Pelo menos 20 fiéis morreram espezinhados na Tanzânia durante cerimónia religiosa

2

vincent.limshowchen / Flickr

Pelo menos 20 pessoas morreram espezinhadas durante uma debandada numa cerimónia religiosa evangélica ao ar livre no sábado, no norte da Tanzânia, afirmaram este domingo testemunhas e um responsável governamental.

“Até agora contámos 20 mortos, mas o número poderá aumentar porque houve feridos”, afirmou Kippi Wariobia, comissário do distrito de Moshi, no norte do país, noticiou a agência France-Presse, citada no domingo pela agência Lusa.

Segundo testemunhas, a debandada começou quando o pastor atirou “óleo sagrado” para o chão e os fiéis correram para tocar naquela substância porque acreditavam que podia curar as suas doenças.

A multidão assistia à cerimónia religiosa presidida por Boniface Mwanposa, que se designa a si mesmo como “o apóstolo” e que dirige um movimento evangélico chamado “Levanta-te e brilha, Tânzania”.

“Foi horrível ver as pessoas a serem espezinhadas”, disse uma testemunha, Peter Kilewo.

  Lusa //

2 Comments

  1. Os Pregadores Evangélicos fazem milagres. Disso não duvido, está mais que visto !….. Pobres de espírito e a miséria material de muitos, são os alvos fáceis desses vigaristas !..mas só cai quem quer !

    • “..mas só cai quem quer !”
      Não é bem assim!…
      Normalmente as religiões “atacam” onde a cultura/educação/informação são escassas e onde “quem tem olho é rei”!
      Estes desgraçados, provavelmente até seriam analfabetos!…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.