Abiy Ahmed, vencedor do Nobel da Paz, acusado de repressão a cidade etíope

Com a eleição do vencedor do prémio Nobel da Paz, Abiy Ahmed, como primeiro-ministro etíope, a cidade de Ambo passou de símbolo de liberdade a símbolo de repressão.

A cidade de Ambo, na Etiópia, era conhecida por ser um símbolo de liberdade. No entanto, sob a alçada do primeiro-ministro etíope e vencedor do prémio Nobel da Paz em 2019, Abiy Ahmed, a cidade passou a ser vista como um símbolo de repressão, denuncia uma reportagem da BBC.

As forças de segurança do país tentam conter o crescimento de rebeldes e grupos de oposição de inspiração étnica que ameaçam a sua visão.

Ambo é uma cidade com uma grande população de estudantes, muito graças à universidade que abriga. Em abril de 2018, foi um dos principais focos de oposição à subida ao poder de Abiy Ahmed, que prometia pôr um fim a décadas de um Governo autoritário.

Grande parte dos residentes de Ambo são oromas. Os protestos foram potenciados pelo facto de que, embora este seja o maior grupo étnico do país, estes são marginalizados do poder político e económico.

Por sua vez, Ahmed sempre mostrou uma visão bastante otimista para a cidade: “Ambo é onde vamos construir a nossa estátua da liberdade, a nossa Nova Iorque”.

Todavia, um ano depois da sua eleição como primeiro-ministro, os habitantes de Ambo voltam a denunciar o regresso da brutalidade policial. O repórter da BBC que escreveu a reportagem confessa que ele próprio assistiu a este tipo de episódios, em que a polícia espancava e detinha pessoas sem razão aparente.

Vi polícias a andar com uma tesoura, a cortar cabelos de jovens que aparentavam ter cabelos longos ou afros”, conta o jornalista Bekele Atoma. Além disso, denuncia que durante a sua estadia de três semanas na cidade não conseguiu aceder à Internet. Apenas em duas ocasiões conseguiu fazê-lo, embora com um sinal muito fraco.

O Governo não tem motivos para atacar civis, nós preocupamo-nos com o nosso povo mais do que qualquer outra pessoa”, argumentou Taye Dendea, um alto funcionário do recém-formado Partido da Prosperidade, de Abiy Ahmed.

Jawar Mohammed é um dos ativistas de redes sociais mais proeminentes e controversos da Etiópia – assumindo-se também como um dos mais críticos ao primeiro-ministro.

Após Ahmed ser laureado com o Nobel da Paz, no ano passado, Jawar divulgou um vídeo no Facebook no qual acusava o Governo de tentar remover os guardas da sua casa como parte de uma manobra para orquestrar um ataque contra ele.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Leixões nega ter colocado adeptos na bancada a ver um jogo

Episódio aconteceu numa partida de voleibol em Gondomar. Presidente garante que jovens pertencem aos órgãos sociais do clube, Federação não confirma a identidade à entrada. A Supertaça de voleibol começou, no Grupo B, com o duelo …

Ventura quer ser Sá Carneiro do século XXI e ter juventude partidária

O presidente do Chega vai apresentar-se este fim de semana em Évora para a II Convenção Nacional do partido populista de direita como “o principal continuador em Portugal” de Sá Carneiro, o falecido líder fundador …

Alemanha tem provas materiais de que Maddie está morta

As autoridades alemãs têm provas materiais de que Madeleine McCann está morta, garante o porta-voz da Procuradoria de Braunschweig, Hans Christian Wolters, à RTP. Apenas está por provar o envolvimento de Christian Brueckner no homicídio …

BE quer que direito das grávidas a acompanhante seja respeitado

O Bloco de Esquerda (BE) quer que as normas da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre gravidez e parto no âmbito da covid-19 sejam revistas para que o direito das mulheres grávidas a estarem acompanhadas seja …

Proposta do PCP para passar Novo Banco para esfera pública foi chumbada

A recomendação ao Governo proposta pelo PCP para reverter da venda do Novo Banco, transferindo-o para a esfera pública, foi hoje chumbada no parlamento com os votos contra de PS, PSD, CDS-PP, PAN, Iniciativa Liberal …

Trump ataca voto por correspondência. Resultados podem não ser "determinados de forma precisa"

O Presidente dos EUA, Donald Trump, reforçou na quinta-feira no Twitter os ataques ao voto por correspondência nas eleições de novembro, ao que a rede social reagiu ligando duas das suas mensagens a informação verificada …

Quatro candidatos disputarão sucessão de Santana no Aliança

O novo líder do Aliança, que sucederá ao fundador do partido, Pedro Santana Lopes, vai ser escolhido entre quatro candidatos no próximo congresso nacional, agendado para 26 e 27 de setembro em Torres Vedras. Segundo noticiou esta …

Recomendação do PS para tarifa social de Internet sem oposição (mas partidos querem mais)

A recomendação do PS ao Governo para que crie uma tarifa social de acesso à Internet não mereceu esta quinta-feira oposição de nenhuma bancada, mas foram vários os partidos que defenderam a necessidade de “ir …

Ex-deputado PS acusado de uso abusivo de viaturas da Câmara de Barcelos

O Ministério Público acusou de peculato e abuso de poderes o ex-deputado socialista Domingos Pereira, pela alegada utilização de viaturas do município de Barcelos para deslocações de e para a Assembleia da República. Segundo nota publicada …

Quim Torra acusa Governo espanhol de tentar "excluir um presidente no meio de uma pandemia"

Um recurso do presidente separatista catalão Quim Torra contra uma condenação por desobediência que pode afastá-lo do exercício de cargos públicos durante ano e meio foi analisado na quinta-feira pelo Supremo Tribunal de Espanha. Antes …