Abrandamento económico pode dificultar consolidação orçamental em Portugal

António Cotrim / Lusa

A agência de notação financeira Fitch reconhece a “trajetória firme de descida” da dívida pública portuguesa, mas adverte que o abrandamento da economia e as pressões sobre o investimento poderão dificultar a consolidação orçamental nos próximos anos.

“O abrandamento do crescimento do PIB [Produto Interno Bruto] e as pressões no investimento de capital poderão tornar a consolidação orçamental mais desafiante nos próximos anos”, lê-se numa nota de análise divulgada esta segunda-feira pela Fitch sobre a evolução das dívidas soberanas das economias da Europa ocidental.

Segundo a agência de notação – que em junho reafirmou o rating de Portugal em BBB, dois níveis acima de lixo, e manteve uma perspetiva “estável” para a evolução da qualidade da dívida – a “política orçamental restritiva” é para manter em Portugal, cuja dívida soberana se mantém numa “firme trajetória descendente”.

“A forte recuperação cíclica e as políticas orçamentais restritivas conduziram a uma significativa melhoria da situação orçamental“, considera a Fitch, destacando “o compromisso do Governo com uma gestão orçamental prudente” nos últimos anos.

Apesar da descida do rácio de crédito malparado para os 13% no primeiro trimestre de 2018, face aos 16,3% do período homólogo, e à melhoria do rácio de cobertura para 52,2% contra os 45,3% do final de 2016, a agência adverte que a dívida do setor privado “continua alta” e “condiciona o potencial de crescimento” da economia.

“O fluxo líquido de empréstimos a particulares foi positivo em 2017 pela primeira vez desde 2011, impulsionado pelo crédito ao consumo e pelo crédito imobiliário. O endividamento das famílias e das empresas continua acima dos níveis médios da zona euro“, aponta a agência Fitch.

Em relação aos empréstimos concedidos, nota para o valor mais alto atingido nos últimos 14 anos, mesmo depois de alertas do Banco de Portugal.

De acordo com a agência, “o apetite dos investidores por ativos de alto risco está a aumentar”, mas a Fitch “acredita que os bancos vão ter de registar perdas de imparidade adicionais para ativos problemáticos”.

Numa análise que incluiu ainda considerações sobre as economias italiana, espanhola, grega, cipriota, britânica, francesa, austríaca e finlandesa, a Fitch aponta como principais “riscos” para as economias europeias “a perspetiva de taxas de juro mais altas e de abrandamento económico, que colocarão desafios à dinâmica da dívida nas economias mais endividadas”.

A agência avisa ainda que “a composição do ajustamento fiscal poderá mudar, com os juros e gastos de capital a aumentarem”, e prevê que “a partir de 2018 esforços fiscais adicionais venham a ser necessários em países altamente endividados“.

Finalmente, a Fitch nota que “a crescente incerteza política, face às eleições para o Parlamento Europeu, poderá comprometer a dinâmica de crescimento”.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O Costa e o PS querem lá saber disso! É tudo à grande e à palerma! Depois vem outro tapar o buraco. Não percebem que a atual conjuntura é mesmo isso, uma conjuntura. No entanto, alteram elementos estruturais, isto é, não conjunturais. Não é preciso ser-se nenhum iluminado para perceber que quando se for a conjuntura o que fica? Os elementos estruturais, isto é, mais despesa para muito menos receita. E aí vem novamente o FMI. Sabe… Costa e gangue do PS… em Portugal começamos a estar um pouco fartos disto!

Primeiro debate quinzenal arranca esta terça-feira com perguntas de Rio a Costa

Esta terça-feira acontece a o primeira discussão parlamentar entre o líder do PSD, Rui Rio, e o primeiro-ministro, António Costa, depois do Orçamento do Estado. O primeiro debate quinzenal do ano arranca esta terça-feira com as …

Coimas a banqueiros arrastam-se em tribunal. Maioria acaba prescrita

Dez gestores bancários acumulam multas de 16,8 milhões de euros, um montante que iguala todas as coimas decididas pela CMVM a bancos em 15 anos. Dez antigos gestores bancários acumulam coimas de quase 17 milhões de …

O nojo pode levar a pensamentos e sentimentos religiosos

Um novo estudo revela que o sentimento de nojo pode estar na base de pensamentos religiosos. O medo de Deus e do pecado mostrou ser maior em pessoas que se enojavam mais facilmente. Mesmo as pessoas …

"Os pássaros não são estúpidos". Secretário de Estado desvaloriza críticas a aeroporto do Montijo

Os ambientalistas têm alertado que dezenas de milhares de aves de médio e grande porte cruzam-se na zona de proteção especial do estuário do Tejo, junto ao local onde será construído o novo aeroporto do …

Acusado de racismo e sexismo, conselheiro político de Boris demite-se

Andrew Sabisky, conselheiro direto do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, demitiu-se esta segunda-feira, depois de ser acusado de racismo e sexismo pelo próprio Partido Conservador por causa de declarações suas no passado. Em causa estão declarações feitas …

"Impressora de pele" promete ajudar na cicatrização de queimaduras

Uma nova impressora 3D portátil é capaz de depositar "folhas de pele", umas sobre as outras, e criar um curativo biológico para cobrir grandes queimaduras. A nova impressora 3D foi desenvolvida por uma equipa de investigadores …

"Made in Space". A primeira fábrica espacial vai começar a ganhar forma

Com o objetivo de construir coisas cada vez maiores no Espaço, uma empresa do Colorado, nos Estados Unidos, está a preparar-se para uma missão de demonstração de construção. A Blue Canyon Technologies vai fornecer a infraestrutura …

Asteróide que passou recentemente pela Terra não estava sozinho

Astrónomos descobriram que o asteróide 2020 BX12, que passou pela Terra na semana passada, era afinal um sistema binário de asteróides. Estamos a falar do asteróide 2020 BX12, que passou a 4,3 milhões de quilómetros de distância da …

"Parasitas" vai ter uma série na HBO. E já são conhecidos dois nomes do elenco

A produção sul-coreana de Bong Joon Ho, especialmente condecorada pela Academia, merece agora uma adaptação para a televisão pelas mãos da HBO. A série televisiva de "Parasitas" foi anunciada em janeiro e a produção está encarregue …

O carregador do seu smartphone é mais potente do que o computador da Apollo 11

Não restam dúvidas de que a informática deu um passo gigante em termos de evolução nos últimos 50 anos. Agora, um engenheiro de software descobriu que até mesmo o carregador do seu smartphone é mais …