Família de afro-americano morto pela polícia vai processar autoridades dos EUA

Manuel de Almeida / Lusa

Manifestação antirracista e antifascista – “Black Lives Matter” em Lisboa.

Os advogados da família de um afroamericano morto pela policia na sexta-feira em Lafayette, no Estado do Lousiana, pretendem processar as autoridades pela morte do homem, segundo a agência de notícias AP.

Os advogados disseram que vão processar as autoridades pela morte de Trayford Pellerin, que ocorreu sexta-feira à noite e que foi captada em vídeo. A polícia local disse que o homem tinha uma faca e estava a tentar entrar numa loja de conveniência.

A União das Liberdade Civis Norte-Americana (ACLU, sigla em inglês) do Louisiana condenou o que descreveu como um “incidente horrível e mortal de violência policial contra uma pessoa negra”.

Tanto a ACLU como o Southern Poverty Law Center rapidamente pediram uma investigação sobre o caso.

A mãe de Trayford Pellerin disse que o seu filho era inteligente, tímido e tinha procurado terapia para a ansiedade social. A morte de Pellerin, que foi atingido com vários tiros, levou uma multidão de manifestantes a reunir-se no sábado e protestar contra o último tiroteio fatal da polícia.

Agentes com equipamento antimotim dispararam bombas de fumaça na noite de sábado para dispersar a multidão, disse o policia Derek Senegal, referindo que não foi disparado gás lacrimogéneo sobre a multidão.

Numa conferência de imprensa no final do sábado, as autoridades locais disseram que o protesto começou pacificamente, mas a violência explodiu mais tarde com fogos de artifício disparados contra prédios e incêndios no meio da estrada.

“A nossa intenção é apenas não permitir que as pessoas perturbem a nossa cidade e coloquem os nossos cidadãos, motoristas e vizinhanças em perigo”, disse o chefe de polícia interino Scott Morgan. Foram feitas prisões, disse Morgan, sem revelar o número exato.

“Nós apoiamos os direitos das pessoas à Primeira Emenda”, disse o xerife da cidade de Lafayette, Mark Garber.

“No entanto, quando se trata de destruição de propriedade, não vamos permitir que se destrua Lafayette”, complementou Garber.

Na sexta-feira à noite, a polícia de Lafayette seguiu a pé Pellerin, de 31 anos, quando este saiu de uma loja de conveniência, onde havia criado um distúrbio com uma faca, segundo nota da Polícia do Estado de Louisiana.

As armas de choque não conseguiram detê-lo e os policias atiraram sobre Pellerin, que tentou entrar noutra loja de conveniência, ainda com a faca, de acordo com um comunicado de imprensa.

A família acredita que Pellerin pode ter tido uma crise relacionada com a sua saúde mental e que não foi ajudado pelos polícias, disse o advogado, Ben Crump. A polícia de Lafayette pediu à força estadual que investigasse o incidente, procedimento padrão no estado para tiroteios com o envolvimento de polícias locais.

“Os polícias envolvidos devem ser demitidos imediatamente por suas ações abomináveis e fatais”, disse Crump em comunicado.

O incidente foi o terceiro tiroteio da polícia de Lafayette desde meados de julho.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Polícias maus, pá. Já não se pode andar por aí com uma faca na mão à vontade, a assaltar lojas e a resistir às autoridades. Só porque fugiu, não o conseguiram deter com armas de choque, e já ia entrar noutra loja de faca na mão, deram-lhe um tiro. Era muito inteligente, segundo a mãe. Claramente é racismo.

RESPONDER

O que causou um enorme buraco na camada do ozono em 2020? A ciência já pode ter resposta

O grande buraco que se abriu na camada do ozono no ano passado pode ter sido desencadeado por temperaturas recordes, durante o inverno, no oceano Pacífico Norte, indicam novas análises. O enorme buraco, que se formou …

Rio diz que Governo “procura influenciar voto" com “notícia positiva” pré-eleições

O presidente do PSD defendeu que o Governo “se esforçou” por, em cima das autárquicas, dar uma notícia positiva aos portugueses sobre a pandemia, considerando que deveria tê-lo feito há mais tempo ou então só …

Um habitat demasiado perfeito pode ser pior para o acasalamento dos pandas

Apesar de serem necessários habitats para a sobrevivência dos pandas gigantes, estes animais têm uma maior tendência para reproduzir se não houver abundância de recursos. Este ano, as autoridades chinesas disseram que os pandas gigantes deixaram …

Computador quântico ajuda a criar um computador quântico melhor

Um computador quântico foi usado para projetar um qubit aprimorado que poderá alimentar a próxima geração de computadores quânticos mais pequenos, de alto desempenho e mais confiáveis. Da mesma forma que um bit binário é a …

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …