A colisão que originou a Lua pode ter tirado à Terra metade da atmosfera

A Terra poderia ter perdido entre 10 e 60% da sua atmosfera na colisão que se acredita ter formado a Lua, sugere uma nova investigação.

Um novo estudo, publicado no Astrophysical Journal Letters e levado a cabo por cientistas da Universidade de Durham, no Reino Unido, mostra que a Terra pode ter perdido entre 10% e 60% da sua atmosfera na colisão que terá dado origem à Lua.

A equipa realizou mais de 300 simulações em supercomputadores para chegar a esta hipótese. As simulações mostram também as consequências dos diferentes impactos entre corpos rochosos nas suas camadas de gases.

Segundo o EurekAlert, dependendo do tipo de choque, também é possível que um dos objetos espaciais acabe por ganhar atmosfera em vez de perder, principalmente se o encontro for lento e envolver planetas jovens.

As simulações sugerem que um impacto “de raspão” em baixa velocidade causa menor perda de atmosfera do que uma colisão direta e em alta velocidade. No fundo, o modelo dos cientistas britânicos tem o potencial de dar pistas sobre o surgimento do nosso satélite natural, além de auxiliar análises relacionadas com outros eventos astronómicos.



“Elaboramos centenas de cenários para muitos planetas em choque, mostrando os impactos e efeitos variáveis na atmosfera de um planeta dependendo de uma série de fatores, como o ângulo, a velocidade e o tamanho dos objetos”, explicou Jacob Kegerreis, do Instituto de Cosmologia Computacional.

“Apesar de estas simulações não nos dizerem exatamente como surgiu a Lua, os efeitos na atmosfera terrestre podem ser usados para delimitar as diferentes maneiras como o satélite teria sido formado, deixando-nos mais perto de compreender a origem do nosso vizinho celestial mais próximo”, acrescentou.

Os cientistas acreditam que a Lua nasceu há 4,5 mil milhões de anos, após um choque entre a Terra primitiva e um gigante chamado Theia, do tamanho de Marte.

As novas simulações permitiram descobrir que os efeitos sobre a atmosfera dos corpos espaciais dependem diretamente dos detalhes considerados, assim como as mudanças dos objetos em si, que podem ser completamente destruídos no processo.

“Este grande conjunto de simulações planetárias também lança luz sobre o papel dos impactos na evolução de exoplanetas semelhantes à Terra”, acrescentou Luís Teodoro, da Escola de Física e Astronomia da Universidade de Glasgow.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ucrânia 2-1 Macedónia N. | “Synio-zhovti” relançam aspirações

A Ucrânia conquistou esta quinta-feira a sua segunda vitória em Europeus, depois de seis derrotas consecutivas, ao bater a estreante Macedónia do Norte por 2-1, em encontro disputado em Bucareste, com arbitragem pelo argentino Fernando …

Mais 1.233 casos de covid-19 em Portugal. Morreram duas pessoas

Esta quinta-feira, Portugal registou 1.233 novos casos e duas mortes na sequência da infeção por covid-19. Segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), foram registados, nas últimas 24 horas, mais 1.233 casos e …

Proibida circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim de semana

A situação epidemiológica em Portugal é agora "mais preocupante", pelo que "dificilmente" o país deverá desconfinar na próxima semana como estava previsto, anunciou esta quinta-feira a ministra Mariana Vieira da Silva. A ministra da Presidência, Mariana …

Lisboa alarga horários de vacinação para atingir as 65 mil pessoas por semana

Já a partir da próxima segunda-feira, os centros de vacinação em Lisboa vão ter horário acrescido. O objetivo é aumentar o número de doses de vacinas administradas por semana para cerca de 65 mil. A partir …

PS diz que portugueses não esquecem que Passos cortou a dobrar no SNS

Pedro Passos Coelho acusou a esquerda de "desqualificar" o Serviço Nacional de Saúde (SNS) e a deputada socialista Sónia Fertuzinhos respondeu que os portugueses não esquecem que o Governo PSD/CDS cortou o dobro no SNS …

Escassez de matérias-primas deverá aumentar preço dos alimentos entre 5% e 10%

As matérias-primas agrícolas sobem com a conjugação do maior consumo e menor oferta por força das más colheitas em países como o Brasil e França, atingidos pelo mau tempo. Desta forma, prevê-se que, nos …

Portugal é o país da União Europeia com mais confiança nas vacinas

Portugal é o país da União Europeia (UE) onde a população tem mais confiança nas vacinas contra a covid-19, com 95% dos inquiridos a considerarem as vacinas seguras, segundo um Eurobarómetro publicado esta quinta-feira pela …

Estas são as dez profissões mais bem pagas em Portugal

O ManpowerGroup fez o levantamento das das dez profissões mais bem pagas do país. Esses profissionais recebem até 150 mil euros por ano. Com base no levantamento das dez profissões mais bem pagas do país, fornecido …

Nave espacial chinesa com três astronautas acopla na nova estação espacial

A nave espacial chinesa que partiu ao início do dia de hoje com uma tripulação de três pessoas já acoplou na nova estação espacial da China, para uma missão de três meses, noticia a imprensa …

Vagas só vão aumentar nos cursos com notas mais altas

Para já, apenas os cursos procurados pelos alunos com médias mais elevadas vão poder aumentar o número de vagas disponíveis no concurso nacional de acesso deste ano. De acordo com o jornal Público, o Governo afastou, …