Santos Silva: “Ter 70% da população adulta da UE vacinada até ao fim do verão continua a ser atingível”

António Cotrim / Lusa

O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros afirmou, esta quarta-feira, que continua a ser atingível ter 70% da população adulta na União Europeia vacinada até ao fim do verão.

Numa programa “Grande Entrevista”, da RTP3, Augusto Santos Silva admitiu que o processo de vacinação na União Europeia está a “decorrer com alguns percalços”, mas afastou o cenário de estar a ser um “fracasso”.

“Nós temos um objetivo, que é ter 70% da população adulta na União Europeia vacinada até ao fim do verão e não revimos esse objetivo. Esse objetivo continua a ser atingível“, disse o ministro dos Negócios Estrangeiros.

“A AstraZeneca tem um problema grave de capacidade de produção, que tem resultado no facto de estar a atrasar as suas entregas e a dizer que vai fazer entregas substancialmente inferiores ao que está acordado. Nós estamos a exigir que o contrato seja cumprido e estamos a procurar que a capacidade de produção que existe na União Europeia seja toda mobilizada para que este atraso seja superado”, explicou.

O governante considerou que “não é admissível que as duas fábricas que a AstraZeneca tem no Reino Unido, que não têm nenhum problema de produção, estejam a ser usadas para vender apenas ao Reino Unido e não para compensar o problema de produção que tem na Bélgica”.

Para contornar esta quebra de fornecimento, Santos Silva explicou que o que se está a tentar fazer “a nível europeu é compensar com fornecimentos adicionais como, por exemplo, da Pfizer”.

“É isto que nos leva a dizer que ainda não está posto em causa o objetivo de chegar ao fim do verão com 70% da população adulta vacinada”, afirmou.

O ministro afirmou ainda que a atual suspensão da vacina não tem nada a ver com este problema de produção, considerando que isso não faz qualquer sentido.

“Então estamos a pressionar a AstraZeneca para cumprir o contrato e aumentar o fornecimento e, ao mesmo tempo, íamos suspender a administração das vacinas? Só se fôssemos masoquistas. Foi uma decisão de política pública“, declarou.

Questionado sobre a eventual utilização das vacinas russas e chinesas, o ministro que tutela a pasta dos Negócios Estrangeiros afirmou que não há nenhum problema com estas vacinas, a não ser que “não passem na EMA [Agência Europeia do Medicamento]”.

Sobre o facto de países como a Hungria ou a República Checa estarem já a adquirir estas vacinas, ao contrário do que foi acordado entre os Estados-membros, Santos Silva considera que esta decisão “põe em causa o princípio da unidade e segurança“.

“Nunca nos podemos esquecer que fazemos parte de um mercado com quatro grandes liberdades, uma delas que permite a liberdade de circulação de pessoas. As medidas que eu tomo devem ser coordenadas com outros porque eu tenho esse direito de circular e nós queremos repor essa liberdade de circulação o mais cedo possível”.

Falando sobre o passe verde de vacinação, que foi apresentado esta quarta-feira pela Comissão Europeia, Santos Silva disse que o Governo português apoia esta ideia, pelo facto de “facilitar imenso a circulação”.

O ministro assegura que não vai haver problemas de desigualdade, porque as pessoas vão poder continuar a entrar noutros países apresentando o teste PCR com resultado negativo. Ou seja, este passe “não é uma condição única”, há outras possibilidades.

Questionado sobre os polémicos gastos e ajustes diretos da presidência portuguesa da União Europeia,  Santos Silva afirmou que assistiu e participou em “mais de uma dezena de presidências”, salientando que, “em todas, menos numa, a alemã, se recorreu a patrocínios”.

“Há uma questão de poupança, mas sobretudo uma questão de promoção de produtos portugueses ou de setores portugueses. Isto não é uma coisa boa para Portugal? Não estamos a promover o nosso setor agroalimentar?”.

Filipa Mesquita, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Vitória SC 1-3 Benfica | “Águia” passa tranquila em Guimarães e continua a voar no topo

Naquele que era apontado como o mais duro teste à sua liderança até ao momento, o Benfica passou com relativa tranquilidade em Guimarães. Frente a um Vitória que tentou discutir o jogo de igual para igual …

Fazer umas calças de ganga exige 10 mil litros de água. Dez marcas estão a criar jeans sustentáveis

As calças de ganga são das peças de vestuário com piores impactos para o ambiente, mas há marcas que estão a apostar na sustentabilidade como um factor atractivo para os consumidores. Estão sempre na moda e …

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …