/

A maior roda gigante do mundo fica no Dubai – e já está a maravilhar visitantes

1

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Até agora, a maior roda gigante do mundo era o High Roller, que se situa em Las Vegas. Mas o título passou a ser do Ain Dubai – que já está aberta ao público e a receber visitantes.

Em obras desde 2015, a roda gigante passou por diversas mudanças de nome desde o início do seu projeto. Enquanto os planos de construção estavam a ser feitos, o observatório foi denominado de Dubai Eye – fazendo lembrar o famoso London Eye.

Mais tarde, o nome foi encurtado para Dubai-I e só depois se chegou a um consenso sobre o seu nome definitivo: Ain Dubai, escreve o Interesting Engineering.

Para construir a roda, foram precisas mais de nove mil toneladas de aço. Segundo o Turismo do Dubai,  a quantidade de aço usada foi superior em 25% à usada na Torre Eiffel. Os cabos medem cerca de 2400 quilómetros de comprimento.

A estrutura, construída na ilha artificial Bluewaters, tem 250 metros de altura, sendo que as suas pernas unem-se aos 126 metros, algo como 15 autocarros londrinos empilhados uns à frente dos outros. Conta ainda com 48 cabines com capacidade para 40 pessoas, e podem girar na Ain Dubai 1750 visitantes em simultâneo.

Quem frequentar a roda gigante tem a promessa de “uma vista incomparável de 360 graus” sobre a cidade “numa viagem relaxante, mas fascinante”.

De acordo com o site, é possível ver boa parte da costa da cidade dos Emirados Árabes Unidos, assim como “vislumbres de atrações famosas”, como os arranha-céus Burj Al Arab e Burj Khalifa ou o arquipélago artificial Palm Jumeirah.

A roda gigante estará “aberta dia e noite” e tem disponíveis três tipos de bilhetes diferentes, que incluem a experiência de observação, experiência social e experiência privada. Uma volta nesta roda gigante demora cerca de 38 minutos para ser concluída.

A abertura da Ain Dubai, a 21 de outubro, contou um espetáculo de luzes, drones e fogo de artifício.

  ZAP //

1 Comment

  1. É tudo em grande na ditadura do Dubai, onde a mulher é um ser de segunda… mas ninguém diz nada porque eles são ricos e assim sendo, os direitos humanos ou das mulheres não interessam para nada!…
    Aposto que até há feministas que vão “passear” ao Dubai, porque agora está na moda…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.