Raça minhota na Europa, grandes com futebol tímido

José Coelho / Lusa

Quinta-feira foi dia de Liga Europa para as equipas portuguesas, que parecem ter andado a “três velocidades”: o Guimarães perdeu com o Arsenal, o FC Porto empatou em casa com o Rangers, o Sporting conseguiu uma vitória tímida frente ao Rosenborg e o Braga foi à Turquia impor-se ao Besiktas.

Comecemos pelas más notícias. O Vitória de Guimarães esteve por duas vezes a vencer em Londres, no Emirates Stadium, contra o Arsenal, com tentos de Marcus Edward (9′) e Bruno Duarte (37′), mas Gabriel Martinelli (32′) e Nicolas Pépé (80′ e 90+2′) selaram o desfecho amargo para o conjunto minhoto.

Pépé foi a estrela do jogo, ao marcar os dois golos de livre direto nos últimos dez minutos. 3-2 foi o resultado final e os vimaranenses já somam três derrotas na competição, continuando no quarto lugar do Grupo F, sem qualquer ponto.

Os gunners lideram o grupo, com nove pontos, seguidos do Eintracht Frankurt, com seis, após o 2-1 caseiro face ao Standard Liège, terceiro, com três.

No final do encontro, o treinador do Guimarães, Ivo Vieira, não conseguiu esconder a desilusão da derrota. “Tivemos um comportamento inexcedível e apresentámos muita qualidade frente a uma grande equipa. Estivemos no jogo até ao fim, o nosso trabalho de equipa foi fantástico e, pelo que fizemos, sinto que o jogo foi ingrato”, cita o Record.

Pagámos caro pelos erros que cometemos, mas se formos para todos os jogos assim vamos ser muito mais fortes. Temos de ser mais equilibrados se queremos andar neste patamar. Podíamos ter pontuado nos três jogos, mas as vitórias morais de nada servem”.

À mesma hora, jogava-se na Invicta, no Estádio do Dragão. O FC Porto teve uma noite muito pouco inspirada contra os escoceses do Rangers e falhou a possibilidade de se juntar ao Young Boys na liderança do Grupo G.

Apesar de o avançado colombiano Luis Díaz ter inaugurado o marcador aos 36 minutos, os portistas não conseguiram segurar o resultado até ao intervalo e o também colombiano Alfredo Morelos restabeleceu a igualdade aos 44, que festejou de forma efusiva junto à claque dos Super Dragões e acabou por ter uma troca de palavras pouco amigável com Tiquinho Soares, que estava a aquecer nesse momento.

Para além da má exibição, que levou mesmo os adeptos a assobiarem os jogadores durante vários momentos da partida, destaque também para o árbitro Nikola Dabanovic, que terminou a duas partes do jogo sem deixar o FC Porto marcar cantos a seu favor.

“Houve algumas situações e erros individuais que nos penalizaram, uma ou outra situação de perigo que criámos, e quando o adversário criou fomos nós que demos azo a que isso acontecesse. Sabíamos que era uma equipa combativa, agressiva no jogo, sabíamos que ia ser um jogo difícil e para eles também”, disse Sérgio Conceição no final do encontro, citado pelo desportivo O Jogo.

Os azuis-e-brancos, que venceram o Young Boys (2-1) e perderam com o Feyenoord (2-0), repartem agora o segundo lugar do grupo com o Rangers, ambos com quatro pontos, menos dois do que a equipa suíça, que ontem se impôs por 2-0 na receção aos holandeses, últimos classificados, com três pontos.

Mais a sul, no Estádio de Alvalade, o Sporting CP conseguiu isolar-se no segundo lugar do Grupo D, ao vencer por 1-0 os noruegueses do Rosenborg.

Um golo do congolês Yannick Bolasie, a meias com um defesa norueguês, aos 70 minutos, selou o segundo triunfo dos leões na prova. Nos últimos 15 minutos de jogo, o Rosenborg ainda tentou empatar e chegou mesmo a provocar alguns sustos aos sportinguistas.

“Uma equipa competitiva, um jogo difícil. Conseguimos melhorar muitos aspetos. Foi uma vitória arrancada a ferros, mas muito importante para nós”, afirmou Emanuel Ferro, treinador adjunto de Silas, no final do encontro.

Com este resultado, o Sporting já conta com seis pontos, atrás do PSV Eindhoven, com sete, que se ficou por um empate a zero na receção ao LASK, que têm agora quatro. O Rosenborg mantém-se no final do grupo, com zero pontos.

Apesar da vitória, voltou a ouvir-se a contestação dos adeptos depois do apito final, mais concretamente das claques leoninas contra o presidente do Sporting. Segundo o Record, membros da Juve Leo e Directivo Ultras XXI agitaram lenços brancos, entoando o já célebre cântico “O que fazes aqui, Varandas?”.

Na Turquia, o Sporting de Braga foi, das quatro equipas portuguesas, a que teve uma noite mais feliz, tendo conseguido isolar-se na liderança do Grupo K, ao vencer o Besiktas por 2-1.

Ricardo Horta inaugurou o marcador, aos 38 minutos, Umut Nayer ainda empatou, aos 71, mas, aos 80, Wilson Eduardo deu o triunfo aos arsenalistas, depois de, aos 74, o sérvio Adem Ljajic ter desperdiçado um penálti, atirando ao poste esquerdo.

No final, o técnico dos bracarenses, Ricardo Sá Pinto, elogiou o trabalho dos seus jogadores e considerou que este foi uma vitória mais do que justa.

“Senti a equipa confiante e, se antes do jogo aceitava o empate como um bom resultado, atendendo ao decorrer percebi que podíamos levar algo mais. Felizmente correu bem e o triunfo é justo, mas em dois minutos tudo podia ter mudado, pelo que não admito responsabilidades acrescidas para os jogos que se seguem com o Wolverhampton e o Besiktas porque no futebol tudo pode acontecer e o fator casa não é suficiente”, cita o jornal Record.

Na classificação, o Braga passou a somar sete pontos, contra seis dos ingleses do Wolverhampton, que venceram por 2-1 no reduto dos eslovacos do Slovan Bratislava, agora terceiros, com quatro. Os turcos continuam a zero.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Família de George Floyd apresenta queixa-crime contra Minneapolis

A família de George Floyd apresentou esta quarta-feira uma queixa-crime contra o município de Minneapolis e contra quatro polícias pela responsabilidade na morte do afro-americano às mãos da polícia, em maio, anunciaram os advogados. "Não foi …

UE reduz lista de países para reabrir fronteiras e mantém EUA e Brasil de fora

Os Estados-membros da União Europeia (UE) atualizaram, esta quinta-feira, a lista de países aos quais reabrem as fronteiras externas, mantendo de fora os Estados Unidos e o Brasil. "Na sequência da primeira revisão ao abrigo da …

24 horas depois, estátua de manifestante antirracismo em Bristol foi removida

A estátua de uma manifestante do movimento Black Lives Matter, erguida, esta quarta-feira, na cidade de Bristol, no Reino Unido, já foi removida. De acordo com o jornal The Guardian, 24 horas depois de ter sido …

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …

Enfermeira norte-americana matou sete doentes num hospital de veteranos com injeções de insulina

Uma enfermeira num hospital de veteranos norte-americanos matou deliberadamente pelo menos sete doentes com injeções de insulina. A mulher, que admitiu o crime, deverá ser condenada a sete penas de prisão perpétua, mais 20 anos …