Aliado de Trump considera que acusações de fraude são “embaraço nacional”

Gage Skidmore / Wikimedia

Chris Christie, ex-governador do estado de Nova Jérsia

O ex-governador do estado norte-americano de Nova Jérsia, apoiante do ainda Presidente dos Estados Unidos, considera que chegou a hora de este assumir a derrota eleitoral.

“Tenho sido um apoiante do Presidente, votei nele duas vezes, mas as eleições têm consequências, e não podemos continuar a agir como se alguma coisa tivesse acontecido, quando não aconteceu”, disse Chris Christie em declarações ao canal ABC, citado pelo jornal online Observador.

“Francamente, a conduta da equipa legal do Presidente tem sido um embaraço nacional. Eles alegam fraude fora dos tribunais, mas quando vão para os tribunais não alegam fraude e não conseguem provar a fraude”, afirmou ainda o ex-governador de Nova Jérsia.

“Se não consegues provar os indícios, significa que os indícios não existem. (…) Por mais que seja um forte republicano e por mais que ame o meu partido, é o país que vem primeiro”, declarou.

O antigo procurador foi um dos adversários de Donald Trump nas eleições primárias do Partido Republicano, em 2016, tendo acabado por desistir em favor do agora Presidente.

Posteriormente, ficou conhecido como um dos seus apoiantes mais fervorosos, indica o jornal Público, tendo sido um dos conselheiros do chefe de Estado na preparação para os debates televisivos contra o democrata Joe Biden, agora Presidente eleito.

De acordo com o mesmo matutino, também o senador republicano Pat Toomey, da Pensilvânia, disse que chegou a hora de o Presidente desistir dos processos judiciais.

“O Presidente Trump esgotou todas as opções legais plausíveis para contestar o resultado da eleição presidencial na Pensilvânia. (…) Felicito o Presidente eleito Joe Biden e a vice-presidente eleita Kamala Harris pela sua vitória. Ambos são dedicados representantes do povo, e rezarei por eles e pelo nosso país”, afirmou num comunicado.

Este fim-de-semana, um juiz federal da Pensilvânia recusou invalidar a contagem dos votos que foi feita neste estado decisivo, por considerar que não há provas de irregularidades. O advogado de Trump, Rudy Giuliani, já indicou que irá recorrer desta decisão para um tribunal superior, sendo que o objetivo da campanha é chegar até ao Supremo Tribunal.

No caso da Geórgia, a equipa de advogados do Presidente também já pediu uma segunda recontagem dos votos, que agora vai ser feita através de uma máquina.

O jornal The Washington Post avança que Donald Trump já está de olhos postos na corrida presidencial de 2024. O ainda governante está a fazer contactos e já disse a pessoas próximas que, ainda antes do final do ano, irá anunciar a sua recandidatura.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Caro sr. Chris Christie ,
    Será possível que explique a uma colectividade em Portugal , que se chama Chega ( Enough), como é que sendo um indefectível apoiante do espantalho Trump, CHEGOU à conclusão que ele perdeu, limpinho, limpinho, as eleições?
    Pode ser que assim parem de balir e possamos ter algum sossego.
    Saudações democráticas.

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …