopold, o diretor da Casa de Anne Frank, diz que esta é uma descoberta “muito interessante que acrescenta significado ao diário”.

Às páginas onde a adolescente escreveu sobre educação sexual, Anne Frank acrescentou-lhe ainda as quatro piadas picantes que conhecia. “Sabem porque é que as meninas das Forças Armadas Nazis estão na Holanda? Para servirem de colchões aos soldados”, era uma delas.

As entradas do diário foram escritas a 28 de setembro de 1942, pouco tempo depois de Anne se ter escondido com a família. “Vou usar esta página estragada para escrever anedotas picantes“, escreveu, então com 13 anos, na página que contém ainda algumas frases riscadas.

Sobre a decisão de publicar páginas que a adolescente judia claramente quezapria manter escondidas, a Casa de Anne Frank, em Amesterdão, disse que o seu diário, classificado pela UNESCO como património da humanidade, tem um significativo interesse académico.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Palavra “mulher” já tem nova definição

O dicionário online Priberam e o canal de televisão FOX Life uniram-se para desafiar os portugueses a participar na revisão do significado da palavra "mulher". Três semanas depois, apresentam-nos o resultado. Esta terça-feira, o dicionário online …

EUA emitem alerta sobre "ataques sónicos" na China

Esta quarta-feira, a embaixada norte-americana na China emitiu uma alerta após um funcionário do Governo ter sofrido uma lesão cerebral. A embaixada norte-americana na China emitiu um alerta depois de um funcionário ter sofrido uma lesão …

Descobertas 481 moedas romanas dos séculos I ao III em Braga

Um museu em Braga descobriu 481 moedas romanas datadas do século I ao século III que permitem perceber o circuito de comércio no Mediterrâneo na época do Império Romano. Esta quarta-feira, o Museu Pio XII, em …

José Manuel Coelho condenado a ano e meio de prisão domiciliária

O deputado do PTP/Madeira foi, esta quarta-feira, condenado a um ano e seis meses de prisão domiciliária pela prática de vários crimes de difamação e de divulgação de fotografias ilícitas. José Manuel Coelho foi julgado na …

Maternidade só deixa mãe ver as filhas recém-nascidas depois de pagarem a conta

Uma mãe esperou cinco dias para ver as suas filhas recém-nascidas porque não tinha dinheiro para pagar as despesas médicas. Juliana Logbo esperou cinco dias depois do parto para ver as suas filhas gémeas e recém-nascidas …

Novo escândalo de abusos sexuais no Chile leva à suspensão de 14 sacerdotes

A diocese da cidade chilena de Rancagua anunciou, esta terça-feira, a suspensão de 14 sacerdotes implicados num novo escândalo de abusos sexuais sobre jovens e menores. "Estes padres cometeram atos que podem constituir crimes nos domínios …

94% das universitárias de Coimbra já foram alvo de assédio sexual

Um estudo realizado pela UMAR Coimbra sobre a violência sexual em contexto académico revela que 94,1% das mulheres inquiridas já foram alvo de assédio sexual, 21,7% de coerção sexual e 12,3% reportaram já terem sido …

Israel admite: o famigerado F-35 já se estreou em combate

A força aérea israelita admitiu ter usado, pela primeira vez, o poderoso caça bombardeiro numa ação de combate contra dois tanques, numa missão recente. Um dos aviões de combate mais avançados do mundo, o novo caça-bombardeiro …

Proposta do PS sobre a habitação suspende despejos já em curso

O PS avançou com uma proposta de alteração ao seu próprio projeto. A medida abrange inquilinos com mais de 65 anos ou com grau de incapacidade igual ou superior a 60% desde que residam há …

Função Pública vai ter aumentos em 2019 (mas não nos salários)

O ministro das Finanças referiu, esta quarta-feira, no Parlamento, que os funcionários públicos vão ter aumentos em 2019, através da "via do descongelamento de carreiras". Mas sobre um eventual aumento dos salários não se pronunciou. "Todos …