Vítimas de violação no Reino Unido têm de dar acesso ao telemóvel para investigação não parar

Uma nova medida implementada em Inglaterra e no País de Gales permite que as autoridades solicitem o acesso aos telemóveis, e-mails, mensagens e fotografias às vítimas de variados crimes. Caso não os facultem, a investigação ou o processo podem não ter seguimento.

Segundo avançou o Expresso, na segunda-feira, a medida faz parte das orientações de atuação levadas a cabo pelas autoridades e abrange as vítimas dos mais variados crimes, incluindo violação.

Como explicou a BBC, o pedido de consentimento às vítimas para aceder às informações digitais pode ser um recurso de qualquer investigação, embora o mais provável é que seja usado em casos de violação e de agressão sexual, sobretudo quando estas conhecem o suspeito, situação em que qualquer comunicação entre ambos pode esconder uma prova.

Caso a vítima não dê o seu consentimento, terá a possibilidade de explicar porque não o fez. No entanto, “é possível que a investigação ou o processo não prossigam”.

As medidas não são do agrado das associações de apoio à vítima. As mesmas alegaram que podem tornar-se um entrave para as vítimas, que deixam de denunciar as agressões. Além disso, os mais críticos alertaram para a dificuldade em equilibrar o direito à privacidade e a necessidade de recolha de provas.

O pedido de consentimento é uma medida que surgiu após vários casos terem sido desconstruídos já na reta final – o que tem abalado também a confiança no sistema judicial. Exemplo disso foi o caso de Liam Allan, 22 anos, acusado de violação. No final, surgiram novas provas que viriam a dá-lo como inocente. A polícia de Londres chegou mesmo pedir desculpa pela acusação, admitindo um erro na investigação.

As tais provas de última hora eram as mensagens trocadas entre Liam Allan e a alegada vítima, em que esta dizia o quanto estava apaixonada por ele e sobre fantasias de violação.

TP, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A acusação de violação passou a ser mais uma arma de arremesso contra os homens nesta sociedade misandrica, até pode ser sexo consentido, mas se a mulher se lembrar por algum motivo de se fazer de vítima tem todo o apoio do estado e lá vai um inocente para um calvário!.. As falsas acusações deviam ser severamente punidas, tanto nos casos de assédio, violação, e todas as artimanhas usadas para perseguir o homem! Punindo severamente as falsas acusações protegem se as verdadeiras vítimas, pois não haveriam tantos casos e dar se ia muito mais valor ao depoimento das vítimas de verdade e não se pensaria mais uma mentirosa! Dizem que 90% das acusações de violência doméstica são falsas! Com um número destes como se pode defender e saber quem é realmente vítima? Tem de se arranjar um equilíbrio e proteger as vítimas e os inocentes e o único caminho é punir quem anda a usar a justiça para outros meios que normalmente são de aproveitamento ou de vingança!

RESPONDER

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …