A Aliança vem aí. Santana entrega assinaturas no TC na próxima semana

Pedro Nunes / Lusa

Pedro Santana Lopes

Pedro Santana Lopes já conta com as 7500 assinaturas necessárias para o seu novo partido. Na próxima semana entregará no Tribunal Constitucional todo o processo que dará início à Aliança.

Pedro Santana Lopes já tem as 7500 assinaturas para fazer nascer o seu novo partido, “em 21 dias e em pleno agosto conseguimos isto”, disse ao Diário de Notícias, destacando que as outras forças políticas que nasceram demoraram mais tempo. A Iniciativa Liberal, por exemplo, “levou perto de oito meses” a ganhar forma.

Certo é que, como assegura Santana, “a Aliança vem aí“. O antigo líder social-democrata, que deixou o partido no início de agosto, agradece a “mobilização extraordinária” das pessoas no país, mas também “muitos emigrantes que nos fizeram chegar as assinaturas por correio”.

A recolha de assinaturas decorreu em vários pontos do país, num processo que Santana Lopes acompanhou de perto. Segundo o DN, os núcleos de coordenação do partido vão nascer nos vários distritos, mas a Aliança terá duas sedes em simultâneo, em Lisboa e no Porto. Ainda assim, Santana não revela a sua localização – pelo menos, para já.

A rapidez na constituição do partido faz com que haja ainda mais tempo para preparar a campanha às primeiras eleições de 2019. Santana já fez saber que não será cabeça-de-lista na corrida ao Parlamento Europeu, tendo agora de encontrar o candidato certo para o primeiro teste eleitoral.

No entanto, o que está traçado é o perfil da nova força política: “Somos um partido personalista, liberalista e solidário. Europeísta, mas sem dogmas, sem sentir qualquer cartilha e que contesta a receita macroeconómica de Bruxelas”, afirma.

De acordo com o matutino, os estatutos da Aliança vão prever a criação do Senado, com a representação das diferentes regiões do país, com o objetivo de aproximar eleitos dos eleitores, tal como a consagração da figura do simpatizante.

Em relação ao financiamento, Santana explica que “vamos ter um empenho muito forte para cativar o apoio financeiro dos apoiantes e militantes através de crowdfunding“, mostrando-se muito confiante em relação ao resultado.

Na declaração dos princípios do novo partido de Santana lê-se que “Portugal precisa de reforçar a sua atitude perante a União Europeia“. Além disso, no panorama nacional, o “imperativo absoluto” é o combate à desertificação e ao abandono do território. Em relação ao Sistema Nacional de Saúde, o objetivo passa por permitir seguros de saúde eficazes” com o Estado a acompanhar esse esforço dos portugueses com “deduções fiscais efetivas”.

No plano económico, Santana quer Orçamentos do Estado “equilibrados” e um rigoroso “controlo da despesa pública“, através de “políticas de consolidação da dívida pública que não limitem a margem de manobra orçamental” e uma forte redução da carga fiscal.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E blá, blá, blá, conversa da treta para papalvo engolir… Mais um a tentar continuar a enganar o Povo Português como fazem todos os outros.

RESPONDER

Chapéu de Indiana Jones bate recorde em leilão

O icónico chapéu da personagem Indiana Jones rendeu 443 mil euros num leilão em que 600 objetos de culto foram vendidos na quinta-feira em Londres, superando as estimativas dos especialistas. Entre os 600 itens disponíveis para …

Infarmed já tem substituto para medicamento de Parkinson que esgotou

O Infarmed, Autoridade Nacional do Medicamento, garantiu uma alternativa ao Sinemet, medicamento para a doença de Parkinson que está esgotado nas farmácias portuguesas. "Na sequência das diversas reuniões com as empresas que têm medicamentos nesta área, …

Outono chega no domingo com temperaturas de verão

O outono começa no domingo com temperaturas acima dos 30 graus Celsius, podendo aproximar-se dos 40 nas regiões da Beira Baixa, Alentejo e Vale do Tejo, segundo Ricardo Tavares, do Instituto Português do Mar e …

Sánchez disposto a ir ao senado explicar “erro numa passagem” do seu livro

O primeiro-ministro espanhol disse, esta quinta-feira, que está disposto a ir ao senado explicar o "erro numa passagem" de um livro que escreveu e que "vai ser corrigido", avisando a oposição que vai continuar a …

Empresa austríaca cria método que transforma plástico em petróleo

A companhia petrolífera austríaca OMV apresentou esta quinta-feira um inovador procedimento que permite a produção de petróleo a partir de resíduos de plástico - material que é precisamente fabricado a partir deste recurso natural. A inovadora …

José Sócrates promete escrever um livro sobre a "traição" do PS

O ex-primeiro-ministro socialista compara a sua situação com a do ex-Presidente brasileiro Lula da Silva. A única diferença, segundo José Sócrates, é que "o PT manteve-se sempre ao lado de Lula". Numa entrevista ao Folha de …

Em nome da ciência, polvos tomaram ecstasy (e houve muito amor à mistura)

O que é que acontece quando um polvo consome drogas, mais concretamente ecstasy? Cientistas norte-americanos tiveram a oportunidade de realizar essa experiência. De acordo com o Science Alert, a equipa de investigadores deu MDMA, substância psicotrópica …

Recapitalização da CGD faz disparar défice de 0,9% para 3%

Sem a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos (CGD), o défice orçamental de 2017 situar-se-ia nos 0,9% do Produto Interno Bruto (PIB). Mas o cheque de quase 4 mil milhões de euros que o Governo …

Jovem foi violada quando estava inconsciente. Tribunal fala em "sedução mútua"

Uma jovem de 26 anos foi violada por dois indivíduos quando estava desmaiada, numa discoteca em Vila Nova de Gaia. A Relação do Porto entendeu que os criminosos não devem ser condenados a uma pena …

7 dos 10 políticos mais ricos de Portugal são do PS. Basílio tem 11 milhões

O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, tem um património superior a 11,5 milhões de euros, sendo assim o político em funções mais rico de Portugal. Os dados são avançados pela revista Sábado …