Em 2020, o Ártico teve a segunda menor extensão de gelo já registada

A 15 de setembro de 2020, o gelo do mar Ártico atingiu a sua extensão mínima anual, a segunda menor já registada. A região do Ártico em geral está a aquecer três vezes mais depressa do que o resto do planeta.

Este ano, o gelo do mar Ártico encolheu para a segunda menor extensão desde que há registos, ou seja desde o final dos anos 70 – anunciaram os cientistas da NASA.

Uma análise de dados do satélite da NASA e do National Snow and Ice Data Center mostra que a extensão mínima de 2020 foi, provavelmente, alcançada a 15 de setembro, e estimou que esta media 3,74 milhões de quilómetros quadrados.

Nas últimas duas décadas, a extensão de gelo do mar Ártico no verão diminuiu acentuadamente. A menor extensão de gelo que foi registada, aconteceu em 2012, depois de uma tempestade assolar a região, e quebrar o pouco gelo que ainda existia. A extensão do ano passado ficou em segundo lugar, até que a deste ano conseguiu um novo recorde.

O gelo do Oceano Ártico sofre padrões sazonais de mudança. No inverno, a água do mar congelada cobre quase todo o Oceano Ártico, bem como os mares vizinhos. Este gelo encolhe durante o final da primavera e do verão, e torna-se mais espesso, expandindo-se durante o outono e inverno.

Mark Serreze, diretor do National Snow and Ice Data Center, disse à CNN que este novo recorde mostra que “o Oceano Ártico está a percorrer um caminho onde se vai tornar sazonalmente livre de gelo. As 14 extensões de gelo mais baixas ocorreram nos últimos 14 anos. Nunca melhorou e não há indicação de recuperação. É algo que nunca vimos antes”.

Os cientistas da NASA afiram que uma onda de calor na Sibéria, durante a última primavera, fez com que o início do derretimento do gelo no Ártico começasse mais cedo.

Nathan Kurtz, cientista da NASA, disse num comunicado que: “este ano o Ártico estava muito quente, e as estações onde normalmente decorria o degelo, estão a começar cada vez mais cedo. Quanto mais cedo começar o derretimento, mais gelo se perde”.

A perda de gelo marinho ameaça a vida selvagem do Ártico, sobretudo a espécies como os ursos polares, as focas, e as algas. “Os números deixam um alerta vermelho, e aumentam a nossa preocupação para com a estabilidade do ambiente e dos animais”, disse Tom Foreman, especialista em vida selvagem polar.

De acordo com a NASA, quedas na extensão do gelo entre 2007 e 2012 – juntamente com o declínio geral da extensão do verão – levaram a que menos regiões de gelo espesso se acumulassem ao longo de vários invernos. Para além disso, um estudo recente mostrou que as águas mais quentes do Oceano Atlântico, estão a aproximar-se do fundo do gelo marinho, e estão a começar a aquecê-lo o que leva a um derretimento precoce.

O gelo está a diminuir no verão, mas também está a ficar mais fino. Esta situação preocupa a NASA pois o gelo fino também derrete mais rápido do que os blocos mais espessos.

Este problema é a consequência das ondas de calor provenientes da Sibéria, dos incêndios florestais, e das temperaturas acima da média que têm sobretudo assolado o Ártico Central.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em abril, o vírus matava 6 vezes mais do que agora. Mas estes números podem mudar em breve

O número de infetados já bateu recordes durante o mês de outubro, mas o mesmo não de pode dizer em relação ao número de mortos. O dia com mais óbitos em Portugal ocorreu a 3 …

Orçamento não reflete "trabalho notável" dos profissionais de saúde, diz bastonário

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, considera que a proposta de Orçamento do Estado para 2021 não corresponde às "expectativas dos profissionais de saúde e dos portugueses" nem investe no Serviço Nacional …

Trump tem uma conta bancária na China (e andou uma década a tentar investir no país)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é detentor de uma conta num banco chinês, e há vários anos que tenta implementar negócios no país. Donald Trump passou uma década a tentar investir na China, onde …

Ricardo Pereira revela segredo para o FC Porto derrotar o City

A jogar em Inglaterra há três anos, Ricardo Pereira conhece bem o próximo adversário do FC Porto na Liga dos Campeões. O internacional português deu alguns conselhos à equipa portista. Ricardo Pereira está a cumprir a …

OE em duodécimos deixa 2.700 milhões de estímulo orçamental em suspenso

A hipótese de haver um Orçamento em duodécimos em 2021 está em cima da mesa. Se tal acontecer, há pelo menos 2.700 milhões de estímulo orçamental que não chegarão à economia. Se o Orçamento do Estado …

Grupo Luz Saúde foi o que mais faturou com a pandemia

O Grupo Luz Saúde faturou quase 40 milhões de euros com a venda de material à Direção-Geral da Saúde (DGS), a hospitais e até a autarquias. A GLSMed Trade, do grupo Luz Saúde, foi a empresa …

Pinto da Costa: "Varandas fará um grande serviço quando se dedicar à medicina"

Manchester City, Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas foram alguns dos temas abordados por Pinto da Costa numa recente entrevista ao Porto Canal. Em entrevista ao Porto Canal, Pinto da Costa fez a antevisão ao encontro …

Espanha pondera recolher obrigatório em todo o país. Esperam-se semanas "muito difíceis"

Salvador Illa, ministro da saúde de Espanha, referiu que o governo está a estudar um recolhimento obrigatário no país, como forma de travar a propagação do novo coronavírus que nos últimos dias tem feito infetado …

Algarve pode consagrar Lewis Hamilton como piloto mais vitorioso de sempre

O Autódromo Internacional do Algarve está a caminho de ver a consagração do piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) como o piloto mais vitorioso de sempre da Fórmula 1, no domingo, no Grande Prémio de Portugal. Depois …

Antigo túmulo siberiano contém casal de guerreiros (e um enorme stock de armas)

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um túmulo com 2.500 anos que continha os restos mortais de quatro pessoas da antiga cultura Tagar. Arqueólogos da Universidade Estadual de Novosibirsk, na Rússia, desterraram um túmulo com 2.500 anos …