22 anos depois, quatro mafiosos condenados pelo assassínio do juiz Falcone

Giuseppe Romano / Flickr

Pintura de Giovanni Falcone na praça em Palermo onde o juiz foi assassinado

Pintura de Giovanni Falcone na praça em Palermo onde o juiz foi assassinado

Quatro membros da máfia siciliana foram condenados a penas entre os 12 anos e prisão perpétua pelo seu papel no assassínio em 1992 do juiz Giovanni Falcone, símbolo da luta contra o crime organizado em Itália.

A justiça determinou, 22 anos depois, que os quatro condenados forneceram parte dos 500 quilos de explosivos utilizados para fazer explodir o automóvel que matou o juiz Giovanni Falcone, a mulher e três guarda-costas, perto de Palermo, na Sicília.

Gaspare Spatuzza obteve uma redução da pena para 12 anos de prisão por ter colaborado com a polícia na obtenção de provas que permitiram as restantes condenações.

Giuseppe Barranca e Cristoforo Canella foram condenados a penas de prisão perpétua e Cosimo D’Amato a 30 anos de prisão.

Numa das sessões do julgamento, Spatuzza disse que enquanto membro da Cosa Nostra (máfia siciliana), foi responsável por mais de 40 mortes.

Atualmente a cumprir uma pena de prisão perpétua por seis ataques à bomba cometidos em 1992 e 1993, Spatuzza pode contudo vir a ser libertado ao abrigo do regime italiano de redução de penas.

Dois meses depois de Falcone ter sido assassinado, outro juiz anti-máfia, Paolo Borsellino, foi morto num atentado semelhante.

Os dois casos chocaram a Itália. Falcone e Borsellino foram posteriormente elevados a heróis da luta contra o crime organizado.

O Aeroporto Internacional de Palermo, perto da estrada onde foram ambos assassinados, foi re-baptizado Aeroporto Falcone-Borsellino.

Os dois assassínios foram ordenados por Salvatore “Totó” Riina, o chefe máximo da Cosa Nostra, capturado um ano depois.

Atualmente com 84 anos, o capo, conhecido como “a besta” cumpre várias penas perpétuas numa prisão de segurança máxima.

cesko1971 / Flickr

Homenagem a Giovanni Falcone no local onde foi assassinado

Homenagem a Giovanni Falcone no local onde foi assassinado

/Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Jovem esfaqueou quatro pessoas na cidade francesa de Périgueaux

Um jovem esfaqueou esta terça-feira quatro pessoas na cidade francesa de Périgueaux, tendo uma delas ficado gravemente ferida, segundo a imprensa local, adiantando que a investigação descarta a hipótese de se tratar de um ato …

Greve dos enfermeiros adia mil cirurgias no São José, Santa Maria e São João, avança sindicato

A greve dos enfermeiros, que cumpre esta terça-feira o segundo dia, vai obrigar ao adiamento de mil cirurgias nos hospitais de Santa Maria e S. José, em Lisboa, e no São João, no Porto, disse …

Câmara de Pedrógão Grande não revela onde gastou donativos dos incêndios

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande "vive numa espécie de bolha incontactável" e não revela onde foram gastos os donativos atribuídos para ajuda às vítimas dos trágicos incêndios que assolaram aquela zona em 2017. A …

Jogadores do Sporting apontam o dedo a Bruno de Carvalho no incidente de Alcochete

Ouvidos no âmbito da investigação do incidente em Alcochete, Battaglia e Mathieu - ambos jogadores do Sporting presentes no dia das agressões - apontaram o dedo a Bruno de Carvalho, relembrando que o então presidente …

Jacarta está a afundar e pode ficar submersa já em 2050

Os especialistas alertam que, se nada for feito, alguns lugares da capital da Indonésia podem acabar completamente debaixo de água até 2050. "A possibilidade de Jacarta ficar submersa não é nenhuma brincadeira", adverte o investigador Heri …

Polémica na Web Summit. Marine Le Pen está de volta

O convite feito a Marine Le Pen para participar na Web Summit que se realiza entre 5 e 8 de Novembro, no Altice Meo Arena, em Lisboa, está a gerar polémica. E a SOS Racismo …

Dezenas de mortos após queda de ponte em Génova

A ponte Morandi, localizada sobre a auto-estrada A10, em Génova, no norte Itália, colapsou esta terça-feira. As autoridades admitem que o colapso da estrutura pode ter feito dezenas de mortos e feridos. Inicialmente as autoridades não …

BE e DECO de mãos dadas nas críticas ao BdP sobre serviços mínimos bancários

O Bloco diz que o Banco de Portugal defendeu interesses dos bancos e não dos consumidores enquanto que a DECO defende que grande percentagem da população não sabe o que significa o valor do Indexante …

Carro rompe barreira de segurança do Parlamento em Londres. Suspeito detido

As autoridades britânicas estão a investigar um incidente ocorrido nesta manhã após um veículo ter batido contra as barreiras de segurança junto ao Parlamento, em Londres, no Reino Unido. O suspeito foi detido e não …

Caixas multibanco sob ameaça de ataque em massa

Bancos de todo o mundo foram avisados de que podia estar iminente um ataque em massa às suas máquinas de multibanco. SIBS nega que o apagão deste domingo esteja relacionado com o ataque. Segundo o The …