Ahed Tamimi vai passar 8 meses na prisão por agredir militares israelitas

Abir Sultan / EPA

Ahed Nariman Tamimi, 17 anos, rosto da luta palestiniana

A adolescente palestiniana, referência contra a ocupação de Israel nos territórios da Palestina, “declarou-se culpada” da agressão a dois militares israelitas, após acordo com o Ministério Público para cumprir oito meses de prisão.

De acordo com a organização não-governamental Human Rights Watch (HRW), o acordo de Ahed Tamimi com o Ministério Público terá de ser ratificado pelo tribunal militar que está a julgar a jovem de 16 anos.

A adolescente palestiniana é uma das habitantes de Nabi Saleh, localidade a 20 quilómetros a nordeste de Ramallah, território da Cisjordânia ocupado por Israel, sob controlo militar.

Com oito anos, começou a participar em manifestações contra os colonatos israelitas e, três anos mais tarde, enfrentou os militares de Israel por causa da detenção do irmão, na altura com 12 anos.

No caso da agressão, um vídeo mostra Tamimi, que afirmou terem os militares israelitas disparado uma bala de borracha que atingiu um primo e o deixou temporariamente em coma, a discutir, ao lado da prima Nur, de 20 anos, com dois soldados.

“A nossa força está nestas pedras”, disse Tamimi, após confrontar os militares israelitas. A jovem foi acusada de agressão agravada a um militar israelita, de obstruir a sua ação, de perturbação da ordem pública e de incitamento à violência.

Tamimi já é conhecida como a “Malala da Palestina” ou a “Joana d’Arc palestiniana”. Várias organizações de defesa dos direitos humanos contestam o facto de as autoridades israelitas terem detido uma menor de idade. A jovem já teve cartazes nas paragens de autocarro londrinas a pedir a sua libertação e viu um documentário centrado na sua vida ser interdito em Singapura.

A jovem afirmou que o seu sonho era formar-se em Direito para conseguir ajudar os ativistas palestinianos e contribuir, assim, para a criação de um Estado para o seu povo.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. ….as autoridades israelitas em vez de palestinianas e
    terem preso em vez de quererem prender uma rapariga menor de idade.(penúltimo parágrafo)
    Atenção às gralhas!

RESPONDER

Explosão suspeita em complexo de edifícios na Suécia causa mais de 20 feridos

Mais de 20 pessoas ficaram feridas, três delas com gravidade, após uma explosão num complexo de edifícios no centro de Gotemburgo, na Suécia. A polícia está a investigar as causas do incidente e admite a …

Costa pode remodelar Governo após choque eleitoral (com Medina à cabeça)

António Costa pode estar a preparar uma remodelação no Governo, com Fernando Medina à cabeça. António Costa já veio negar essa possibilidade. O primeiro-ministro António Costa está preparado para fazer uma remodelação no Governo, após a …

Portugal com mais 600 casos de covid-19 e sete óbitos. Internamentos baixam das quatro centenas

Portugal registou, nas últimas 24 horas, 600 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da …

Autárquicas não contaminam processo orçamental. Esquerda chuta eleições para canto e mantém pressão

Depois de uma empolgante noite eleitoral, avizinham-se duas semanas de negociações entre os partidos e o Governo. Os trabalhos de negociação do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) estão mais atrasados do que o habitual devido …

Igreja desaba com a força da lava do vulcão em La Palma

Uma igreja na ilha espanhola de La Palma desabou depois de ter sido atingida pela lava do vulcão que entrou em erupção no passado domingo, dia 19. Após ter escapado por pouco no início da semana …

Homem que tentou matar Ronald Reagan vai ser libertado em 2022

Na altura o homem foi considerado inimputável pela justiça devido a problemas mentais. Depois de ter saído de um hospital psiquiátrico em 2016, John Hinckley Jr vai ficar em liberdade total de 2022. A 31 de …

Coreia do Norte lança "projétil não identificado"

A Coreia do Norte lançou um "projétil não identificado" no mar ao largo da sua costa oriental, disseram esta madrugada os militares sul-coreanos. Tanto o Japão como os Estados Unidos já condenaram o lançamento. A Coreia …

Pandemia, campanha anticomunista ou geringonça? As justificações para a derrota do PCP

Pandemia, campanha anticomunista, geringonça ou outra coisa qualquer? O que justifica a hecatombe do PCP nas duas últimas eleições autárquicas? A noite eleitoral foi um tombo para o PCP, que, além de não ter conseguido recuperar …

"Os eleitores fizeram-se ouvir muito bem". SPD responde à CDU e quer aliança com os Verdes e FDP

Armin Laschet tinha anunciado que a CDU queria liderar o executivo apesar do mau resultado, o que já motivou uma resposta do SPD. O líder dos conservadores está também debaixo de fogo dentro do próprio …

Durante a Administração Trump, CIA terá abordado hipótese de raptar e até assassinar Assange

Em 2017, a CIA terá considerado raptar e discutido planos para assassinar o fundador do WikiLeaks, Julian Assange, atualmente preso em Londres. Membros seniores da CIA discutiram a possibilidade de raptar e de assassinar Julian Assange …