20 mil milhões. “Almofada” da Segurança Social atinge valor histórico

partidosocialista / Flickr

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, José António Vieira da Silva

A “almofada” financeira da Segurança Social ultrapassou, pela primeira vez, os 20 mil milhões de euros, revelou esta quinta-feira o Ministério do Trabalho, tutelado por António Vieira da Silva, em comunicado. 

Este valor “histórico ” do Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) permite o pagamento integral de 18,5 meses de pensões do regime previdencial.

“O valor histórico de 20.073 milhões de euros do FEFSS cobre o pagamento integral de 18,5 meses de pensões do regime previdencial, num cenário teórico de total ausência de receita contributiva”, refere a nota de imprensa, acrescentando que este valor corresponde a 9,9% do produto interno bruto (PIB) português.

Esta evolução fica a dever-se, de acordo com a tutela, à diversificação das fontes de financiamento do fundo que serve de “almofada” às pensões da Segurança Social e também ao aumento das contribuições que resultaram da recuperação do emprego. “Regista-se, assim, um reforço da cobertura de 4,1 meses de pensões desde Dezembro de 2015, altura em que o valor do FEFSS ascendia a 14.097 milhões de euros, o que correspondia ao pagamento de 14,4 meses de pensões”, refere.

Segundo o Ministério do Trabalho, o reforço do fundo tem sido uma prioridade do Governo, “nomeadamente através da aposta na diversificação das fontes de financiamento, com a consignação ao FEFSS da receita do adicional ao IMI, desde 2017, e da receita de uma parcela do IRC, desde 2018”.

Por outro lado, acrescenta, “importa notar que as tradicionais fontes de financiamento, designadamente uma parcela do valor das quotizações dos trabalhadores por conta de outrem, os saldos do sistema previdencial e a rentabilização do património da Segurança Social permitiram aumentar este reforço, num contexto de crescimento sólido e sustentado das receitas de contribuições resultado do aumento do emprego e da massa salarial”.

Transferidos 3600 milhões  desde 2016

De acordo com os dados da Segurança Social, desde 2016 foram transferidos para o FEFSS 3600 milhões de euros (ao que se junta os valores decorrentes da rendibilidade da carteira de ativos). No ano de 2019, o FEFSS foi reforçado em 2700 milhões de euros: 1488 milhões relativos a transferências, em que se incluem as receitas consignadas do IMI e do IRC e 1212 milhões de euros de valorização dos investimentos realizados.

As previsões de evolução das necessidades de financiamento do sistema de pensões e da utilização do FEFSS, anexas ao Relatório do Orçamento do Estado para 2019, estimavam um valor do FEFSS para 2019 de 17.583 milhões de euros, correspondentes ao pagamento integral de 15,5 meses de pensões.

“Dados os valores atuais, muito superiores, é de esperar um novo acréscimo no horizonte de sustentabilidade do FEFSS”, sinaliza o gabinete de Vieira da Silva.

Criado em 1989, o Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social é um património autónomo que tem por objetivo assegurar a estabilização financeira de sistema contributivo de Segurança Social, constituindo-se como uma reserva.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Alguns planetas podem orbitar um buraco negro supermassivo em vez de uma estrela

Estamos habituados à ideia de que um planeta orbita estrelas. No entanto, estes corpos celestes podem também existir em torno de buracos negros supermassivos. Os cientistas já haviam adotado a ideia de que há planetas a …

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …

Costa não tinha dúvidas. O parecer da PGR sobre familiares é “absolutamente inequívoco”

O secretário-geral do PS, António Costa, defendeu hoje que o parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre as incompatibilidades entre governantes e negócios com empresas de familiares é “absolutamente inequívoco”. “O parecer é absolutamente inequívoco sobre …