Afinal não há câmaras ocultas no túmulo do faraó Tutankhamon

(cv) Euronews / YouTube

Cientistas desmentem que haja câmaras secretas no túmulo de Tutankhamon

Uma equipa de investigadores italianos descartou a possibilidade da existência de câmaras ocultas no túmulo do faraó Tutankhamon, hipótese que entusiasmou nos últimos anos os meios académicos, anunciaram as autoridades egípcias.

Investigadores da Universidade Politécnica de Turim, liderados por Francesco Porcelli, usaram um radar de precisão que consegue detetar através das rochas, segundo um comunicado do Ministério de Antiguidades, do Egito, citado pela agência noticiosa espanhola EFE.

Segundo a mesma fonte, não há qualquer evidência de descontinuidades nas paredes do túmulo, tendo sido identificada a transição da rocha natural para as estruturas que constituem as paredes da sepultura.

Não há nenhuma evidência da existência de batentes ou umbrais das portas, ou “refletores planos”, o que poderia indicar a existência de paredes de uma câmara funerária ou áreas vazias escondidas por detrás das pinturas a fresco que adornam as paredes da sepultura do jovem faraó.

Porcelli afirmou que os testes são “conclusivos” e que pode ser descartada “com um elevado grau de confiança” a hipótese da existência de câmaras escondidas ou corredores adjacentes à tumba.

Este é o terceiro estudo por radar realizado nos últimos anos no local, concretizado para pôr termo à controvérsia gerada pelos resultados contraditórios dos dois primeiros, feitos por uma equipa japonesa e outra norte-americana.

Estas investigações foram efetuadas para tentar confirmar a hipótese formulada em 2015 pelo egiptólogo britânico Nicholas Reeves, que sugeriu que a câmara funerária da rainha Nefertiti poderia estar ocultada por detrás das paredes norte e oeste do túmulo.

A suposição de Reeves baseou-se numa racha na parede do lado norte do sepulcro do “faraó menino” que seria uma porta selada e que levaria a uma possível câmara escondida.

ScanPyramids

Tutankhamon terá nascido em 1346 antes de Cristo (A.C.) e morreu em 1327 A.C., aos 19 anos, tendo reinado entre os anos de 1336 e 1327 A.C.. Sucedeu ao seu pai, o faraó Akhenaton, mas tem suscitado várias dúvidas entre os egiptólogos.

Tutankhamon foi o último faraó da XVIII dinastia e durante o seu curto reinado recuperou Memphis como capital do Egito e retomou o politeísmo, abandonado pelo pai, que proclamara Aton como o único deus.

O túmulo de Tutankhamon, no Vale dos Reis, atual Luxor, descoberto em 1922, foi o primeiro de um faraó encontrado intacto, pois todos os outros túmulos reais tinham sido saqueados em maior ou menor grau séculos atrás.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Como é possível uma pessoa reinar depois de morta pois segundo a noticia reinou desde 1336 a 1327 A.C…..

Responder a ZAP Cancelar resposta

Morreu Rogério "Pipi", histórico jogador do Benfica

O ex-futebolista internacional português, que se evidenciou ao serviço do Benfica nas décadas de 40 e 50 do século passado, morreu este domingo, um dia depois de completar 97 anos. "Foi com profunda tristeza e pesar …

Milhares de manifestantes voltam às ruas de Hong Kong

A polícia de Hong Kong deteve, este domingo, onze pessoas e apreendeu várias armas, incluindo uma pistola, pouco antes do início de uma manifestação convocada para a cidade, para a qual se espera uma forte …

Irão e Estados Unidos trocam prisioneiros

Irão e Estados Unidos realizaram, este sábado, uma troca de prisioneiros que envolveu a troca de um investigador sino-americano por um cientista iraniano detido pelos EUA, num avanço diplomático que surge após meses de tensão …

Coreia do Norte anuncia "teste muito importante" em local de lançamento de mísseis

A Coreia do Norte anunciou ter realizado um "teste muito importante" no local de lançamento de mísseis de longo alcance, defendendo que terá um efeito fundamental na futura posição estratégica do país. A Agência Central de …

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …