Alemanha suspende uso da vacina da AstraZeneca

2

O Governo alemão disse hoje que vai suspender o uso da vacina contra o novo coronavírus da AstraZeneca, por causa de novos relatos de coágulos sanguíneos perigosos relacionados com este fármaco.

A Alemanha junta-se à Noruega, a Áustria, Estónia, Lituânia, Letónia, Luxemburgo e Dinamarca, que já interromperam o uso da vacina da AstraZeneca, após a deteção de casos graves de coágulos sanguíneos em pessoas que foram vacinadas com doses da AstraZeneca.

O Ministério da Saúde alemão disse que a decisão foi tomada a título de “precaução” e a conselho do organismo regulador de vacinas da Alemanha, o Instituto Paul Ehrlich, que pediu uma investigação mais aprofundada dos casos detetados.

Em comunicado, o Ministério disse que a Agência Europeia de Medicamentos (EMA) decidirá “se e como as novas informações afetarão a autorização da vacina”.

No comunicado, o Ministério da Saúde alemão explicou que os coágulos sanguíneos relatados envolveram veias cerebrais, mas não especificou onde ou quando os incidentes ocorreram.

A AstraZeneca já disse que não há motivo para preocupação com a sua vacina e que houve menos casos de trombose relatados nas pessoas que receberam a injeção do que na população em geral.

No mesmo sentido, a Agência Europeia de Medicamentos e a Organização Mundial de Saúde (OMS) confirmaram que os dados disponíveis não sugerem que a vacina da AstraZeneca tenha causado os coágulos e que as pessoas podem continuar a ser imunizadas com esse fármaco.

De acordo com o Centro Europeu para Prevenção e Controlo de Doenças, a Alemanha recebeu pouco mais de três milhões de doses da vacina AstraZeneca e usou apenas 1,35 milhão de doses, até agora.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.654.089 mortos no mundo, resultantes de mais de 119,7 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

  // Lusa

2 Comments

    • … se efectivamente criar resistência efectiva à doença salva a vida de milhares de pessoas por cada milhão de vacinados, felizmente isso não se pode provar. Não sei quantos casos foram provados de coagulação por milhão de vacinados, mas será 1? 2? Então parece-me estar ao nível de qualquer outro bom fármaco com efeitos secundários pontuais. Infelizmente das vidas salvas não há notícia essas são a regra e importam mais que as excepções. Por mim não me faz qualquer diferença se tiver de tomar esta vacina.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.