PJ apreende mais de 400 mil euros em investigação na Câmara de Pedrógão Grande

Tiago Henrique Marques / Lusa

Foram apreendidos mais de 400 mil euros pela Polícia Judiciária na investigação que levou à detenção de um funcionário da Câmara de Pedrógão Grande, suspeito de crimes de peculato e de falsificação de documento.

Esta terça-feira, a Polícia Judiciária fez buscas na Câmara Municipal de Pedrógão Grande, devido a uma denúncia do presidente da câmara por “suspeitas de falsificação de documentos e desvio de dinheiro por parte de três funcionários do Departamento Contabilístico e Tesouraria”, avançou o autarca Valdemar Alves ao Observador.

A denúncia foi feita pelo próprio ao Ministério Público e à Polícia Judiciária. “Já andava desconfiado que algo de errado se passava naquele departamento”, disse. Quando pediu ao Revisor Oficial de Contas para analisar os documentos, o resultado não o surpreendeu. “Confirmou-se a minha suspeita de falsificação de documentos e desvio de dinheiro”.

A PJ apreendeu mais de 400 mil euros na investigação que levou à detenção de um chefe de divisão da Câmara de Pedrógão Grande, suspeito de vários crimes de peculato e de falsificação de documentos.

O caso envolve um chefe de divisão, uma contabilista e uma tesoureira da Câmara de Pedrógão Grande que estão suspeitos da prática de “vários crimes de peculato e de falsificação de documentos”, disse esta quarta-feira à Lusa fonte da PJ. O chefe de divisão foi detido e uma das funcionárias foi constituída arguida.

“Não temos ainda um valor final apurado, mas nas diligências de terça-feira apreendemos, em numerário, um valor superior a 80 mil euros”, sendo que, juntamente com o saldo bancário, foram apreendidos “mais de 400 mil euros”, acrescentou a mesma fonte.

De acordo com a PJ, a prática destes crimes terá decorrido ao longo de 2017 e início de 2018, mas há uma “suspeita forte de que esta atividade já vinha sendo praticada muito antes de 2017”.

A investigação arrancou no início deste ano. A mesma fonte referiu que o desvio de dinheiro da autarquia não está relacionado com fundos de donativos associados ao apoio pós-incêndio.

O suspeito alegadamente “elaborava ordens de pagamento, falsas ou falsificadas, aparentemente em benefício de terceiros, no todo ou em parte”, sendo que terá recolhido “as assinaturas de verificação e de autorização desses pagamentos, de que depois beneficiava pessoalmente, usando o fundo de maneio da autarquia, que mantinha acima dos valores legais”, refere a PJ, num comunicado enviado à Lusa.

Através da elaboração de ordens de pagamento falsas, o suspeito terá liquidado “diversas despesas particulares, recebendo em seguida o respetivo valor, fazendo constar que o pagamento de tais despesas era da responsabilidade da autarquia”, acrescenta a Diretoria do Centro.

O suspeito vai ser presente esta quarta-feira à tarde no Tribunal de Leiria, para primeiro interrogatório e aplicação de medidas de coação.

 

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Todo o Universo primitivo pode ter estado a girar em múltiplas direções

Novas evidências sugerem que todo o Universo primitivo esteve a girar como um planeta ou uma galáxia, deixando um rasto que ainda é visível nos céus. De acordo com o New Scientist, a nova teoria baseia-se …

Nicotina contribui para cancro do pulmão formar metástases no cérebro

A nicotina, uma substância não carcinogénica presente no tabaco, contribui para que o cancro no pulmão se dissemine no cérebro, formando metástases, concluiu um estudo publicado na revista Journal of Experimental Medicine. Uma equipa de investigadores …

Nas montanhas suíças, há quartos de hotel sem paredes nem teto

Dois artistas concetuais suíços criaram sete "quartos de hotel" ao ar livre, sem paredes nem teto, mas com vistas para as montanhas da Suíça e de Liechtenstein. A dupla suíça, os irmãos gémeos Frank e Patrik …

Risco de segunda vaga de covid-19 é alto em França

Um estudo publicado esta sexta-feira revela que a chamada "imunidade de grupo" está longe de ser alcançada em França. O risco de uma segunda vaga de covid-19 em França é "extremamente elevado", de acordo com um …

Desvendado mistério das cartas censuradas entre a rainha Maria Antonieta e o seu suposto amante

A natureza da relação entre a rainha Maria Antonieta e o conde sueco Axel de Fersen continua a intrigar os historiadores há mais de um século. Eram realmente amantes? Agora, graças a uma nova análise …

Ministra do Madagáscar afastada por querer gastar 1,8 milhões em rebuçados para disfarçar sabor de "Covid-Organics"

A ministra da Educação do Madagáscar foi destituída esta quinta-feira, depois de ter proposto gastar 1,8 milhões de euros em rebuçados, para distribuir em escolas e atenuar o sabor de uma infusão para a covid-19. A …

Santa Clara 3-2 SC Braga | Açorianos estreiam-se na nova casa com vitória sobre os minhotos

O Santa Clara venceu hoje o Sporting de Braga por 3-2, em jogo da 25.ª jornada da I Liga de futebol em que se assinalou também a estreia da Cidade do Futebol como palco de …

O maior e mais antigo monumento Maia já conhecido foi descoberto no México

O maior e mais antigo monumento já conhecido construído pela civilização Maia, batizado como Aguada Fénix, foi encontrado no sudeste do México. De acordo com o site New Scientist, o Aguada Fénix é uma enorme …

Twitter bloqueia vídeo de campanha de Donald Trump com tributo a George Floyd

O Twitter bloqueou um vídeo de tributo a George Floyd feito pela campanha de reeleição do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. A rede social colocou um rótulo no vídeo da página da conta @TeamTrump, dizendo …

Depois da covid-19, poder haver uma outra doença respiratória à nossa espera

Com o desconfinamento, vamos gradualmente regressando ao normal, mas agora possivelmente com um novo inimigo. A doença dos legionários pode estar escondida nos edifícios que deixamos para trás. Surtos globais de coronavírus forçaram o encerramento de …