Ana Gomes promete encorajar Pedro Nuno Santos a avançar para liderança do PS

José Sena Goulão / Lusa

A ex-eurodeputada socialista, Ana Gomes, durante o anúncio da sua candidatura à Presidência da República

A candidata presidencial Ana Gomes prometeu encorajar Pedro Nuno Santos, que na sexta-feira se junta à sua campanha, a avançar para a liderança do PS, quando a questão da sucessão de António Costa se colocar no futuro.

À margem de uma iniciativa de campanha, a ex-eurodeputada do PS foi esta quinta-feira questionada se era importante contar com o apoio do ministro das Infraestruturas – numa conversa online – começou por destacar a sua condição de governante.

“Eu penso que esse debate com um membro deste Governo que tem visão e ambição para Portugal pode ser extremamente interessante e precursora da minha atuação na Presidência da República”, afirmou a candidata, que tem prometido uma cooperação “franca e leal, mas vigilante” com o Governo.

Instada a comentar se não será também importante ter apoio de Pedro Nuno Santos como potencial sucessor de António Costa na liderança do PS, Ana Gomes respondeu afirmativamente. “É muito importante e naturalmente que serei uma das pessoas que encorajarei Pedro Nuno Santos, quando um dia se abrir a liderança no PS, a avançar. Penso que precisamos de gente jovem, corajosa, com visão, conhecimento do tecido económico e social do país e com dinamismo”, afirmou.

O antigo líder da JS Pedro Nuno Santos, atual ministro das Infraestruturas e da Habitação, participa na sexta-feira na campanha da candidata presidencial Ana Gomes, como um dos oradores da conversa digital diária. Pedro Nuno Santos intervirá na iniciativa “Portugal é consigo, Portugal é connosco”, na qual Ana Gomes conversa diariamente com especialistas nas áreas dos 21 compromissos com que se apresenta na corrida Belém.

Pedro Nuno Santos anunciou o seu apoio à candidatura presidencial de Ana Gomes na reunião da Comissão Nacional do partido de 7 de novembro, durante a qual criticou o mandato de atual Presidente da República e recandidato e a forma como a direção do PS atuou em matéria de eleições presidenciais, não dando indicação de voto.

Nessa reunião, o antigo líder da JS e da Federação Distrital de Aveiro – e apontado como potencial candidato à sucessão de António Costa no PS – demarcou-se do ponto de vista ideológico do atual Presidente da República e criticou a “centralidade” de Marcelo Rebelo de Sousa no plano político, considerando tratar-se de um fator de “instabilidade”.

Grupo de 22 socialistas apoia Marcelo, incluindo três ex-ministros

Um grupo de 22 socialistas anunciou esta quarta-feira o seu apoio à recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa às presidenciais, incluindo autarcas, três ex-ministros, Correia de Campos, Vieira da Silva e Paulo Marques, e o líder regional açoriano Vasco Cordeiro.

No texto, com o título “Votar para mobilizar Portugal”, a que a Lusa teve acesso, é elogiado o primeiro mandato de Marcelo Rebelo de Sousa, pelo “respeito e valorização do quadro constitucional”, pela “estabilidade política e do diálogo político e social”, pela “defesa dos interesses nacionais”.

“Essa é a principal razão que nos leva a confiar que as continuadas afirmações do candidato Marcelo Rebelo de Sousa de assumir idêntica atitude num eventual segundo mandato lhe dão particular capacidade para merecer o voto popular”, afirma-se no texto subscrito por 22 personalidades do PS.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"Era como se a morte estivesse num copo." No século XVIII, o gin estava a arruinar a Inglaterra

A bebida alcoólica tornou-se tão popular no Reino Unido que os empresários começaram a utilizar todo o tipo de aditivos para enriquecerem. No século XVIII, o gin tornou-se a maior droga que o homem poderia consumir …

Vacinar animais contra a covid-19? Dezenas de zoos nos EUA estão a avançar com a ideia

Cerca de 70 jardins zoológicos e espaços de conservação nos Estados Unidos estão a administrar a vacina da farmcêutica veterinária Zoetis aos seus animais. Não são só os humanos que estão a ser vacinados contra a …

Lewis Hamilton: "Eu não disse que estava a morrer"

Acidente com Max Verstappen originou dores no campeão; Helmut Marko disse que já era "espectáculo" a mais. Troca de palavras entre os dois candidatos ao título. Como se esperava, o acidente que envolveu Lewis Hamilton e …

Autorretrato de Frida Kahlo deverá ser vendido por um valor recorde de 30 milhões de dólares

A Sotheby’s espera ultrapassar os 30 milhões de dólares (mais de 25 milhões de euros) com o autorretrato da pintora mexicana Frida Kahlo, no qual aparece também o seu marido Diego Rivera. O autorretrato Diego y …

David Luiz: "Um dos dias mais especiais da minha vida" - e ainda se fala sobre Jorge Jesus

Flamengo ficou mais próximo de mais uma final da Libertadores, depois de derrotar o Barcelona de Guayaquil. David Luiz estreou-se. O Flamengo venceu o Barcelona de Guayaquil por 2-0, na primeira "mão" das meias-finais da Copa …

Iémen. Escassez de alimentos empurra 16 milhões de pessoas para a fome, revela ONU

Pelo menos 5 milhões de pessoas no Iémen estão à beira da fome e outros 16 milhões estão "a caminhar para a fome", num país dilacerado pela guerra civil. O Programa Mundial de Alimentos (WFP, na …

Presidente da Tunísia governará por decreto, ignorando partes da constituição

O Presidente da Tunísia, Kais Saied, declarou que governará por decreto e ignorará partes da constituição, enquanto se prepara para mudar o sistema político, gerando críticas imediatas da oposição. Desde 25 de julho, dia em que …

Alemanha deixa de pagar quarentena a trabalhadores não vacinados

A Alemanha vai deixar de indemnizar trabalhadores não vacinados que forem forçados a quarentena devido ao coronavírus, por ser "injusto pedir aos contribuintes que subsidiem aqueles que se recusam a ser vacinados", disse na quarta-feira …

Governo acaba com recomendação do teletrabalho

O Conselho de Ministros decidiu acabar com a recomendação da opção pelo teletrabalho e eliminar a testagem em locais de trabalho com mais de 150 trabalhadores. Estas medidas integram a terceira e última fase do plano …

Cansado de denúncias, Betis pede aos seus sócios: "Portem-se bem"

Clube onde jogam dois portugueses quer que os adeptos tenham um "comportamento adequado" durante os jogos no Benito Villamarín. O Betis de Sevilha jogou seis vezes até agora, nesta época. Quatro desses encontros foram disputados em …