ADN herdado dos neandertais pode aumentar o risco de covid-19

(dr) Johannes Krause / Museum of the Krapina Neanderthals

Recriação de uma cena da vida de um grupo de Neandertais

Uma nova investigação concluiu que um segmento de ADN herdado dos neandertais presente em alguns humanos pode aumentar o risco de covid-19.

De acordo com o estudo levado a cabo por cientistas da Alemanha e da Suécia, o material genético herdado desta espécie ancestral humana pode aumentar o risco de adoecer gravemente com a infeção pelo novo coronavírus.

“Os dados resultantes de uma compilação de 3.199 pacientes hospitalizados com covid-19 indicam que esse segmento de ADN significa um risco genético aumentado de contrair uma infeção severa por SARS-CoV-2, exigindo hospitalização”, escrevem os cientistas no novo estudo pré-disponibilizado no portal bioRxiv.

O artigo, importa frisar, carece ainda de revisão de pares.

Os resultados da investigação mostraram uma forte ligação entre a covid-19 e o material genético neandertal do segmento do cromossoma 3, que torna as pessoas que têm duas cópias desta variante três vezes mais propensas a sofrer doenças graves, explicam os cientistas citado pelos jornal norte-americano New York Times.

Os especialistas consideram que, no geral, este legado genético pode ter sido prejudicial para os seres humanos modernos, desaparecendo depois com a evolução, embora alguns genes possam ter oferecido algumas vantagens evolutivas.

O mesmo jornal escreve que esta sequência genética que pode agravar a covid-19 passou muito provavelmente da espécie ancestral para o Homem durante o cruzamento entre Homo sapiens e os neandertais, que terá ocorrido entre 40.000 e 60.000 anos atrás.

Muito frequente entre os cidadãos do Bangladesh

No mesmo estudo, frisa o portal Russia Today, os cientistas sublinham que esta variante genética não afeta todas as populações de igual forma. O segmento de ADN neandertal é muito mais frequente nos habitantes de Bangladesh, onde 63% da população o tem, e no sul da Ásia, onde cerca de um terço da população o herdou.

Este “pedaço” de material genético é menos comum noutras regiões, como a Europa, onde apenas 8% de toda a população carrega este gene. Nos Estados Unidos está presente em 4% da população, enquanto em África é praticamente inexistente.

Os autores do estudo, Hugo Zeberg, do Instituto Max Planck de Antropologia Evolucionária, na Alemanha, Svante Paabo, do Instituto Karolinska na Suécia, acreditam que alguns genes neandertais herdados pelo Homem ainda afetam a sua saúde até aos dias de hoje.

“A variedade neandertal pode, portanto, contribuir significativamente para o risco de covid-19 em determinadas populações”, escreveram.

Um outro estudo, levado a cabo pelos mesmos cientistas e publicado em junho passado na revista científica especializada Molecular Biology and Evolution, concluiu que um terço das mulheres europeias herdou um gene neandertal favorável à fertilidade.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Com tantos riscos de “apanhar covid” onde estão os doentes?
    Os “infectados” estão em casa, à espera de um teste negativo. Enquanto esperam, ficam deprimidos e ansiosos porque perdem trabalho e rendimentos.
    Os que “estamos a proteger” (idosos), morrem em casa, por medo de “ficarem infectados” não vão aos hospitais, nem centros de saúde e interrompem medicação e tratamentos.
    Entretanto, laboratórios médicos, ganham milhões a vender teste, mascaras, material descartável para hospitais e clínicas. Até quando vamos permitir que a palhaçada continue?

  2. Os neandetais só não morreram todos de covid porque na altura, as condições de higiene eram muito boas e cozinhavam muito bem os alimentos.
    Claro que não haver mau jornalismo, governos fracos, laboratórios médicos a facturar milhões, nem redes sociais para espalhar o pânico, também ajudou.

  3. A grande ameaça do planeta é o homem, sem sombra de dúvidas. Desde os primórdios da sua existência, guerreou-se, prostituiu-se, roubou, matou, agrediu, destruiu, ofendeu, mentiu, escravizou……
    O número da besta está no ADN.

    COVID 19
    “Homens de pouca fé, sabes ver nas nuvens o tempo que faz amanhã e não sabes interpretar os sinais dos tempos “.
    Este vírus, se foi manipulado pelo homem é preocupante mas, se for de origem natural ainda é mais preocupante.
    Se for a segunda hipótese é caso para pensar e o homem terá que mudar de atitude e comportamento senão será o princípio do fim, por estupidez e casmurrice da sociedade, a natureza nos presenteará com outros tipos de vírus.
    Uma das muitas coisas que o homem terá que ter em conta é a natureza, esta não poderá ser destruída como tem vindo a ser, para benefício e estupidez de uns quantos, que se julgam acima de tudo e todos e implementarem o que muito bem lhes interessa.
    Cuidado, não brinquem com a natureza e com o poder porque, quem vai sair bem desta luta, mais uma vez, vai ser a Mãe Natureza.

RESPONDER

O Bosão de Higgs foi apanhado a fazer algo inesperado

Uma equipa de cientistas do Laboratório Europeu de Física de Partículas (CERN) observou o Bosão de Higgs, a fazer algo inesperado: à medida que caía, esta parecia decompor-se numa combinação inesperada de partículas. De acordo com …

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …