Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método.

De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi um novo método para manter o tecido cerebral vivo, que envolveu a combinação de um tipo especial de membrana com um dispositivo microfluídico modificado.

O dispositivo consiste num canal microfluídico semi-permeável, cercado por uma membrana artificial permeável e paredes sólidas. Essas paredes sólidas são feitas de polidimetilsiloxano (PDMS), um polímero de organossilício geralmente utilizado em dispositivos microfluídicos.

Logo, o fluido circulava pelo canal e passava pela membrana permeável para manter o tecido húmido enquanto ainda permitia a troca de gases entre as células. Embora pareça “simples” — para os mais entendidos claro —, os investigadores afirmam que não foi assim tão fácil de concretizar.

“Controlar o fluxo médio foi difícil porque o micro canal formado entre as paredes do PDMS e a membrana porosa era incomum. No entanto, tivemos sucesso depois de modificações por tentativa e erro na membrana porosa e ajustes nas taxas de fluxo de entrada/saída”, explica o bioquímico Nobutoshi Ota, do RIKEN BDR, no Japão, e um dos autores do estudo agora publicado na revista científica Analytical Sciences.

A equipa usou um pequeno pedaço do cérebro chamado núcleo supraquiasmático (SCN), responsável nos mamíferos pela manutenção do ritmo circadiano e dos ritmos biológicos. As células neuronais no SCN trocam e sincronizam informações de fase movendo peptídeos e pequenas moléculas entre as células, o que o torna ideal para o estudo das interações celulares.

As cobaias das quais os cientistas colheram esses SCNs foram geneticamente editados, de modo a que a atividade do ritmo circadiano no cérebro estivesse ligada à produção de uma proteína fluorescente: se tudo estivesse a funcionar como deveria, o tecido também ficava fluorescente.

E foi exatamente isso que aconteceu, durante 25 dias, só porque esse foi o tempo limite estipulado para o experimento. Na verdade, os investigadores esperavam que pudesse durar mais de 100 dias.

É precisamente esse período que tencionam testar da próxima vez. A equipa acredita que o método poderia ser usado para todos os tecidos dos órgãos, não apenas do cérebro. E também há potencial para órgãos humanos criados em laboratório.

“Este método pode ser usado para mais do que tecidos ex plantados de animais. Também melhorará a pesquisa sobre organogênese através da cultura e observação a longo prazo, necessárias para o crescimento de tecidos e órgãos”, conclui Ota.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-governador brasileiro condenado a mais de 10 anos de prisão

O ex-governador do estado brasileiro de Minas Gerais foi condenado, esta quinta-feira, a uma pena de 10 anos e seis meses de prisão pela Justiça Eleitoral do país. Fernando Pimentel foi considerado culpado dos crimes de …

Áudio das viagens na Uber vai poder ser gravado

A partir de dezembro, a Uber vai passar a oferecer aos utilizadores no Brasil e no México a possibilidade de gravar o áudio da viagem com o objetivo de melhorar a segurança do motorista e …

Mourinho quer ser campeão no próximo ano (e não precisa de reforços)

O treinador português foi oficialmente apresentado como técnico do Tottenham, esta quinta-feira, e diz que já tem em vista a conquista do campeonato na próxima época. José Mourinho admitiu hoje que o título de campeão inglês …

Casal homossexual de pinguins "roubou" um ovo para poder ter a sua família

Um casal homossexual de pinguins de um jardim zoológico na Holanda estava tão ansioso por ter as suas crias que não resistiu à tentação e acabou por roubar um ovo de outro par. De acordo com …

Gabriel renova contrato com o Benfica até 2024

O médio brasileiro renovou contrato por mais uma época com o Benfica, até 2024, anunciou, esta quinta-feira, o clube no seu site oficial. "Estou muito feliz com esta renovação por mais um ano, é uma forma …

Malta Files permitiu ao Fisco recuperar milhões. Rui Pinto diz que foi um dos denunciantes

O pirata informático assumiu, esta quinta-feira, ter sido um dos denunciantes dos Malta Files, que permitiu ao Fisco identificar cidadãos e empresas portugueses que se aproveitaram do regime fiscal maltês para pagar menos impostos. "De acordo …

Há 5 anos que aparecem maços de notas nas ruas de uma aldeia inglesa (e ninguém sabe porquê)

Os residentes de uma aldeia inglesa andam a descobrir maços de notas nas ruas desde 2014. Um mistério que, até agora, ninguém conseguiu explicar. Mas há várias teorias e uma envolve o Pai Natal! O dinheiro …

Em 2018, só nove crianças foram colocadas em famílias de acolhimento

Apenas nove crianças tiveram uma medida de proteção em regime de acolhimento familiar em 2018, sendo que quase todas as crianças sinalizadas pelas comissões de menores ficaram na família, a maioria junto dos pais. De acordo …

Militar da GNR diz que droga apreendida na "casinha" era da Juve Leo

Decorreu, esta quinta-feira, a terceira sessão do julgamento da invasão à academia do Sporting, que decorre no tribunal de Monsanto, em Lisboa. O militar da GNR João Oliveira admitiu hoje, em tribunal, que a posse da …

Continental vai acabar com 5500 empregos em todo o mundo até 2028

A alemã Continental vai suprimir 5.500 empregos no mundo até 2028, num contexto de abrandamento conjuntural e de queda da procura por motores a combustão, anunciou esta quarta-feira o fornecedor automóvel germânico. Com o objetivo de …