Cientistas criam seda de aranha artificial mais resistente e barata

1228

qnchembio-1789-f4

Cientistas criaram um novo método de produção de seda de aranha artificial, inspirada na seda de aranha natural, mas mais resistente e barata, e com usos que vão desde os têxteis a dispositivos médicos avançados.

O trabalho, publicado esta segunda-feira na revista Nature Chemical Biology, foi realizado por uma equipa de investigadores de Espanha, Suécia, Reino Unido e China.

Um dos coautores do estudo, Gustavo Plaza, investigador agregado à Universidade Politécnica de Madrid, explicou, citado pela agência noticiosa Efe, que a seda de aranha “é um material biodegradável e atrativo para muitas aplicações“, devido “à sua extraordinária capacidade para absorver energia” e por ser “um material biocompatível”.

Contudo, é tão cara de se obter que dificilmente é comercializável.

Na última década, foram desenvolvidas proteínas recombinadas, com caraterísticas semelhantes ao material das teias de aranha.

Mas os métodos habituais para fiar fibras a partir destas proteínas requer o uso de dissolventes ou coagulantes que, em alguns casos, podem ser tóxicos, o que dificulta ou impede, por exemplo, as aplicações biomédicas das fibras.

Além disso, sublinhou Gustavo Plaza, “as fibras artificiais obtidas até agora apresentaram propriedades sensivelmente inferiores às da seda de aranha natural, o que dificultou o seu emprego comercial”.

A seda da aranha é composta por proteínas de grande tamanho. Nas glândulas das aranhas, estas proteínas mantêm-se numa solução muito concentrada, que passa através de um canal estreito, no qual a acidez muda e o material se torna numa fibra insolúvel.

Inspirados na forma como as aranhas fabricam a seda, a equipa internacional de investigadores concebeu uma proteína híbrida, que inclui sequências de aminoácidos presentes nas sedas de duas espécies de aranhas, para controlar a coagulação das proteínas, imitando o processo de fiação natural das próprias aranhas.

Os cientistas desenvolveram, também, um novo método de fiação, que permite controlar a acidez da solução proteica.

Com este método, no qual apenas é usada água com dissolvente, conseguiram produzir seda de aranha artificial mais resistente e maleável do que outras, com uma resistência tal que se aproxima à das sedas naturais.

A seda biodegradável produzida com esta técnica é igualmente mais barata e mais fácil de obter do que a seda natural de aranha, podendo ser usada em biomateriais, em dispositivos médicos avançados e em tecidos para absorver impactos – por exemplo, em viaturas, precisou Gustavo Plaza.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

-

Imagens inéditas registam chimpanzés a fazer e usar ferramentas para beber água

Investigadores de um projecto de conservação na Costa do Marfim conseguiram captar imagens de chimpanzés das florestas locais a fazer e usar ferramentas para beber água. O Comoe Chimpanzee Conservation Project instalou câmaras automáticas que revelaram …

Conceito artístico da superfície de Vénus. O planeta gerou uma superfície nova depois de uma inundação cataclísmica de lava há 500 milhões de anos

Há uma pequena versão do inferno em Cleveland, Ohio

Cientistas norte-americanos criaram o que se pode chamar de uma versão em pequena escala do inferno dentro de um edifício de betão, em Cleveland, no estado do Ohio, nos EUA. O ambiente, totalmente sem janelas, é …

O ministro da Economia do Reino Unido, Philip Hammond

Reino Unido admite tornar-se "paraíso fiscal da Europa" se não chegar a acordo com a UE

O Reino Unido admite mudar de modelo económico e fiscal para se manter competitivo, se não tiver o acesso desejado ao Mercado Único Europeu, disse o ministro da Economia britânico. “Nós deveríamos ser capazes de encontrar …

-

Cientistas encontram “atalho” para curar a cegueira com células estaminais

O potencial das terapias com células estaminais é extraordinário. No entanto, há ainda um obstáculo que os cientistas estão a tentar superar: certificarem-se de que as células sobrevivam no corpo humano tempo suficiente para que …

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon

Ban Ki-moon avança para a presidência da Coreia do Sul

O ex-secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, intensificou este fim de semana a sua atividade política na Coreia do Sul, no que os meios de comunicação consideram uma "campanha preliminar" para anunciar a sua candidatura à …

-

“40 minutos mais tarde e outras histórias” devolvido à biblioteca… 100 anos depois

Um norte-americano devolveu à biblioteca da cidade de São Francisco um livro que tinha sido requisitado pela sua avó 100 anos antes. Mas não foi multado. Segundo o jornal San Francisco Chronicle, o livro devolvido é …

Carrie Fisher, Princesa Leia em Star Wars (1977), de George Lucas

Está decidido: Carrie Fischer não vai ser ressuscitada

No passado mês de dezembro, Carrie Fisher, conhecida por representar a famosa princesa Leia Organa em Star Wars, faleceu e deixou milhões de fãs tristes. No entanto, após sua morte, uma pergunta surgiu: como é …

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho

Passos convidou José Eduardo Moniz a ser candidato do PSD a Lisboa

Pedro Passos Coelho convidou José Eduardo Moniz a encabeçar a lista do PSD à Câmara Municipal de Lisboa, e aguarda agora uma resposta. A informação foi avançada esta noite por Luís Marques Mendes, durante o seu …

Emília Clarke interpreta Daenerys Targaryen em Game of Thrones

Novo livro da saga Game of Thrones pode sair (finalmente) este ano

De acordo com o Watchers on the Wall, George R. R. Martin, o autor dos livros que servem de base à mediática série Game of Thrones, prevê lançar o muito aguardado sexto livro da saga …

-

FC Porto goleia Moreirense e aproxima-se do Benfica

O FC Porto venceu este domingo o Moreirense por 3-0, em encontro da 17.ª jornada da Primeira Liga, disputado no Estádio do Dragão, no Porto. Numa jornada em que o Benfica empatou em casa 3-3 com …