Carteiro condenado por usar cartões de crédito enviados por bancos a clientes

123

angrywayne / Flickr

-

A 2.ª Vara Criminal do Porto condenou esta sexta-feira um carteiro a respectivamente quatro anos e seis anos de prisão, com pena suspensa, pela prática de um crime de abuso de cartão de crédito e outro de burla informática.

O tribunal condenou ainda o arguido a pagar, “no mesmo prazo”, 40.290 euros ao BPI, ao Banco Espírito Santo e à Unicre.

“A decisão, em si, não me desagrada. Vai de encontro ao que eram as nossas expectativas”, disse à agência Lusa o advogado do arguido, Franclim Ferreira, que vai, contudo, recorrer.

O advogado contestou a indemnização que o carteiro vai ter de pagar, considerando-a elevada.

“Se não fosse isso, se calhar não recorria”, acrescentou.

A acusação refere que os factos ocorreram entre Junho de 2007 e Novembro de 2008, altura em que o arguido era responsável pela distribuição de cartas na zona postal 4300 e 4350, no Porto, e em que, alegadamente, se apropriou indevidamente de mais de 30 cartões.

“Apercebendo-se de que as instituições bancárias enviavam aos seus clientes, por via postal, os cartões bancários de crédito e os de débito, bem como os respectivos códigos secretos/PIN, o arguido formulou o propósito de se apoderar das cartas que contivessem cartões bancários e os seus códigos, proceder à sua abertura e utilizar os cartões bancários e códigos em proveito próprio”, explica a acusação do Ministério Público.

Com essa conduta, o carteiro terá conseguido levantar em terminais multibanco 3.750 euros com os cartões de débito e 49.490 euros com os cartões de crédito enviados por correio pelas instituições bancárias e que, alegadamente, não lhe pertenciam.

A juíza Ana Costa, que presidiu ao colectivo que julgou este caso e hoje leu o acórdão, referiu que “o tribunal deu como provado o essencial da acusação”.

A juíza realçou também que “não havia prova documental de alguns levantamentos” supostamente efectuados pelo arguido, que apenas confessou que se apoderou dos cartões que estavam na sua posse” quando foi detido pela Polícia Judiciária.

A verdade, também segundo o tribunal, é que os lesados moravam na área postal onde o carteiro trabalhava até ao momento em que Judiciária vigiou a sua residência, em 26 de Novembro de 2011.

O arguido, que não tinha antecedentes criminais, queixou-se então de algumas “dificuldades económicas”, encontrando-se hoje a viver noutro ponto do país, onde abriu uma empresa.

“A conduta foi grave, muito grave, e por muito tempo”, considerou a juíza Ana Costa após ler a sentença.

“Queremos acreditar que foi um período conturbado da sua vida que não se voltará a repetir”, completou ainda a magistrada, dirigindo-se ao arguido.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O ministro do STF do Brasil, Teori Zavascki

Morre em acidente de avião no Brasil o juiz relator da Lava Jato

O juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil Teori Zavascki morreu esta quinta-feira num acidente aéreo em Paraty, no litoral do Rio de Janeiro. O juiz Teori Zavascki, de 69 anos, e outras três pessoas …

-

Iraque retira embaixador do cargo e recusa levantar imunidade dos gémeos

O ministro dos Negócios Estrangeiros anunciou esta quinta-feira que o Iraque decidiu retirar de Lisboa o embaixador do Iraque em Portugal, pai dos gémeos que agrediram um jovem em Ponte de Sor. O Iraque decidiu retirar …

-

Michelle e Barack Obama já se despediram da Casa Branca

A residência do comandante-chefe dos Estados Unidos está a horas de receber novos inquilinos, portanto a altura é de mudança. Michelle e Barack Obama já fizeram as últimas despedidas. "Ser a vossa Primeira-Dama foi a honra …

Ex-primeiro-ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

Defesa de Sócrates considera nova suspeita "falsa e absurda"

Os advogados de José Sócrates consideraram esta quinta-feira "falsa, injusta e absurda" a nova suspeita lançada contra o ex-primeiro-ministro no caso Marquês, depois de Ricardo Salgado ter sido constituído arguido. Em comunicado enviado à agência Lusa, …

Detentos de Alcaçuz entram em confronto  batalhão de choque da Polícia Militar na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, localizada na região metropolitana de Natal (RN)

Presos entram em nova batalha campal em prisão brasileira

Presos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na cidade brasileira de Natal, voltaram a entrar em confronto na manhã desta quinta-feira. As cenas de um combate de grandes proporções estão a ser transmitidas em direto pela TV. Pelo quinto …

Loalwa Braz Vieira, do grupo Kaoma, cantora do super hit "Lambada (Chorando Se Foi)"

Cantora de "Lambada" encontrada morta em carro incendiado

A cantora brasileira, de 63 anos, foi encontrada morta, esta quinta-feira, num carro incendiado. Loalwa Braz Vieira, conhecida pelo hit musical "Chorando Se Foi" e ícone da lambada, foi encontrada morta esta quinta-feira, 19 de janeiro, …

Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva

OCDE defende redução da TSU em empresas que paguem salário mínimo

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) recomendou esta quinta-feira ao Governo a redução da TSU nas empresas que paguem o salário mínimo, incluindo as novas contratações. O objetivo é, segundo a OCDE, que …

O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho

Bruno de Carvalho apresenta programa com 111 medidas

O presidente do Sporting, recandidato ao cargo, apresentou esta quinta-feira 111 medidas no seu programa eleitoral, entre as quais, a defesa da liderança direta do futebol e da formação, como aposta base da política desportiva. No …

-

YouTube está a permitir alojar pornografia e filmes pirata

Esta falha no YouTube foi divulgada pelo site TorrentFreak e, apesar de ser muito aproveitada por sites de pornografia, também será possível alojar conteúdo pirata. A Google ainda não comentou sobre o assunto e, aparentemente, ainda …

-

Esquerda quer feriado obrigatório no Carnaval, mas PS diz não

O PS anunciou esta quarta-feira que irá chumbar os projetos de lei dos Verdes e do PAN que propõem que a terça-feira de Carnaval seja feriado nacional, argumentando que já foram repostos quatro feriados "retirados" pelo …