As abelhas sabem o que é o zero

As abelhas compreendem a noção de ‘zero’, o número que representa a inexistência de algo, à semelhança dos golfinhos, papagaios ou os primatas.

As abelhas acabam de se juntar ao “clube de elite” que consegue distinguir o zero – o número que representa a inexistência de algo, de outras quantidades. Esta é a principal conclusão de um estudo realizado por cientistas australianos e franceses, publicado esta sexta-feira na Science.

Na experiência laboratorial, os cientistas testaram até que ponto as abelhas conseguem classificar quantidades numéricas e perceber que o zero é a base da sequência de números. Enquanto que os humanos, possuem cerca de 86 mil milhões de neurónios, estes animais têm menos de um milhão.

Mas, mesmo assim, as abelhas estiveram à altura do desafio. “O zero é um conceito difícil de compreender e a habilidade matemática não surge facilmente. Uma criança demora alguns anos a aprender”, explicou Adrian Dyer, da universidade tecnológica RMIT, em Melbourne, na Austrália.

Na experiência, os cientistas atraíram as abelhas para uma parede com quadrados brancos e figuras pretas, que representavam números até cinco. Depois, explica o Público, as abelhas foram treinadas para escolher o quadrado com o menor número de figuras. Se o fizessem corretamente, recebiam uma recompensa açucarada.

A equipa de investigadores fez testes com um quadrado sem figuras e com quadrados com figuras e observaram que os animais compreendiam que o zero (o quadrado sem figuras) era o número mais baixo – embora não tenham sido treinadas para tal.

Estes resultados podem ajudar-nos a compreender como diferentes cérebros representam o zero ou, por outro lado, contribuir para novos desenvolvimentos na Inteligência Artificial.

Dyer defende que o zero é tão importante no nosso dia a dia como para a construção de naves espaciais.

“Pensávamos que apenas os humanos tinham inteligência para entender o conceito, mas investigações recentes têm mostrado que os macacos e as aves também têm um cérebro capaz de o fazer. O que não sabíamos – até agora – era se os insectos compreendiam o zero”, concluiu o especialista.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. o meu cão (rafeiro), sabe também o que é o zero.
    se eu lhe der a escolher 2 taças de comida ( uma delas vazia ) ele não vai lá, mas sim prefere a que tem comida, e adicionalmente quando acaba a comida vira-se para nós a pedir mais

  2. Sabe-se que os animais perante várias quantidades de comida separadas escolhem a mais numerosa. São noções de contagem numérica. Este estudo diz uma coisa totalmente diferente. As abelhas raciocinaram, perceberam e tomaram a opção correta perante uma situação que nunca lhes tinha ocorrido. É a prova de que todos os animais são racionais e lhes devemos respeito.

RESPONDER

Novo estudo associa o burnout a uma consequência fatal

Uma nova investigação associa o burnout a um aumento de até 20% no risco de desenvolver fibrilhação auricular, a arritmia crónica mais frequente. O burnout é uma perturbação psicológica causada pelo stress excessivo devido a uma …

Pinto da Costa diz ter total confiança em Sérgio Conceição

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, garantiu que tem "total confiança nos jogadores e no treinador", Sérgio Conceição, que no sábado colocou o lugar à disposição, de acordo com a newsletter oficial dos …

Isabel dos Santos utilizou três identidades para entrar e sair de Portugal

A empresária angola Isabel dos Santos utilizou três documentos de identificação distintos durante as últimas viagens que fez entre Portugal e o Reino Unido. "Izabel Dosovna Kukanova", "Isabel José dos Santos" e "Santos Isabel" foram as …

Voar nunca foi tão seguro, garante a Estatística

Voar em companhias áreas comerciais nunca foi tão seguro, garante um estudo levado a cabo por um professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) que monitoriza o número de mortes de passageiros de todo o …

Coronavírus já provocou 56 mortes. China começa a desenvolver vacina

China começou a desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus, que já provocou a morte a 56 pessoas e infetou 1.975 pessoas no país, informa este domingo o jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). De …

Portugueses vencem "Óscares" de animação em Los Angeles

O filme “Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias” da realizadora portuguesa Regina Pessoa, venceu este domingo o prémio de Melhor Curta Metragem e Sérgio Martins venceu a Melhor Direção de Animação em Longa Metragem, pelo …

Juiz Neto de Moura muda nome com que assina acórdãos

O juiz Neto de Moura, envolvido em algumas decisões polémicas sobre violência doméstica, alterou o nome com que assina os acórdãos, avança o Jornal de Notícias na sua edição impressa deste domingo. De acordo com …

Violenta tempestade faz pelo menos 30 mortos em Minas Gerais

A violenta tempestade que desde quinta-feira assola o estado de Minas Gerais, sudeste do Brasil, já provocou pelo menos 30 mortos e 17 desaparecidos, anunciou este domingo a Proteção Civil. De acordo com o novo balanço, …

Descobertas quatro novas espécies de tubarões que caminham

Foram descobertas quatro novas espécies de tubarões que caminham usando as suas barbatanas. Ao todo são já conhecidas nove espécies deste tipo de tubarões. Investigadores encontraram tubarões que caminham nas águas do norte da Austrália e …

Caso suspeito de infeção por coronavírus em Portugal deu negativo

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informou este domingo que o primeiro caso suspeita de coronavírus em Portugal, com um paciente sob observação no Hospital de Curry Cabral, em Lisboa, deu negativo após  análises. "A Direção-Geral da …