Em 1816 não houve verão. A culpa foi de um vulcão na Indonésia

Em 1815, o vulcão Monte Tambora, na Indonésia, explodiu – e terá sido a maior erupção nos últimos 1.500 anos. Há muito que se suspeita que o evento causou o chamado “ano sem verão” na Europa.

Nesse ano, cinzas e dióxido de enxofre bloqueou a luz do Sol. No entanto, cientistas atmosféricos não sabem em que medida a explosão contribuiu para as condições frias e húmidas do ano seguinte. Mas, agora, modelos climáticos estão a ser usados para mostrar que o Monte Tambora causou o frio recorde e possivelmente a humidade.

Para o povo na Indonésia, a enorme erupção no dia 10 de abril refletiu-se num tsunami que matou entre 40 e 60 mil pessoas.

As temperaturas médias em todo o mundo em 1816 foram 0,4º-0,7ºC mais baixas do que nos anos anteriores. Andrew Schurer, da Universidade de Edimburgo, modelou como teria sido o ano de 1816 sem o vulcão, usando o que sabemos das condições anteriores à erupção e da entrada solar.

No artigo publicado este mês na revista especializada Environmental Research Letters, o investigador escreveu que, com erupção ou sem erupção, em 1816, a Europa podia ter experimentado um ano estranhamente chuvoso, mas foi o vulcão que o tornou tão frio.

“A inclusão de forças vulcânicas nos modelos climáticos pode ser responsável pelo arrefecimento e estimamos que aumenta a probabilidade de temperaturas extremamente baixas em até cem vezes“, afirmou Schurer em comunicado, divulgado pelo EurekAlert. “Sem forças vulcânicas, é menos provável que tenha sido tão húmido e altamente improvável que tenha sido tão frio”.

Durante o ano sem verão, as pessoas não tinham ideia das causas. A possibilidade de um vulcão do outro lado do mundo afetar o clima só foi discutida após um arrefecimento semelhante causado pela erupção de Krakatoa em 1883.

Tambora foi conectado pela primeira vez ao ano sem verão em 1913. No entanto, também foi observado que 1816 estava no final de um período de atividade solar invulgarmente baixa, causando um debate sobre se Tambora representava toda a história. Só agora, com modelos climáticos globais avançados, que podemos responder a esta questão com mais detalhes.

A erupção do Monte Tambora ocorreu quando o suprimento de alimentos era invulgarmente vulnerável devido a uma combinação da rutura das guerras napoleónicas e vários verões arrefecidos por erupções menores. Centenas de milhares de pessoas morreram nas fomes subsequentes.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Bruno Tabata assina contrato de cinco anos com o Sporting

O extremo brasileiro, que alinhava no Portimonense, assinou um contrato de cinco temporadas com o Sporting, com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros. O Sporting não refere, no comunicado, o valor da transferência …

Príncipe germânico foi enterrado com seis mulheres em redor de um caldeirão

Um cemitério pertencente a um senhor de alto estatuto foi descoberto na Saxónia-Anhalt, perto de Brücken-Hackpfüffel, numa escavação que os arqueólogos estão a descrever como a mais importante dos últimos 40 anos da história da …

Entre interrupções e insultos, Biden chama palhaço a Trump (e este põe em causa a sua sanidade mental)

Aconteceu ontem o primeiro de três debates, nos quais os candidatos republicano e democrata à Casa Branca - Donald Trump e Joe Biden - têm oportunidade de apresentar aos eleitores norte-americanos as suas propostas para …

Europa alarga restrições. Alemanha limita festas, Eslováquia em emergência e Itália não facilita

Os país europeus estão a anunciar novas medidas restritivas contra a covid-19, num altura em que o número de infeções voltou a aumentar e o inverno está a chegar. De acodo com o Diário de Notícias, …

Jogos da seleção com Espanha e Suécia vão ter adeptos nas bancadas

Os próximos jogos da seleção portuguesa frente à Espanha e à Suécia, no estádio Alvalade XXI, foram autorizados a receber público, revelou, esta terça-feira, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). "No jogo de preparação entre as …

Santos Silva rejeita apoio a Ana Gomes (e diz que polémica com embaixador dos EUA foi ultrapassada)

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros, falou, em entrevista à TVI24 esta terça-feira, sobre a aprovação do Orçamento de Estado para 2021 e as eleições presidenciais e desvalorizou a polémica com o embaixador …

Santa Clara-Gil Vicente vai ser o primeiro jogo da I Liga com público

O jogo entre o Santa Clara e o Gil Vicente, da terceira jornada da I Liga, vai ter uma assistência de mil pessoas, sendo o primeiro jogo profissional da época a ter público no estádio …

Uma rara "anomalia climática" agravou a 1.ª Guerra e a gripe espanhola

Uma equipa de cientistas descobriu uma anomalia climática que ocorre uma vez em cada 100 anos durante a I Guerra Mundial, que provavelmente aumentou a mortalidade durante a guerra e a pandemia de gripe nos …

Marcelo defende que "ninguém lhe perdoaria" se permitisse agora uma crise política

O Presidente da República defende que "ninguém lhe perdoaria" se permitisse a criação de condições para uma crise política no atual contexto de crise sanitária e consequente crise económica. Marcelo Rebelo de Sousa defendeu esta …

"Cada qual no seu lugar". Jerónimo avisa Marcelo que “tudo tem limites” nos poderes presidenciais

O secretário-geral do PCP avisou Marcelo Rebelo de Sousa que “tudo tem limites” quanto aos poderes presidenciais, face aos sucessivos apelos para a viabilização do Orçamento do Estado de 2021 pela esquerda ou pelo PSD. “Cada …