/

Agência Mundial Antidopagem recomenda suspensão da Rússia por quatro anos

Atletas russos podem ver-se obrigados a competir sob bandeira neutra em Tóquio. O país também seria impedido de organizar grandes eventos desportivos durante esse período.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Um comité independente da Agência Mundial Antidopagem (AMA) recomendou esta segunda-feira a suspensão da Rússia de competições internacionais por um período de quatro anos, o que obrigaria os atletas a competirem sob bandeira neutra nos Jogos Olímpicos Tóquio2020.

O painel de revisão da AMA defende que a Rússia seja impedida de organizar grandes eventos nos próximos quatro anos e que a bandeira do país não possa ser hasteada em provas internacionais durante o mesmo período.

As recomendações serão analisadas pelo comité executivo da AMA, que se irá reunir em 9 de dezembro.

Em junho, a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) manteve a suspensão à Rússia, que está impedida de participar em provas internacionais desde novembro de 2015, na sequência de escândalo de doping e corrupção, com conhecimento e apoio estatal.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.